12.05.2016

Projeto Drama Queen - 78Por Teca Machado 

Eu definitivamente nasci no lugar certo, Cuiabá, uma das cidades mais quentes do Brasil. Sou uma friorenta de carteirinha ultra VIP. Agora que moro em Brasília tenho até passado um friozinho, principalmente porque o outono traz uns ventos mais gelados e temperaturas mais baixas (Ai, inverno, não chega, não, por favor). Mas ainda assim é considerado um lugar quente, ufa. Tenho certeza que se eu morasse num lugar realmente congelante eu ia ser bastante infeliz. Ainda bem que não neva no Brasil.

Pensando nessa minha necessidade de calor constante de pinguim em formação, trouxe uma lista para vocês de todos os dramas que os friorentos sofrem no dia a dia, não só no inverno:

1. Ser o único que treme de frio no escritório.

Eu queria entender porque escritórios e ambientes de trabalho precisam ser tão, tão congelantes. Para que, gente? Quando você esquece o casaco, passa todo o expediente tremendo, sem conseguir pensar em outra coisa que não seja a porcaria do frio que está entrando nos seus ossos. Produtividade vai lá embaixo.

2- Ver caras espantadas quando você diz que toma banho quente mesmo no verão.

Já cansei de ver os rostos horrorizados das pessoas quando eu digo que só tomo banho frio (não gelado) em dias extremamente quentes. Que no resto do tempo é sempre com o chuveiro elétrico quentinho ligado na opção “inverno”, mesmo que esteja fazendo 35°.

3- Esquecer de levar uma blusa de frio para o cinema.

Você está lá todo empolgado para assistir ao filme, fica na fila, compra pipoca e na hora que entra na sala da sessão, vem aquele vento gelaaaaaado e você pensa “Droga”. Ixi, isso acontece demais comigo! Sou fanática por cinemas, mas quando está frio demais fico pensando “Acaba logo, acaba logo, acaba logo!”.

4- Dormir com alguém que não é friorento.

Meu marido é calorento. Eu sou friorenta. Já viram que basicamente toda noite é um drama, né? Enquanto eu estou debaixo das cobertas e ainda com frio, ele está sem nem lençol totalmente de boa. Quando é com o ar condicionado ligado, então, piora, porque cada um quer uma temperatura e ninguém nunca fica satisfeito.

5- Estar sempre, sempre, sempre com as mãos, o nariz e os pés gelados.

Vivo num constante estado de congelamento. Como é normal estar sentindo um friozinho, nada mais natural que a ponta dos meus membros leve a pior. Já desisti de esquentar meus pés, minhas mãos estão sempre encolhidas e meu nariz qualquer dia desses cai. Mas é sempre engraçado quando pego meu marido desprevenido e coloco as mãos frias dentro da camisa dele, hahaha.

A verdade é que qualquer dia desses eu viro um pinguim.

9ec63f8a-58c6-4f88-860f-6ac97e84dd2b

***

O Projeto Drama Queen nos ajuda a enxergar de maneira leve os problemas e acontecimentos da vida, nos fazendo rir de situações tensas. As dramáticas de plantão por trás dos textos publicados todas as quintas-feiras no blog Casos, Acasos e Livros e aqui são Teca Machado, eu, e a Carol Daixum. Participe desse projeto e mande seu relato dramático. Só não esqueça de ajeitar a coroa.

Teca Machado. 

P.S: Quem ainda não respondeu a pesquisa de público do PJ, clique aqui. Juro que não é demorada! Quem já respondeu, muito obrigada!! 

Fan Page ♥  Instagram 

carol

leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

4 Comentários