29.12.2014
* Dramas da hora da virada – Projeto Drama Queen #11! ♥
Para as dramáticas de plantão, ano novo se resume em “se vira nos
trinta para colocar em ação todas as simpatias”. E engole o choro! Apesar
da gente não ter nenhuma confirmação de que dá certo ou de que dá errado, drama
queen adora fazer simpatia e colocar culpa nela se alguma coisa não sair como o
manda o script (dela). Pensando nisso, eu e a Teca, escrevemos situações em que
o drama fala mais alto na hora de colocar a mão na massa para ter sorte no
amor, paixão, tranquilidade, dinheiro, harmonia, paz e… Ufa! Poderia existir
uma única simpatia, né? Pra ter tudo isso (e mais um pouco) de uma vez só. E
será que existe alguma simpatia para acabar com os draminhas? Brincadeirinha.
Sem esses dramas não existiria o projeto, né? Então, peguem um potinho com uvas
e romã e bom post. ;-)
***
– Mãe! Não posso viajar para a Suíça não.
– Meu amor, você sabe que a gente vai morrer de saudade, mas a gente
está tão feliz por você.
– Mãe, não é saudade!
– Ah! Obrigada pela consideração! – minha mãe faz aquele draminha básico.
– Mãe, como eu vou pular as sete ondinhas? Como? É a minha simpatia
preferida e sempre dá certo.
– Filha, é sério isso? Quer lugar melhor para você fechar o ano com
chave de ouro?
– E começar o outro com azar? Não posso mãe!
– Pula neve, filha!
– Mãe, o assunto é sério. Não dá para brincar!
– Ah! Desculpa senhorita que considera simpatia assunto sério. Cancelo
a viagem?
– Ai que exagero, mãe. Vou pular neve mesmo e comer uvas. Quantas
são? 
**
– Filha, a lentilha é para ser comida depois da meia-noite, o
primeiro prato depois da virada. São 23h50 ainda. Por que você já está comendo?
– Ah, mãe, vou comer desde já até lá, porque vai que o relógio está
errado e eu ache que comi no horário certo e não comi? É para não ter erro.
Fusos horários são confusos!
– Você vai passar os próximos 10 minutos comendo lentilha pura?
– Aham, algum problema?
– Nenhum. O bom é que lentilha é rica em fibra e você não vai ter
problema nenhum para ir ao banheiro nos próximos dias…
**
– Quer alguma ajuda?
– Estou procurando uma calcinha para a virada do ano!
– E aí? O que você quer para esse ano? Amor ou paixão avassaladora?
Dinheiro, paz, harmonia?
– Hun… Tudo isso e outras coisas também?
– Ah! A gente está com uma promoção leve três e ganhe 10% na terceira.
– E como eu faço? Uso tudo no mesmo dia? – faço cara de desespero.
– A senhora é engraçada, hahaha. Mas não é que é complicado mesmo?
Sempre fico nesse dilema.
– Queria uma calcinha arco-íris. Mas vou querer uma vermelha, uma
branca e uma rosinha clara. Dou um jeitinho de trocar na virada. Maravilha,
minha virada vai ser trancada num banheiro. Quem criou essa superstição não tem
sensibilidade não. – saio com cara de choro, pensando que eu também queria
tranquilidade, dinheiro, trabalho e tantas coisas. Droga de simpatia! 
**
– Sua louca! Por que você está desperdiçando uma garrafa inteira de
champanhe por cima do ombro? Essa foi cara!
– Ah, é porque a tradição diz para você jogar uma taça por cima do
ombro para que tudo o que passou no ano fique para trás.
– Uma taça! Para de desperdiçar o champanhe! Já foi mais da metade da
garrafa.
– É que eu estou tentando deixar a década inteira para trás. Será que
funciona? 

**

– Vamos filha! Anda mais rápido, já são 23h45.
– Pai, estou com dor no pé.
– Mas já? Por que não veio com chinelo?
– Ai eu fico baixinha? Não!
– Mas esse sapato não era aquele confortável?
– Era…. Mas sei lá, resolveu doer hoje. – estava escrito mentira na
minha testa.
– Filha, não vai me dizer….
– Pai, eu não tinha dinheiro vivo e pensei que de repente uma moeda e
o cartão de crédito iam ajudar na simpatia. Você sabe, né? Tem que passar a
virada com uma nota no sapato para ter dinheiro durante o ano todo. Ai como eu
não consegui tirar dinheiro, peguei umas moedinhas e o cartão para ajudar. Vai
que… Prefiro morrer de dor, do que ficar sem grana! – falo segurando o choro.
– Vem, te carrego no colo. Sua drama queen supersticiosa! 
***
Lembrando que todos os textos têm uma dose de exagero.
Desejamos um feliz ano novo para todas dramáticas de plantão e suas
vítimas! Que todos os itens da listinha de metas sejam riscados, sem muito
drama. Ou com drama para ter histórias engraçadas para contar para os filhos.
Ah! E muitos draminhas também. Afinal, no fundo a gente sabe que tudo vai dar
certo, mas a gente adora um draminha básico, né?  E aguardem que em 2015 teremos muitos textos “drama queen” e novidades.
Feliz Ano Novo!!! ♥
Beijos,
Carol e Teca.
Blog Pequena Jornalista e Blog Casos Acasos e Livros

12

Pequena Jornalista - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2017