31.12.2021
* Retrospectiva Literária 2021! ♥

Ei, Gente! :) 2021 mal chegou, a gente piscou e 2022 já está batendo na porta. Parece até clichê, mas juro: a cada ano que passa, o tempo voa ainda mais. E como de praxe, fim de um ciclo significa retrô literária por aqui. Vamos lá? ♥

Crédito da Imagem: Pequena Jornalista

1. A Troca
2. Não é errado ser feliz
3. A vida perfeita não existe
4. Clube do Livro dos homens
5. Conto – Amor na loja de chocolates
6. Adultos
7. Lições inesperadas sobre o amor
8. Faça o amor ser fácil
9. Conto – Posso contar contigo, mãe?
10. Os segredos da felicidade
11. Cartas de uma pandemia
12. Como sobreviver a realeza
13. Tudo nela é de se amar
14. Uma proposta irrecusável
15. Um novo capítulo para o amor
16. Canção da mudança
17. A liberdade é uma escolha
18. Amor & Gelato
19. Ponto
20. Voltar para mim
21. Conto – Rabanadas e Milagres para o Natal
22. Conto – E as namoradinhas, Guilherme?
23. Amar é relativo (Quase terminando)

***

Não consegui ler o tanto quanto gostaria, mas faz parte. :) E vale sempre lembrar que o importante é qualidade e não quantidade. Se você conseguiu embarcar em algumas histórias e tirar o melhor de cada uma: já valeu e muito!

Aliás, sabe qual é a meta literária que indico para todos? Aquela que é por prazer. Leia o que tem vontade, sem ligar para preconceitos literários! Saia da sua zona de conforto, mas se jogue no sofá e naquele livro que te chamou atenção. Seja biografia do seu ídolo, um clássico, chick lit e/ou romance de época!

Para 2022, espero que eu leia outras autoras que sempre tive curiosidade e que não faltem leituras que aqueçam o coração, como uma boa comédia romântica, que de rasa não tem nada! E que o próximo ano de vocês seja do jeitinho literário que quiserem. Sem regras!

E para terminar essa retrô: o meu top 5 dos livros favoritos do ano. Está em ordem de leitura e não de preferência. Destaque para “Amor & Gelato”, que foi fez parte do clubinho do PJ, um projeto que finalmente saiu do papel. Yay! ♥

Crédito da Imagem: Pequena Jornalista

Obrigada autores, editoras por tantas histórias que fazem o mundo ser bem melhor! Esses são os cinco favoritos, mas todos os livros, sem exceção, foram válidos!

Todas as resenhas estão disponíveis. Só clicar no nome de cada título da lista acima. Até 2022. Aliás, espero que ele seja leve e digno de um best-seller feliz e cheio de sabedoria! Segunda estamos de volta!! Feliz ano novo, pessoal. Obrigada por acompanharem o PJ mais uma vez. ♥

Beijos, Carol.

Post Antigo: Retrô 2020
Fan Page ♥  Instagram 


9
16.08.2021
* Beda 16 – Top 5: Escritora Beatriz Cortes! ♥

Ei, Gente! :) Esse ano, o blog e o Insta do PJ conseguiu uma parceria bem legal com a Beatriz Cortes, autora nacional. \o/ Ainda não tive contato com a escrita dela, mas pelas sinopses, acho que vou me apaixonar por suas histórias, que parecem ser bem leves. Então, para o post do dia, trouxe cinco livros dela que quero ler. Vamos lá? Boa leitura. ♥

Crédito das Imagens: Amazon
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

1. Por uma questão de amor
Sinopse:
Nicholas é conhecido por ser um cara bonito e mulherengo, que não leva ninguém a sério. Seu colega de quarto, Daniel, é o melhor amigo da garota misteriosa que acaba de se mudar para o Rio de Janeiro e que aguça totalmente sua curiosidade. Lorena acaba de entrar na Faculdade de Medicina da UFRJ. Após presenciar a morte de seu irmão mais velho em um trágico acidente, ela vive um luto que parece nunca ter fim. Lorena encara a universidade como uma oportunidade de sair de Angra dos Reis e tentar deixar o passado para trás. Porém, na Cidade Maravilhosa, ela se apaixona perdidamente pelo único cara totalmente proibido para ela. Ela descobrirá que também existem consequências para quem escolhe amar.
Observação da Pequena: Esse vai ser o meu primeiro contato com a autora. Até semana que vem, espero postar a resenha para vocês. E o mais legal que essa história passa no Rio de Janeiro. Yay. :)

2. O que imaginei para nós dois
Sinopse:
Cecilia sempre se considerou amaldiçoada: além de ter sido abandonada pelos pais em um abrigo, desde os seus dez anos, ela é capaz de prever como seus relacionamentos chegarão ao fim. Tudo muda quando no seu aniversário de vinte e dois anos, seu pedido ao universo é finalmente atendido. Porém, quando Victor, um jovem médico frustrado, tropeça em seu caminho, ambos precisam compreender por que aquele encontro pode ter mudado o rumo de suas vidas para sempre.
Observação da Pequena: Acho uma das capas mais lindas!!

3. Uma mentira (im)perfeita
Sinopse:
Ela tinha uma vida perfeita, até ter duas. Achou complicado? Nem vou colocar a sinopse, porque pode complicar ainda mais hahaha. Observação da Pequena: Amei a capa também e acho que tem cara de ser aquelas comédias que a gente gostaria de ser amiga da protagonista e ama cada capítulo.

4. Meu doce azar
Sinopse:
Alice é uma engenheira bem-sucedida que acaba de descobrir que carrega na cabeça um belo par de chifres. Inconformada com a situação, resolve abandonar o passado e seguir um novo caminho. Mediante suas novas escolhas, Alice é apresentada ao ruivo que produz nela sentimentos até então desconhecidos no alto dos seus 25 anos. Para conseguir chamar a atenção do “Ed Sheeran” brasileiro, ela conta com a ajuda de sua melhor amiga encalhada e de seu irmão gêmeo desajeitado.
Observação da Pequena: Esse vai ser o segundo contato com a autora e só de ter a menção ao Ed, já me conquistou totalmente hahaha. Assim que eu ler, conto para vocês também. :)

5. Minha amarga sorte
Sinopse:
Alice está de volta e pronta para enfrentar novos desafios (e realizar um desejo antigo para o qual se preparou a vida toda!!!). Com um casamento marcado, novas obrigações e uma novidade inesperada no trabalho e também em sua vida pessoal, ela precisará fazer algumas escolhas e, desta vez, por conta própria.
Observação da Pequena: É a continuação de “Meu doce azar” e também estou mega curiosa para embarcar. Parece ser fofo e aquele chick lit que a gente guarda na lembrança eterna de leitora.

***

E vocês? Já embarcaram em algum livro da autora? Qual indicam? No mais, podem opinar à vontade. Boa semana! ♥

Beijos, Carol.

Post Antigo: PJ Entrevista – Gleice Couto
Fan Page ♥  Instagram 


5
22.02.2021
* Top 5: Romances contemporâneos! ♥

Ei, Gente! :) Romances literários abrangem vários gêneros. Do chick lit ao de época, passando pelo drama até o contemporâneo. É tanta opção, que às vezes me confundo hahaha!

Mas para o post do dia, trouxe cinco livros que retratam bem o o último estilo que falei. Não chega a ser uma comédia romântica clássica, em contrapartida, é quase isso. São leituras leves, mas com um toque mais de drama. Tem humor, mas não é o ponto forte, digamos assim.

Uma coleção que resume bem o que eu tô falando é a “Romances de hoje“, da Editora Arqueiro. ;-) Enfim, vamos ao top 5 da vez? Que acho que vai dá para entender melhor hahaha. ♥

Crédito da Imagem: Pequena Jornalista
(Lou Click) ♥

1. Daqui a cinco anos (Rebecca Serle – Paralela)
Sinopse:
Dannie Kohan sabe onde quer estar daqui a cinco anos. O emprego no escritório de advocacia dos sonhos, o noivado com o namorado, entre outros planos. Até o dia em que acorda e percebe que está em uma realidade diferente. Mas quando desperta novamente, tudo volta ao normal e acredita que só foi um sonho! Quatro anos e meio depois, ela vê o cara misterioso daquela página da sua vida e tem uma surpresa nada agradável.
Observação da Pequena: Uma escrita que prende e um romance que chama atenção! Não é uma protagonista que me identifiquei, mas que me ensinou bastante. Tem resenha aqui.

Crédito da Imagem: Amazon

2. Paris para um e outros contos (Jojo Moyes – Intrínseca)
Sinopse:
São dez pequenas amostras da escrita de Jojo Moyes! Um fim de semana em Paris, um assalto em uma joalheria, uma mulher que passa o dia inteiro com sapato de outra pessoa e um shopping lotado na época do Natal. E em “Lua de mel em Paris”, que fecha a coletânea, Jojo Moyes brinda os leitores com um reencontro com as personagens do best-seller “A garota que você deixou para trás”.
Observação da Pequena: Ótima opção para quem quer conhecer a escrita da autora e se deliciar em situações cotidianas. Tem resenha aqui.

Crédito da Imagem: Amazon

3. Não se esqueça de Paris (Deborah McKinlay – Globo Livros)
Sinopse:
Eve Petworth vive reclusa em sua casa na Inglaterra. Ela divide seu tempo entre os livros, a culinária e os preparativos para o casamento da sua única filha, Izzy. Jackson Cooper é um bem-sucedido escritor norte-americano que passa por uma crise existencial. Em um rompante de coragem, Eve decide escrever uma carta para Jackson, um de seus autores preferidos, elogiando uma passagem de uma de suas obras. Apesar de estar acostumado com o assédio das fãs, algo na carta de Eve a conquista, e uma longa troca de correspondência se inicia entre eles. À medida que se conhecem, Jackson, cede à curiosidade e decide marcar um encontro com Eve.
Observação da Pequena: É o típico romance que aborda temas sérios, mas de um jeito leve. Porém, com um tom diferente de uma comédia romântica. Tem drama, cartas e Paris! Tem resenha aqui.

Crédito da Imagem: Amazon

4. A casa dos novos começos (Lucy Diamond – Arqueiro)
Sinopse:
Rosa larga a carreira de sucesso em Londres e, num impulso, recomeçar a vida como sous-chef em Brighton. Já Georgie, se muda para o Sul com o namorado, Simon, atrás de uma incrível oportunidade… para a carreira dele. Charlotte, que após uma grande tragédia, passa as noites isolada em seu novo apartamento. Mas graças a Deus, tem Margot, uma senhorinha que mora no último andar, tem outros planos para ela. Então, quando as três se conhecem, a esperança renasce, uma amizade surge e um novo capítulo começa.
Observação da Pequena: O meu livro favorito da coleção “Romances de Hoje”. É intenso, emocionante e que faz a gente ficar com ressaca literária. Tem resenha aqui.

Crédito da Imagem: Amazon

5. Não é errado ser feliz (Linda Holmes – Intrínseca)
Sinopse:
Evvie Drake raramente sai de casa, mesmo um ano após a morte do marido. Dean, é um ex-arremessador que está passando por uma fase bem ruim na sua carreira. Para ficar longe de tudo que faz mal, ele acaba se mudando para o apartamento anexo à casa de Evvie. Quando se conhecem, os dois combinam de ela não perguntar nada sobre beisebol e ele de não tocar no assunto do falecido marido dela. Mas será que ambas as regras serão quebradas? ;-)
Observação da Pequena: Foi o 2º livro que li esse ano e entra nessa categoria. Lembra um pouco “Não se esqueça de Paris”, mas claro, em outras condições. Tem resenha aqui.

Crédito da Imagem: Amazon

**

Acho que é isso, pessoal. Espero que tenha dado para entender o gênero que eu quis destacar no blog hoje. Se alguém tiver alguma descrição melhor, fica à vontade, viu? :) E dicas de livros assim são sempre bem-vindas!

Beijos, Carol. ♥

Post Antigo: Teto para dois
Fan Page ♥ Instagram 


3
03.02.2021
* Top 5: histórias para rir! ♥

Rir é o melhor remédio. E uma leitura, dependendo da história, faz a gente sorrir de orelha a orelha! Para diminuir o estresse ou sair de uma ressaca literária, nada melhor do que livros leves e que fazem a gente morrer de vergonha de ler na rua de tanto que ri. Então, para o post do dia, separei cinco títulos que tiveram essa função na minha vidinha. Vamos lá? ♥

Crédito da Imagem: Pequena Jornalista

Para começar, escolhi um livro de uma das personagens mais cômicas do universo literário: Os delírios de consumo de Becky Bloom, da Sophie Kinsella. A cada história, ela evoluiu, mas a sua essência doidinha do bem, continua intacta. É impossível não rir das trapalhadas dela e esse é um tipo de livro que não posso ler na rua, se não vou passar vergonha hahaha. Brincadeirinha! ;-)

E também temos autoras brasileiras incríveis que deixam a barriga doer de tanto rir. Por exemplo? “Adulta sim, madura nem sempre“, da Camila Fremder. Ela já é maravilhosa no Insta, mas os livros dela são uma injeção para deixar a vida menos pesada, mesmo com as coisas chatas, que qualquer ser humano acaba enfrentando. Tem uma parte que as mamães se identificam mais, porém, quem ainda não é mãe, se diverte também.

E um livro que deu um up na minha relação com a vida amorosa e me ajudou a entender melhor como lidar foi “Freud, me tira dessa“, da Laura Conrado. É impossível não se identificar com a Cat! O mais legal é que a gente chora de tanto gargalhar, mas também aprende um monte de lições valiosas.

Crédito da Imagem: Pequena Jornalista

Voltando aos autores gringos: A lista que mudou minha vida, da Olivia Beirne, é um exemplo nítido de chick-lit, que te faz sorrir, gargalhar e querer ser a melhor amiga da protagonista. Tem a parte série, mas o livro é repleto de capítulos divertidos e bem gente como a gente.

Por fim, mas não menos importante, temos a rainha do romance de época… Julia Quinn, com “Como agarrar uma herdeira“. Todas as histórias dela tem uma pitada de comédia. Mas esse é o mais divertido, juro!! E um dos meus preferidos. Não queria largar esse livro e contém páginas que deixam a vida do leitor mais engraçadinha e feliz. ^^

Agora me contem: o último livro que te fez rir muito? Ah! Todos esses que citei, vocês encontram a resenha clicando no nome de cada um. No mais, podem opinar à vontade. E essa semana, vou colocar em dia as visitas pela blogosfera, ok?

Beijos, Carol.

Post Antigo: Livros que adoçam a vida!
Fan Page ♥ Instagram  


3
27.01.2021
* Top 5 literário: Taylor Jenkins Reid! ♥

Ei, Gente! :) Para o top 5 literário da vez, selecionei histórias de uma autora gringa que sempre encontro nas livrarias: Taylor Jenkins Reid. Quer dizer, não ela, mas os livros dela hahaha. Enfim, vamos lá? Bom post. ♥

Para começar, queria dizer que o meu primeiro contato com ela, foi incrível. “Em outra vida, talvez?” entrou para a minha listinha de favoritos. É um romance bem com a cara de chick-lit e com uma pegada de realidade paralela, mas de forma leve e divertida. Já a segunda vez em que eu embarquei em uma história dela… Fuén! :( “Amor(es) Verdadeiro(s)” não me prendeu tanto o quanto imaginei e foi uma leitura bem arrastada! Mas acho que sou uma exceção, porque escuto todo mundo falando bem hehehe. Acontece, né?

Crédito das Imagens: Amazon
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

Confesso, que depois do segundo livro, tento não criar muitas expectativas com os outros. Mas acho que como uma história me conquistou 100%, vale a pena dar uma chance! Por isso, esses três estão na minha listinha. Vejam só:

1. Depois do sim (Editora Paralela)
Sinopse:
Lauren e Ryan chegam à conclusão de que não estão felizes juntos. Mas o fim, pode ser o começo. Um ano diferente, mas com aprendizados importante para ambos se conhecerem de verdade (mais do que imaginam).
Observação da Pequena: Pela sinopse, acho que é o tipo de livro que eu vou curtir. Aliás, foi um dos últimos que vi na livraria e quase coloquei no carrinho. Fico meio assim, porque algo lembra “Amor(es) Verdadeiro(s)”, mas acho que esse ano rola a leitura dele.

2. Os sete maridos de Evelyn Hugo (Editora Paralela)
Sinopse:
Lendária estrela de Hollywood, Evelyn Hugo sempre esteve sob os holofotes. Agora, prestes a completar oitenta anos e reclusa em seu apartamento no Upper East Side, a famigerada atriz decide contar a própria história (ou sua “verdadeira história”). Monique Grant, jornalista iniciante, ficou com essa missão e logo vai perceber que nada é por acaso.
Observação da Pequena: Acho que esse é um dos livros mais famosos da autora. Confesso, que a curiosidade bate mais pela fama dele, mas acredito que eu possa me surpreender. Olha eu criando expectativas hahaha!

Crédito das Imagens: Amazon
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

3. Daisy Jones e The Six (Editora Paralela)
Sinopse: Todo mundo conhece Daisy Jones & The Six. Nos anos setenta, dominavam as paradas de sucesso, faziam shows para plateias lotadas e conquistavam milhões de fãs. Eram a voz de uma geração, e Daisy, a inspiração de toda garota descolada. Mas no dia 12 de julho de 1979, no último show da turnê Aurora, eles se separaram. E ninguém nunca soube por quê. Até agora.
Observação da Pequena: Esse também é bem famoso, mas nunca me atraiu muito. Em contrapartida, a informação de que a narrativa é escrita através de entrevistas fictícias, me chamou muita a atenção!

***

É isso, pessoal. :) Lição do dia: tentar não apostar todas as fichas de leitora, mas sempre dar chances. Cada história pode mexer de um jeito com a gente! Agora me contem: vocês já leram algo Taylor?

Beijos, Carol.


4

Pequena Jornalista - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2022