26.01.2015
* Top 3 Literário: Três livros com lições valiosas! ♥
Quando o assunto é leitura, adoro uma literatura chic. Não dispenso mesmo! Mas quer me fazer feliz de um outro jeito também? Aceito livros que me ensinam de alguma forma, nem que seja no mínimo detalhe. Às vezes eu não dou nada por ele, mas quando chego na última página, o meu caderninho (com os meus trechos preferidos) fica lotado. Histórias podem nos ensinar muito mais do que imaginamos. Então, para o post de hoje, separei três livros que marcaram e me ensinaram lições valiosas. Claro, que todo livro que eu escolho embarcar me acrescenta, porém esses têm um lugarzinho especial no meu cantinho da leitura (e no coração). ♥

1. A menina que roubava livros

Eu estava passando por uma fase difícil. Daí, vi o trailer no cinema, fui na livraria, a capa me olhou e disse “compra, Carol”. Fui obediente e levei para a casa. E não me arrependi nadinha de nada. A história me acrescentou muito e me ensinou que simples coisas podem fazer milagres quando o mar não está pra peixe. Por exemplo? Uma leitura. Fiquei pensando: por que eu não li antes? Porém, tenho certeza de que a hora que eu resolvi embarcar, era a hora certa. O livro também me mostrou a importância das palavras, da lealdade e da amizade. A vida roubou muito da personagem principal (a Liesel), mas ela deu a volta por cima. Se eu tiver a metade da coragem dela para sempre, já fico feliz. Mas a lição mais valiosa que eu aprendi: que um pai de coração, vale muito mais que um pai biológico. Os dois então, melhor ainda. Hans (pai adotivo da Liesel) é o melhor pai literário, sem dúvida. Ah! E a minha paixão por palavras e por histórias só aumentou. 
2. Coisas para fazer antes dos 30

A princípio, parece que é só mais um livro de comédia. Pelo título, mas o subtítulo já mostra que a história vai além. E vai mesmo! Aos 28 anos, a personagem principal tem que vencer um câncer de mama. Eu sei, parece triste e uma tortura literária. Mas vale dar uma chance. A história é real e a autora conta de uma forma leve tudo que aconteceu na vida dela. Claro que a gente chora, mas a gente vai na onda da personagem e consegue levar de um jeito menos angustiante. Essa história me ensinou (pelo menos na teoria), que uma das chaves para levar uma vida feliz é tentar encarar as coisas não tão boas com leveza. Gosto de ler esses livros para dar mais valor à vida e não ligar tanto para problemas menores. Claro que esses probleminhas são chatinhos e afetam muito, mas se o nosso olhar mudar, a gente consegue encarar essas chatices do dia a dia com mais tranquilidade e menos afobação. ♥
3. O melhor lugar do mundo é aqui


Sabe aquela história de que o livro escolhe o seu leitor? Depois de ter embarcado nessa história, acredito ainda mais nessa teoria. Ele já estava na minha estante há um tempinho, ai um dia pensei: quero ler alguma coisa que me ajude de verdade. E quem estava na estante me olhando? O próprio! Tirei lições valiosas e que vou carregar comigo para sempre. Como a importância do passado, do presente, do futuro e das nossas escolhas! A leitura me mostrou também que sempre tem um saída, sabe? Por mais que os problemas sejam grandes! Então, se a sua vida está boa, vai melhorar ainda mais. Se ela está precisando de uns ajustes, a leitura vai ajudar muito. Ah! Se você tem um caderninho e gosta de anotar trechos dos livros, sugiro separar um especialmente para esse livro. ♥

***

Acho que é isso, gente! Tirando o segundo livro, fiz resenha dos outros dois aqui e aqui.

Agora eu quero saber: qual é o top 3 de livros que ensinaram lições que vocês vão carregar para o resto da vida? Me contem aí! ;-)

Um beijo,
Carol.

Todo mundo  já curtiu a Fan Page do blog? 
Podem sugerir, criticar e por aí vai! 
Ainda não curte? Clica, clica! ♥

24
19.10.2014
* Para pensar (e apoiar): Outubro Rosa! ♥
Oi, Gente, tudo bem? Espero que sim! :) 
E a seção “para pensar” de hoje é para apoiar o lindo movimento Outubro Rosa, que ajuda a divulgar a importância da prevenção do câncer de mama. Durante esse mês, tenho visto lindas ações, que tenho certeza de que ajudam muito as pacientes que estão enfrentando a doença e a conscientizar a população. Por exemplo, o Barra Shopping (que fica no Rio de Janeiro) junto com a Fundação Laço Rosa está mega apoiando o movimento e está todo rosinha. Dentre as ações do shopping, o público encontra uma caixa para doação de lenços para ajudar as mulheres que perderam o cabelo durante o tratamento. Já fiz a minha parte. Cariocas e turistas, ajudem também. ♥ 
E não para por aí. O blog Garotas Estúpidas em parceria com a Flávia, do Quimioterapia e Beleza, criaram a websérie Orgulho Pink. São quatro episódios com dicas de moda e beleza para mulheres que estão lutando contra o câncer de mama. Semana passada, elas postaram o segundo vídeo. É muito bacana o projeto! Quem quiser assistir, é só clicar aqui e aqui
Outra forma de apoiar o movimento, é baixando o aplicativo “outubro rosa“, criado pelo shopping Tacaruna. O app usa um filtro todo rosa para a foto que você selecionar. Fica bem fofo e é um ótimo jeito de conscientizar quem faz parte das suas redes sociais. Segue o resultado da minha foto! 
Pequena Blogueira que vos bloga!
;-)
E os livros não ficam de fora dessa campanha. Vi algumas blogueiras literárias e editoras fazendo a parte delas publicando fotos de livros rosas (pode ter apenas alguns detalhes). Resolvi unir os meus livros e tirar a minha foto também. Adorei o resultado! Se você tem livro rosa, que tal clicar? Falando nisso, uma leitura que eu mega recomendo para todo mundo e, principalmente, quem está enfrentando ou já venceu o câncer de mama, é Coisas para fazer antes dos 30. Conta a história da Lisa, que aos 28 anos de idade teve de lutar contra a doença. A história é real e ela consegue contar de uma forma bem leve. Vale muito a pena! Eu emprestei para a minha psicóloga, que adorou e sempre indica para pacientes que de alguma forma tiveram ou tem de lidar com a doença.  
Cantinho literário “Outubro Rosa”
;-)
Acho que é isso, gente! Felizmente, não tive de lidar com essa doença horrível diretamente. Mas sei a importância da prevenção. Não somente durante o movimento Outubro Rosa e, sim, durante o ano todo. Ficar atenta, sempre lembrar sua mãe, irmãs e por aí vai. Quem quiser mais informações, o site da Fundação Laço Rosa é bem completo e o da Flavia também. Clique aqui e aqui. E faça de alguma forma a sua parte. ♥ 
Um beijo, 
Carol. 

5

Pequena Jornalista - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2021