27.06.2022

Ei, Gente! :)

A Bienal do Livro de São Paulo começa essa semana (dia 2 de julho). Já compartilhei a minha wishlist literária versão autoras nacionais. Agora, vou dividir mais três livros internacionais. Vamos lá? Boa leitura! ♥

Crédito das Imagens: Amazon
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

1. A hipótese do amor (Ali Hazelwood – Editora Arqueiro)
Sinopse:
Olive Smith, aluna do doutorado em Biologia da Universidade Stanford, acredita na ciência – não em algo incontrolável como o amor. Depois de sair algumas vezes com Jeremy, ela percebe que sua melhor amiga gosta dele e decide juntá-los. Para mostrar que está feliz com essa escolha, Olive precisa ser convincente: afinal, cientistas exigem provas. Sem muitas opções, ela resolve inventar um namoro de mentira e, num momento de pânico, beija o primeiro homem que vê pela frente. O problema é que esse homem é Adam Carlsen, um jovem professor de prestígio – conhecido por levar os alunos às lágrimas. Por isso, Olive fica chocada quando o tirano dos laboratórios concorda em levar adiante a farsa e fingir ser seu namorado.
Observação da Pequena: Parece uma premissa batida isso de fingir que namora e tals? Sim, mas essas histórias sempre rendem bons suspiros e eu tô louca para embarcar!!!

2. No coração de Manhattan (Lauren Layne – Editora Paralela)
Sinopse:
Violet Townsend sempre gostou de agradar. Criada num universo ultraprivilegiado, ela faria qualquer coisa pelas pessoas que ama, em especial a melhor amiga de sua falecida avó, o mais próximo de família que lhe restou. Então, quando Edith pede a Violet que ensine seu recém-encontrado neto a se encaixar na elite nova-iorquina, Violet concorda, claro. Seu objetivo é tornar Cain Stone o ceo perfeito para a empresa de Edith. Nascido e criado na Luisiana, Cain infelizmente não tem nenhum interesse na avó que ele não sabia que existia, e muito menos em se tornar um almofadinha da cidade grande. Mas em algum momento, entre jantares desastrosos e ternos caros demais, Violet e Cain começam a se dar bem, e ela percebe que ele não é o único ali que tem coisas a aprender.
Observação da Pequena: Esse já está na minha listinha há mais tempo e estou doida para shippar esse possível casal hahaha.

3. Operação Família (Sarah Morgan – Editora Harlequin)
Sinopse:
Flora Donovan parece estar vivendo um sonho em Nova York. Mas seu otimismo esconde um segredo: ela sente uma terrível solidão. Órfã desde criança e criada por uma tia que a via apenas como uma obrigação, nunca sentiu que pertencesse a lugar algum… até conhecer Jack Parker. Ele é a primeira pessoa que a vê de verdade, e Flora está disposta a fazer qualquer coisa para não perder essa chance. A adolescente Izzy Parker está se segurando por um fio. Desde que perdeu a mãe, cuidar do pai e da irmãzinha é a única coisa que a mantém sã. Mas, de repente, quando o pai começa a namorar novamente, até isso é ameaçado. E, para piorar, a intrusa vai acompanhá-los nas férias de família… Agora, Flora não só tem que lidar com uma adolescente bastante hostil, mas deve aprender a viver sob a sombra da esposa perfeita e imortalizada de Jack, Becca, e tudo isso na casa de verão da melhor amiga de Becca. Quanto mais Flora tenta impressioná-los, mais as coisas desandam. Mas talvez seja exatamente do que ela e Izzy precisam para se descobrirem de uma maneira que nunca imaginaram possível.
Observação da Pequena: Eu já imagino o que vai acontecer, porém, estou louca para descobrir como a autora vai construir cada capítulo. Fora que a capa é a coisa mais linda!

***

Claro que a lista é maior, mas esses três vou ficar mega de olho para ver se eu acho alguma promoção imperdível. Aliás, fiquem de olho, que essa semana vou compartilhar dicas para aproveitar cada momento da Bienal.

Não vai conseguir ir até lá? A Cupom Org disponibiliza cupons de desconto imperdíveis para quem ama o mundinho literário. Vale a pena dar uma olhadinha, seja para assinatura e afins. Então, fica a dica.

Agora me contem: quem vai na Bienal? O que pretendem comprar? No mais, podem opinar à vontade. ;-)

Beijos, Carol. ♥

Post Antigo: Como economizar nas comprinhas online?
Fan Page ♥  Instagram

carol
compartilhe
23.06.2022

Ei, Gente! :)

Crédito da Imagem: Pequena Jornalista

Vamos conversar sobre algumas preferências literárias? Então, sabem uma coisa que me faz engatar em um livro fortemente? O tipo de narrador da história.

Não é que eu deixe de lado os que são em 3ª pessoa e tals. Mas sinto que a leitura flui melhor quando está na 1ª. Aliás, se tem a percepção de dois personagens: ai eu devoro os capítulos!

Sei lá. Me sinto mais próxima do que está sendo contado. Uma amiga íntima e, até mesmo, psicóloga da protagonista. Parece que faço parte daquilo tudo, sabe? Mesmo sendo a leitora hahaha. Tudo bem que um dos meus livros favoritos da vida não segue essa minha preferência. Quem narra “A menina que roubava livros” é a morte e não a Liesel hehehe. Porém, é o que acontece na maioria das vezes!

Quando eu finalmente sentar e escrever livros: quero seguir esse caminho da 1ª pessoa. Não sei se é mais fácil ou a dificuldade aperta. Em contrapartida, quero que os leitores tenham essas sensações boas que eu tenho.

Eu sei. Às vezes, uma história cabe mais um tipo de narrador. Outras, outro. “A menina que rouba livros“: tio Markus Zusak acertou em cheio na escolha. Mas a Jenna, na série “Amor & Livros“, não poderia ter escolhido caminho melhor! E a Giulia Paim mandou muito bem colocando a visão da Tina e do Tiago em “Serviço de atendimento aos corações partidos“.

Crédito da Imagem: Pequena Jornalista

Claro, se tiver na 3ª pessoa, eu embarco sim. Mas tenho essa ideia de que o personagem principal narrando me dá mais um gás na leitura. Com exceções, claro! E talvez um dia, isso mude. Ou não! Mas isso é assunto para um outro post.

Agora me contem: narrador de “fora” ou que participa? No mais, podem opinar à vontade!

Beijos, Carol. ♥

Post Antigo: O livro é melhor que o filme?
Fan Page ♥ Instagram

carol
compartilhe
22.06.2022

Ei, Gente! :)

Na última sexta, dia 17, completei 36 primaveras \o/. A ideia era que esse post entrasse na data em questão, mas não deu.

Por quê? Primeiro: eu me enrolei. Segundo: meu Deus, como é difícil escolher apenas 36 livros que marcaram a minha vidinha”. Agora eu sei o que os autores passam quando eu faço essa pergunta para eles hahaha!

Mas missão dada por mim é missão cumprida (mesmo atrasada hahaha). Talvez eu tenha esquecido vários, mas acho que dá para ter uma ideia e tirar algumas dicas literárias. Então, vamos lá? ♥

Crédito da Imagem: Pequena Jornalista

1. Spot Loves his Mum (Eric Hill) *não é esse, mas o meu livro favorito (quando eu era criança) se passa nesse mesmo universo.
2. Menina de 20 (Sophie Kinsella)
3. A menina que roubava livros (Markus Zusak)
4. Malas, memórias e Marshmallows (Fernanda França)
5. O melhor lugar do mundo é aqui (Francesc Miralles e Care Santos )
6. Um presente da Tiffany (Melissa Hill)
7. Damas de Honra (Jane Costello)
8. Freud, me tira dessa (Laura Conrado)
9. O ódio que você semeia (Angie Thomas)
10. Em outra vida, talvez? (Taylor Jenkins Reid)
11. Extraordinário (R. J. Palacio)
12. Álbum de Casamento (Nora Roberts)
13. A culpa é das estrelas (John Green)
14. Enfim, 30 (Camila Fremder)
15. Crepúsculo (Stephenie Meyer)
16. Confissões de uma terapeuta (Renata Lustosa)
17. Como agarrar uma herdeira (Julia Quinn)
18. Não se esqueça de Paris (Deborah McKinlay)

36 primaveras da Pequena. Pareço plena, mas nessa hora também estava
pensando quais livros colocaria na lista hahaha! :)

19. Manual Prático de Bons Modos em Livrarias (Lilian Dorea)
20. Corajosa sim, perfeita não (Reshma Saujani)
21. Quem sabe um dia (Lauren Graham)
22. A lista de Brett (Lori Nelson Spielman)
23. A Troca (Beth O’Leary)
24. Depois daquela viagem (Valéria Piassa Polizzi)
25. Harry Potter e a Pedra Filosofal (J.K. Rolling)
26. Coisas para fazer antes dos 30 (Lisa Lynch)
27. Amor & Gelato (Jenna Evans Welch)
28. A liberdade é uma escolha (Edith Eva Eger)
29. Um filme de nós dois (Fernanda França e Leila Rego)
30. A casa dos novos começos (Lucy Diamond)
31. O Diabo veste Prada (Lauren Weisberger)
32. O pequeno café de Copenhague (Julie Caplin)
33. A lista que mudou minha vida (Olivia Beirne)
34. A seleção (Kiera Cass)
35. Dom Casmurro (Machado de Assis)
36. Como ser adulta e outras (im)possibilidades (Lila Cruz)

Foi um drama finalizar essa lista? Foi, mas consegui uhul \o/!

É isso, pessoal. Espero que os próximos 36 anos sejam repletos de histórias incríveis. Seja chick lit ou clássicos da literatura. Seja com uma pegada teen ou não tão 15 anos assim!

Acredito que todos os livros que embarquei marcaram, mas esses são alguns dos principais. Talvez, alguns eu nem imagino ler mais. Outros: a vontade de reler é grande! Porém, eu sei que muitas leituras novas estão por vir. Enfim… :)

Me conta agora: um livro que marcou a sua vida? Está nessa lista de hoje? No mais, podem opinar à vontade.

Beijos, Carol. ♥

Post Antigo: Livros que estão completando niver
Fan Page ♥ Instagram

carol
compartilhe
21.06.2022

Ei, Gente! :)

Dia 2 de julho vai começar a Bienal do Livro, na Terra da Garoa. E, claro, já estou preparando a minha wishlist literária para não chegar na hora e surtar hahaha.

Então, para a listinha de desejos não ficar só na cabeça, resolvi compartilhar com vocês. Aliás, essa será a versão de autores nacionais. Depois faço a de autores gringos.

Vamos lá? Boa leitura! ♥

Crédito da Imagem: Pequena Jornalista

1. A caixa de música (Lu Piras – Editora VR)
Sinopse:
No final do século 19, Carolina tem o sonho de se tornar estilista. Num acordo com um coronel do café, o pai da moça a promete em casamento a um homem que ela não ama. Beatriz é estudante de moda na mesma cidade, mas em nosso tempo: o século 21. Ela deseja participar de um importante desfile que poderá abrir muitas portas para sua carreira. Às vésperas do evento, a pandemia de Covid-19 faz o mundo parar. Vivendo em séculos diferentes, Carolina e Beatriz não se conhecem, mas estão misteriosamente conectadas por uma caixa de música, que dará a cada uma a chance de revolucionar a própria vida, mudando seus destinos para sempre.
Observação da Pequena: Por algum motivo me lembrou do livro “Menina de 20” e eu quero muito encontrá-lo por lá e quem sabe, de quebra, conhecer a autora?

2. O coração atrás da porta (Bianca Briones – Bertrand Brasil)
Sinopse:
Julia é auxiliar de enfermagem e acha que Eduardo é o amor da sua vida. Ela planeja constituir uma família, ter filhos… Mas, ao poucos, Eduardo vai fazendo com que o relacionamento, antes já abusivo, vire um pesadelo. A vida de Daniel está desmoronando diante de seus olhos. Ele é escritor e precisa encontrar forças para enfrentar as recentes perdas. Em luto, Daniel se isola do mundo e se entrega à depressão. Em meio às dores e aos problemas de cada um, a pandemia do novo coronavírus chega para complicar ainda mais a situação deles. Apesar de levarem vidas completamente diferentes, quis o destino que Julia e Daniel acabassem morando porta a porta.
Observação da Pequena: A capa me conquistou. Mas a história me chamou a atenção, afinal, essas que se passam na pandemia faz com que a gente não se sinta só, sabem?

3. Eu, Cupido (Julia Braga – Companhia Editora Nacional)
Sinopse:
Liliana Rodrigues parece imune às armadilhas do amor romântico. Ela não acredita que pode despertar ou nutrir qualquer sentimento amoroso por alguém, por isso está sempre se esquivando do amor. Seu melhor amigo, Augusto, diz que ela não leva nada a sério, principalmente os sentimentos dele. O que Liliana não espera em sua vida é a aparição, em pleno Dia dos Namorados, de um cupido – ele mesmo, em carne e osso, a mitológica figura que faz as pessoas se apaixonarem. Seu nome é Paco e ele vem com a missão de quebrar as barreiras de Liliana e juntar o casal, mas ele não tem ideia de que sua missão vai ter mais reviravoltas do que pode imaginar.
Observação da Pequena: Esse está na minha listinha há séculos e cada vez que leio a sinopse, a vontade de ler só aumenta.

Crédito das Imagens: Travessa e Amazon
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

4. O que dizem as estrelas (Luly Trigo – Seguinte)
Sinopse:
Nesta antologia, você vai encontrar doze histórias, cada uma acompanhando um protagonista de um signo solar diferente — todos eles moradores do mesmo prédio, o edifício Cosmos. Ali, os conflitos são vários: mudança de casa, problemas na escola, desentendimentos com os amigos, romances surgindo e chegando ao fim… Enquanto mergulha nos dramas de cada personagem, você vai perceber que os signos do zodíaco são repletos de nuances, luzes e sombras, que podem nos ajudar a entender quem realmente somos.
Observação da Pequena: comentei que não sou a louca dos signos, mas esse livro de contos está na minha listinha há mil anos hahaha. Quero muito encontrar a Luly por lá para ganhar uma dedicatória e finalmente embarcar nessas histórias.

5. Ladeira abaixo (Aimee Oliveira – Companhia Editora Nacional)
Sinopse:
Antônia Vasquez mora numa ladeira de Santa Tereza e ultimamente sua vida parece acompanhar o movimento que ela faz todos os dias ao sair de casa: uma descida íngreme. Ela se desdobra em mil para pagar a faculdade, dar conta dos estudos, cruzar a cidade de uma ponta à outra para ir ao trabalho e, ainda por cima, tomar conta de dona Fifi, sua avó, que está apresentando os primeiros sintomas de Alzheimer. Como se não bastasse, um dia, em meio aos tantos transportes públicos que utiliza, ela dá o azar de pegar o mesmo que Gregório, seu ex-melhor amigo. E, pior ainda, acaba desenvolvendo um crush nele. Não existe espaço para uma paixonite na rotina de Antônia. Mas como explicar isso para o coração?
Observação da Pequena: Chegou o meu momento, Gente! Finalmente vou ter um livro físico dessa autora incrível. Se você ama histórias leves e divertidas, é com ela mesmo! ♥

***

É isso, pessoal. :) Nem sempre a gente encontra descontos imperdíveis na Bienal. Por isso, sugiro anotar quanto que tá na Amazon e nas livrarias físicas para saber se vale ou não! Mas se tratando de autoras brasileiras, sempre vale. Afinal, a gente pode encontrá-las nos corredores e, de quebra, ganhar dedicatórias e tals.

Agora me contem: vão na Bienal? Já estão preparando a wishlist? No mais, podem opinar à vontade. ;-)

Beijos, Carol. ♥

Post Antigo: Comprinhas Bienal do Livro
Fan Page ♥ Instagram 

carol