14.07.2016

Projeto Drama Queen - Imagem 1

Passou um pouco da meia-noite, fechei meu livro, dei boa noite para o marido e para o cachorrinho e apaguei o abajur.

Todo o ambiente prometia ser uma noite tranquila. Mas foi uma promessa não cumprida.

No fim de uma gripe e de uma faringite, estava tossindo muito há uns dias. Nessa noite específica mais do que o normal, talvez porque fiquei ao ar livre no parque malhando até bem tarde e peguei frio. Só sei que comecei a tossir, tossir e tossir.

Pior do que me incomodar, percebi que estava atrapalhando meu marido dormir. Ele não reclamou, porque sabe que a culpa não é minha, mas eu sei que estava chato.

Para piorar, o Calvin, meu cachorrinho, resolveu que não tinha gastado energia suficiente para o dia e não queria dormir. Aí começou a correr pelo apartamento todo, fazer barulho com os brinquedos dele, bater a unha no piso e até mesmo dar umas latidinhas.

Ou seja: mais distração ainda para dormir.

Nisso já era mais de 1h30.

Eu tossindo e o cachorro latindo. Pobre, marido!

Para piorar, naquela tarde um borrachudo me picou e a minha perna estava coçando horrores. O que me deixava menos ainda com vontade de dormir, logo eu que a vida inteira dormi tão bem e tão rápido.

Para não atrapalhar mais ainda o meu marido, que está tendo uma semana super pesada no trabalho, saí do quarto e fechei a porta. Não é porque eu e o Calvin não conseguíamos dormir que íamos impedir ele também, né? Fui para a sala esperar o sono vir.

Raramente tenho insônia, mas quando isso acontece uso a minha técnica de “contar carneirinhos”. Imagino uma praia deserta bem calma com a onda indo e vindo, indo e vindo, indo e vindo… Aí fica tão chato que me dá sono e eu durmo. Nem isso funcionou!

E já era 3h40.

Projeto Drama Queen - Imagem 2

Meus olhos fechavam de cansados, mas minha tosse, minha coceira e agora nem meu cérebro desperto me deixavam desligar. Foi batendo o desespero. Até esse texto comecei a escrever na minha mente, pensando, “caramba, esse é muito um post para o Projeto Drama Queen”.

Tudo o que eu podia fazer nesse ponto era deitar e esperar. Fiquei orando “Jesus, por favor, por favor, por favor, me deixa dormir. Eu preciso dormir. Eu estou morta de cansaço. Eu odeio ficar sem dormir. Me ajuda”.

E assim, antes mesmo que eu terminasse a oração, eu dormi.

Obrigada, meu Deus.

***

Não sei vocês, mas eu sendo privada de sono fico uó, é uma das piores coisas que pode acontecer no meu dia. Felizmente eu não precisava acordar cedo no dia seguinte e consegui dar uma esticada no meu sono, que demorou tanto para aparecer.

E para você, qual é o drama que viveu nos últimos dias? Conta para a gente! O Projeto Drama Queen, carinhosamente chamado de PDQ, é uma parceria entre os blogs Casos, Acasos e Livros e Pequena Jornalista que escreve de forma bem humorada e sarcástica sobre os reveses da vida. Mande sua sugestão de tema ou o seu texto.

Teca Machado.

Fan Page ♥  Instagram

carol
compartilhe

leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

1 comentário