20.10.2023

Ei, Gente! :)

2023 está na sua reta final e, consequentemente, a escolha para o próximo planner está aí. Aliás, que tarefa difícil decidir qual será o de 2024. E como eu sei que muita gente também fica na dúvida e tals, decidi mostrar alguns dos critérios que uso para bater o martelo.

Então, vamos lá? Espero que ajude de alguma forma! ♥

Crédito da Imagem: Pequena Jornalista

1. Capa do planner
Explicação:
esse é um ponto que levo muito a sério mesmo. Afinal, o item em questão vai me acompanhar diariamente e não ter uma que combine comigo, mesmo que o conteúdo por dentro seja incrível, não rola. Porém, também é muito chato quando a capa é linda e as demais páginas acabam não tendo muita funcionalidade para mim.

Crédito da Imagem: Feito por Melanie

2. Mês para decorar
Explicação:
já contei para vocês que decorar a capa de cada mês é tipo uma terapia. Claro que nem sempre eu estou inspirada, mas ter esse espaço para colocar o meu lado artista para fora é uma característica que presto atenção. Eu até gosto quando já vem pronto, em contrapartida, prefiro quando a marca me dá essa liberdade, nem que seja uma página atrás para eu fazer as minhas colagens.

Crédito da Imagem: Meg & Meg

3. Datado
Explicação:
Já usei planner não datado e o do blog desse ano é assim. E mesmo gostando de colar adesivo e afins, acho mais prático quando vem com a data, os feriados e por aí vai. Fora que quando eu compro eu uso naquele ano mesmo. Nunca deixo para depois e, caso contrário, esse depois acaba nunca chegando. Como uma amiga disse: cuidado com o golpe do plano não datado, que a gente pode achar que um dia vai usar e vocês já sabem hahaha.

Crédito da Imagem: Magnólia

4. Visão semanal (na vertical)
Explicação:
Eu já usei tanto na vertical quanto na horizontal. Mas parece que a primeira me dá mais possibilidade de decorar a semana, sabem? Eu ainda não sei qual será a minha próxima escolha, porém, é bem provável que esse critério esteja presente mais uma vez!

Crédito da Imagem: Criare

5. Preço
Explicação:
Esse tópico é muito relativo, né? Às vezes o que é ok para mim, não é para você (e vice-versa). Mas assim eu vejo sempre o custo-benefício e levo muito em conta todo o trabalho que a marca teve para trazer planners maravilhosos para a nossa vidinha. Imagino o que deve rolar por trás dos bastidores! E assim, tem de ver se é uma coisa que você compra e acaba não usando ou usa até o dia 31 de dezembro mesmo. Para mim, é um investimento que compensa e realmente me ajuda na rotina. Porém, tento unir o útil ao agradável, sabem? E sempre fiquem de olho nos cupons de desconto disponíveis, brindes e tal. ♥

Crédito da Imagem: Criare

***

É isso pessoal. Lembrando que não existe certo ou errado, viu? Tem que ver o que funciona para você, a sua rotina e forma de organizar. Veja qual é o seu objetivo e só digo uma coisa: tem para todos os gostos e bolsos. Inclusive, aqui vai uma listinha de alguns pretendes dessa Pequena que vos bloga hahaha:

Feito por Melanie
Criare
Magnólia
Meg & Meg
Uma tipo

Em cada tópico acrescentei uma imagem dessas papelarias que selecionei. Queria unir essas cinco coisas que mais amei e criar um hahaha. E quem quiser, pode entrar no site para olhar outros detalhes também e outras opções. :)

Prontinho! Espero ter ajudado e não ter confundido vocês mais ainda hahaha. Quando eu decidir qual planner vou usar no próximo ano, conto aqui. Provavelmente será um desses cinco ou algum diferente, vai saber. Aliás, alguns que eu gostei já esgotaram, incluindo o da Aff The Hype, da Procrastinadora hahaha.

Agora me contem: sabem qual será o planner de vocês? No mais, podem opinar à vontade.

Beijos, Carol. ♥

Post Antigo: Já escolheu o seu planner?
Skoob ♥ Instagram

carol

leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 Comentários