23.04.2020
* 10 fatos sobre a pequena leitora que vos bloga! ♥

Ei, Gente! :) Sabia que hoje é o Dia Mundial do Livro? Já expliquei nesse post uma das tradições mais legais sobre essa data. Daí, hoje eu resolvi contar sobre 10 fatos que talvez você não saiba sobre a pequena leitora que vos bloga! ♥

Pequena Leitora ♥

1. Têm alguns clássicos que eu nunca embarquei. Tipo? Jane Austen e O Pequeno Príncipe (mas sei por alto do que se tratam). E o primeiro livro que marcou foi “Depois daquela viagem”.

2. O pai da minha irmã, o Tio Dalmo, foi uma das pessoas que mais me incentivou a ler. Toda semana eu tinha que pegar um livro na biblioteca. E a minha mãe que me deu um combo cheio de livros da Sophie Kinsella. Então, o meu amor por essa autora é culpa da mamys hahaha.

3. A primeira resenha que fiz no PJ foi “Menina de 20”, que a propósito é o meu livro favorito da Sophie Kinsella. Não ficou mil maravilhas, mas ficou bonitinho hahaha. E em 2014 que o blog virou oficialmente “literário”.

4. O primeiro livro que esqueci por aí foi “Eleanor & Park”, no aeroporto internacional do Rio de Janeiro. Desde então, rolam vários esquecidos da pequena por aí hahaha.

5. Não sou do tipo de leitora que devora em poucos dias (só às vezes) o livro e não consigo ler dois ao mesmo tempo. Ah! E eu não sou do tipo que relê uma história, mas acho que embarcaria novamente no livro “O melhor lugar do mundo é aqui”.

Crédito da Imagem: Pinterest ♥

6. Sou do team livro físico, mas na última Bienal comprei um Kindle e estou começando a gostar e ver os benefícios. Mas nada substitui tocar no papel, ir na livraria e ter uma estante repleta de histórias.

7. Sou bem medrosa, então passo longe de livros de terror e suspense pesadão. Mas confesso que, às vezes, bate umas curiosidades… Porém, sei que a noite não vou conseguir dormir, aí deixo para lá hahaha.

8. Meu gênero favorito da vida: chick-lit. Aliás, as minhas autoras favoritas são Sophie Kinsella e Fernanda França. E eu sou apaixonada por “A menina que roubava livros” e não empresto por nada nesse mundo.

9. A primeira pessoa que topou responder as perguntinhas literárias do PJ foi a Teca Machado, que também é book blogger. E, desde então, muitas entrevistas rolaram no bloguinho.

10. Há séculos fiz uma conta no Skoob, mas nem dei bola. Daí, semana passada, fiz uma nova e eu finalmente montei a minha estante, que particularmente está linda hahaha. E, descobri que desde 2002 eu li 213 livros! Aliás, quem quiser, me segue lá: Skoob da Pequena.

Reprodução Skoob ♥

É isso, gente! :) Agora me contem algum fato literário curioso sobre vocês! No mais, podem opinar à vontade.

Beijos, Carol. ♥

Post Antigo: Dia Mundial do Livro 2018
Fan Page ♥  Instagram


12
23.04.2019
* PJ Leu: Corra, Abby, Corra! ♥

Ei, Gente! :) No Dia Mundial do Livro, não tinha como o post não ser sobre uma história literária, né? Então, a dica de hoje é “Corra, Abby, Corra!“, da autora Jane Costello. Publicado pela Record, o livro é um daqueles chick lit que faz a gente entender o motivo de tanto amar esse mundinho literário. Então, vamos lá? Boa leitura!

PJ Leu - Corra Abby CorraLivro: Corra, Abby, Corra! | Editora: Record | Autora: Jane Costello
Crédito da Imagem: Pequena Jornalista
Nota de 1 a 5: 5 livros!

Sinopse: Abby Rogers nunca foi de se preocupar com hábitos saudáveis e, desde que fundou a River Web Design, as coisas só pioraram. Fazer as refeições nos horários certinhos é missão impossível. Mas quando a sua melhor amiga, a Jess, maratonista incurável, a convence de participar de um clube de corrida, nossa protagonista topa se arriscar. Claro, que a sua motivação tem nome, apelido e um sorriso encantador: Oliver, ou melhor, Dr. Sexy, que a propósito é o capitão do clube.

Seu primeiro dia de corrida? Um desastre total! Com certeza, essa atividade não combina nada com ela. Então, depois de ter a sensação de que seus pulmões foram incendiados, prometeu nunca mais correr…. Até que a sua assistente Heidi lhe dá a notícia que é portadora de esclerose múltipla, uma doença que não tem cura. Sendo assim, ela ganha um outro incentivo na corrida e decide investir nessa “carreira” para arrecadar fundos para uma pesquisa da cura dessa enfermidade.

Claro que ela vai precisar de muito fôlego para enfrentar essa e outras corridas diárias da vida: gerenciar a sua empresa (que não está muito bem), lidar com os pais, conquistar o Dr. Sexy e ainda por cima enfrentar um motoqueiro que cruzou o seu caminho por acidente (literalmente) e muito mais. Haja disposição! Mas será que ela vai ter para essas maratonas atípicas? Só lendo para descobrir. ;-)

Minha opinião: Que livro, gente! Primeiro que a escrita da autora te envolve a cada capítulo, fazendo com que você não queira parar de ler um segundo. Amei a premissa e como ela foi desenvolvida! A princípio, não era um livro que chamaria a minha atenção, a não ser pela capa (que é linda). Os assuntos, como corrida e esclerose múltipla, me deixariam sei lá… Porém, os temas foram tratados com diversão na medida certa e seriedade com leveza quando pedia. Essa dosagem me conquistou do início ao fim e me fez aprender mais do que imaginei.

Quanto aos personagens: a Abby é aquela protagonista que dá vontade de ser amiga na vida real. Fiquei bem orgulhosa da atitude dela! Enfrentar um desafio pelo outro, fez ela ganhar em dobro. Afinal, quando a gente ajuda o próximo, também nos ajudamos. Viram? Em poucas páginas, a gente já aprende tanto.  Tom é o meu crush literário atual e Dr. Sexy dá raivinha, mas está na listinha de suspiros literários hahaha! A equipe da empresa dela é o meu grande objetivo de vida profissional! Heidi é outra personagem queridinha. O jeito como ela lida com tudo é inspirador. Jess… Confesso que não foi a minha personagem favorita! Os pais? O final deles é surpreendentemente bom. Aliás, o livro fala sobre a outra face do perdão em relação à traição. Faz com que a gente reflita muito! Não sei se faria o mesmo, mas com certeza o meu julgamento está menos 8 ou 80.

E vocês acreditam que me deu vontade de correr? Não só a atividade física em si, mas correr ainda mais atrás dos meus sonhos! Clichê, eu sei, mas é a pura verdade. Caiu como uma luva nessa nova fase da minha vidinha! Obrigada, Abby. Obrigada, Jane Costello (você está no meu topo de escritoras favoritas e que me inspiram)! Enfim, é um chick lit que faz a gente chorar de tanto rir e de chorar mesmo. O desfecho foi emocionante! Os primeiros capítulos até dão a entender o que vai acontecer no fim, mas o caminho até lá é leve e perfeito com imperfeições. E a vida real é assim mesmo, né? E tudo bem! No mais, essa história entrou para a minha lista de favoritos e me fez abraçar o livro quando terminei. Então, RECOMENDO MUITO♥ 

***

É isso, pessoal. Fica a dica! E quem já leu, conta o que achou. =)

Ah!! E feliz dia para todos que fazem parte desse Dia Mundial do Livro!!! ♥ 

Beijos, Carol.

Post Antigo: PJ Leu – Minha vida não tão perfeita

Fan Page ♥ Instagram 


4
23.04.2018
* {Beda 23} – Dia Mundial do Livro! ♥

a313639a58eadc8bc350dbb811d16a1aCrédito da imagem: Pinterest! 

Ei, Gente! :) Sabia que hoje é o Dia Mundial do Livro? Uma das datas mais especiais, afinal, o que seria da nossa vida sem essa palavrinha tão mágica e que faz a gente viajar, aprender, suspirar, chorar, rir e um milhão de coisas mais. Não importa se o livro é ficção, chick-lit, fantasia, thriller, biografia, clássico, entre outros gêneros. O importante é ler. Sem essa de preconceito literário! Enfim, um post curtinho para agradecer a todos os autores pelas histórias incríveis. E todos que fazem parte disso. Seja leitor, blogueiro, editor, livreiro… Cada livro que embarquei, marcou de um jeito. Até quando a leitura não bate muito, acrescenta de alguma forma. Por isso, digo mais uma vez: leia. Faz a diferença, de verdade! Alguns dizem que é uma forma de fugir da realidade. Até concordo, mas é uma fuga tão rica e vasta. Então, por que não?

E aqui vai uma listinha de alguns autores que escreveram algumas das minhas histórias favoritas:

– Sophie Kinsella
– Fernanda França
– Laura Conrado
– Julia Quinn
– Teca Machado
– Lucy Holliday
– Markus Zusak
– Angie Thomas
– Lauren Graham
– Nora Roberts
– Melissa Hill
– Lori Nelson Spielman
– Kiera Cass
– R. J. Palacio
– Deborah McKinlay
– Lauren Weisberger
– Jennifer E. Smith
– Jojo Moyes
– Nicholas Sparks
– John Green

Quem quiser ler alguma resenha de algum desses escritores, é só digitar o nome dele na caixinha de busca do blog, ok? Agora me contem: quem está na listinha de autores favoritos da vida?

3f46654561f3a94efdac2af2b32badd7Crédito da imagem: Pinterest

Beijos, Carol. 

Para Ler: Tradição Livros & Flores – Barcelona!

Fan Page ♥ Instagram 


2

Pequena Jornalista - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2021