11.10.2018
* Post-Ajuda: Dia das Crianças – Atenção! Alto nível de fofurice! ♥

Ei, Gente! Nos 45 do 2º tempo, segue a nossa clássica sugestões de mimos e programações para comemorar mais uma data. E Dia das Crianças não poderia ser diferente, né?  Espero que ajude de alguma forma a tornar essa ocasião ainda mais feliz. Bom post para vocês! :)

Dia das Crianças - PJ - 2Crédito das Imagens: Divulgação Assessoria de Imprensa 
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

Para começar, separei duas programações para os pequenos cariocas e paulistas, mas que ajuda a inspirar quem for de outra cidade também. A rede de Galeria Urban Arts, preparou uma tarde de arte e diversão no Rio de Janeiro para as crianças terem um contato com o estilo de alguns artistas, como Pablo Picasso. Acontece tanto em Ipanema (Rua Maria Quitéria, 77) quanto no loja do Barra Shopping, das 14h às 17h30. Já no Iguatemi, em São Paulo, todos os sábados e domingos a criançada pode assistir algumas peças de clássicos infantis, como Dona Baratinha. Mas essa sugestão é para quem deseja comemorar mais para frente, nos dias 27 e 28 de junho. Fica a dica! :-)

E como a pequena blogueira que vos bloga ama livro e escrever, óbvio que teria sugestões de histórias e diários, né? A Instrínseca lançou a coleção Pipoquinha, de Kim Smith, com livros infantis ilustrados, inclusive dessa história que marcou a minha infância: Esqueceram de Mim. Já a Tok&Stok tem esse lindo livro repleto de histórias para o bebê dormir e sonhar. Achei bem fofinho! E para a criança que ama escrever, desde sempre, tem esse lindo diário da Hello Kitty, da Ciranda Cultural. ;-)

Destaque também para esse estojo lindo da Kipling (outra loja que marcou a minha infância) e essa mochila de bombeiro (Clio): impossível não imaginar uma criança carregando para cima e para baixo ela!

Dia das Crianças - PJ - 1Crédito das Imagens: Divulgação Assessoria de Imprensa
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista 

E que tal deixar o quarto do pequeno mais aconchegante e fofo? Achei linda essa almofada, da Colab55 e esse mobile de dormir de frutas, da Ameise Designer. E se a criança quer um toque de estilo a mais, amei num nível de fofurice esse óculos (Ótica Diniz) e esse crocs do Toy Story (Crocs). Caso, seu filho, sobrinho e tal for mais velho e possa comer chocolate, achei uma ótima sugestão essa caixa, que lembra os Minions, da Cacau Show.

Dia das Crianças - PJ - 3Crédito das Imagens: Divulgação Assessoria de Imprensa 
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

Infância remete à cabana, né? Por isso selecionei essa da Tok&Stok. Outra palavra que vem na minha cabeça é jogo de tabuleiro (Tok&Stok)! Todo mundo se diverte, inclusive, adultos. Eu adoro essa torre inteligente E já que o blog ama roupas e tal, tem essa opção também. ;-) Essa t-shirt é linda (Reserva Mini), camisa daquela febre “Lol” (Renner) e esse boné fofo (Renner também). E para finalizar esse post repleto de fofurices, um body com as seguintes palavras “Atenção! Alto nível de fofurice!“, da Tiger T Tigre. Tem como não amar?  ;-)

É isso, pessoal. Espero que gostem! E lembrem-se, presente é muito bom, mas como diz a escritora Fernanda Mello: todo dia é dia de ser criança e criança não liga pra preço, pra laço de fita e cartão com relevo. Criança gosta mesmo é de beijo, abraço e surpresa. 

Beijos, Carol.

Para ler: Criança Crescida

Fan Page ♥ Instagram 


0
09.10.2018
* PJ Leu: Em outra vida, talvez? ♥

Ei, Gente! :) E a dica literária da semana é: “Em outra vida, talvez?“, da escritora Taylor Jenkins Reid. Publicado pela Record, o livro me ganhou pela capa, mas o conteúdo é tão mara, que a gente fica triste quando acaba. Gera uma ressaca literária (no sentindo bom) daquelas hahaha! Enfim, vamos lá? Boa resenha para vocês! 

PJ Leu - Em outra vida talvezLivro: Em outra vida, talvez? | Editora: Record | Autora: Taylor Jenkins Reid
Crédito da Imagem: Pequena Jornalista
Nota de 1 a 5: cinco livros!

Sinopse: Hannah Martin tem quase 30 anos e ainda não encontrou seu lugar no mundo. Ela já morou em Boston, Washington, Portland, Seattle, Austin, Nova York e agora está de volta a Los Angeles. Ela acha que é em sua cidade natal, perto de Gabby, sua melhor amiga, que vai conseguir superar uma grande decepção amorosa e, finalmente, colocar a vida nos trilhos. Para comemorar a mudança, resolve reunir velhos amigos em um bar.

E é lá que encontra um antigo amigo, ex-namorado: Ethan. No fim da noite, tanto ele quanto Gabby lhe oferecem carona. Em universos paralelos, conhecemos as duas possíveis escolhas. Ambas com desdobramentos diferentes, mas que fazem parte dela e ensinam o leitor que a vida é feita de escolhas. Boas e ruins, que podem mudar completamente o destino de cada personagem. O resultado? Só lendo mesmo! 

Minha opinião: A capa é linda e o conteúdo mais incrível ainda. No começo, dá a sensação de que a gente vai se perder. Cada capítulo é dedicado ao desdobramento de cada escolha da noite “D”. Mas dá para acompanhar direitinho. É incrível, como uma simples decisão, muda todo rumo de uma vida. Fiquei pensando: será que em uma vida paralela, estou levando dias totalmente diferentes? Talvez, por esse motivo, a gente tenha a sensação, às vezes, de “conheço aquela pessoa de algum lugar” e por aí vai. Mas vai saber… ;p!

Amei e devorei esse livro, como não devoro uma leitura há séculos. Os personagens são incríveis e cada um tem uma importância nas duas vidas da Hannah. Achei bem bacana que em uma das escolhas, conhecemos o valor da família da nossa protagonista. Às vezes, a forma de demonstrar o amor é diferente do que imaginamos, mas continua sendo amor. E o que seria trágico, a autora soube construir uma história apaixonante. Alguns momentos de raiva. Outros só de suspiro!

É um daqueles livros que a gente gostaria de ser amiga da protagonista e queria filme, mas sem mudar nada, ok produção? hahaha =) E, aos poucos, alguns personagens se cruzam e tudo se encaixa. São assuntos relevantes e que nos ensinam, principalmente, que nenhuma escolha é à toa. Tudo tem o lado bom! Amei todos os amigos e familiares que rondam cada página. A família da Gabby é a mais fofa e Ethan é o meu preferido, mas o enfermeiro não fica de fora.

Recomendo e muito a leitura, que a propósito é leve, divertida e que faz a gente suspirar do começo ao fim! E o título? Tudo a ver com o que encontramos nos capítulos. Louca para ler mais livros dessa escritora. Nunca te pedi nada, Record, entre outras editoras do Brasil. ;-)

Já leu? Conta o que achou. Ainda não? Fica a dica! 

Beijos, Carol.

Para ler: Poesia que transforma 

Fan Page ♥ Instagram 


1
08.10.2018
* Inspiração do dia: Pink + Paris! ♥

IMG_0195

IMG_0221Crédito das imagens: Lovely Pepa! 

Tem como não amar e se inspirar em um look assim? É divertido, fofo e pink.  Tudo bem que mudaria alguns detalhes, mas para esse mês, que remete à criança também, essa inspiração caiu como uma luva, na minha humilde opinião. E o cenário inspira ainda mais, né? Amei e quem encontrar um vestido nesse estilinho e acessórios também, me avisa? Grata. ;-)

É isso, gente. Boa semana e para variar: podem opinar à vontade!

Beijos, Carol.

Para ler: Ainda é inverno!

Fan Page ♥ Instagram


1
04.10.2018
* Top 5: Outubro Rosa – São capas rosas! ♥

Outubro rosa pede um top 5 com capas de livros dessa cor,  né?  Ok. Têm tonalidades diferentes, mas quem se importa, né? E são histórias que incluem mulheres inspiradoras, sejam personagens ou não! Amei muito esses cinco livros e mega recomendo cada leitura. Enfim, vamos lá? Bom post para você! ;-)

Top 5 - Capas Rosas - PJCrédito da Imagem: Pequena Jornalista 

1. A dieta das chocólatras (Carole Matthews – Editora Bertrand Brasil) 
Sinopse: Dicas de sobrevivência nos momentos de estresse: respire fundo, conte até três e coma chocolate. Mas quando as quatro amigas (Lucy, Autumn, Nadia e Chantal) convocam um encontro de emergência, elas pulam loga para a terceira dica e se jogam no “santuário”: Paraíso do Chocolate.
Observação da Pequena: Li tem um tempo e nessa época, ainda não fazia resenha literária no blog. Mas lembro que a história me prende e que a cada capítulo, eu acabava com uma caixa de chocolate hahaha. Essas quatro amigas são inspiradoras!

2. Falando o mais rápido que posso (Lauren Graham – Editora Record) 
Sinopse: Em Falando o mais rápido que posso, a intérprete da nossa Lorelai Gilmore faz uma retrospectiva da sua vida e compartilha histórias hilárias sobre amadurecimento, o início da sua carreira de atriz, os desafios de ser uma mulher solteira em Hollywood. Conta também sobre como é sentar em seu trailer no set de Parenthood e perguntar “Será que eu, hmmm, cheguei lá?”. Além disso, fala, em primeira mão, como foi voltar a interpretar uma das personagens  mais queridas da TV e relembra como foi gravar cada ano da série original. Um presente para os fãs e admiradores. Tanto da série quanto da atriz!
Observação da Pequena: Uma ótima forma de matar a saudade dessa personagem icônica. Tem resenha aqui.

3. Bem-casados (Nora Roberts – Editora Arqueiro) 
Sinopse: Laurel McBane teve que batalhar muito para alcançar o grande sonho de ser uma doceira premiada. Agora seus bolos de casamento são verdadeiras obras de arte e conquistam a todos da empresa Votos (que comanda junto com as amigas Mac, Emma e Parker) e clientes.  Após ter conseguido superar um histórico familiar complicado, ela preza sua independência e não aceita que interfiram em suas decisões. Del, irmão de Parker e advogado da empresa, é o grande amor secreto de Laurel. Ele se sente responsável por cuidar não só dos assuntos burocráticos da Votos como também do bem-estar das quatro sócias. Esse jeito superprotetor e paternal estressa a protagonista e gera muitos desentendimentos. Essas diferenças acabam resultando em um beijo ardente, que muda a relação dos dois para sempre. Após o episódio do beijo, ela percebe que a realidade é melhor ainda e ele começa a ver a mulher incrível que Laurel é. Para protagonizar uma linda história de amor, eles terão que conciliar suas convicções e personalidades.
Observação da Pequena: Não foi o meu livro favorito da série, mas a capa é uma das mais lindas. Tem resenha aqui.

4. Uma noite com Marilyn Monroe (Lucy Holliday – Editora Harper Collins) 
Sinopse: Os últimos meses passaram como um furacão pela vida de Libby Lomax. Depois das confusões em que a atriz não tão bem-sucedida se meteu com a ajuda da diva Audrey Hepburn, ela namorou o cara mais gato do planeta, o Dillon O’Hara, e parece ter encontrado uma alternativa profissional melhor que a outra. Porém, seu otimismo tem prazo de validade. Principalmente, no quesito vida amorosa! Ela logo percebe que ele não é, nem de longe, o namorado perfeito. Daí, é obrigada colocar os pés no chão. Então, mergulha de cabeça em um relacionamento novo e, além disso, está determinada a se dedicar mais a Olly, seu melhor amigo, antes da inauguração do novo restaurante dele. Apesar das boas intenções, nossa protagonista acaba se distraindo quando um Dillon arrependido volta à cena. Daí, quando outra convidada inesperada – Marilyn Monroe – aparece, ela está disposta a qualquer coisa para fazer tudo voltar ao normal. O problema é que Olly parece ter encontrado outra pessoa para o cargo de “melhor amiga” e, de repente, Libby se vê prestes a perder algo que significa muito. Agora a pergunta que não quer calar: será que Marilyn pode ser a chave para finalmente colocar a vida de Libby nos eixos? ;-)
Observação da Pequena: O primeiro da série é bem melhor, mas esse não deixa a desejar e surpreende a gente! Tem resenha aqui. E quando eu crescer quero ser amiga da Libby hahaha!

5. Chata de Galocha (Lu Ferreira – Editora Gente)
Sinopse: Pessoas “Chatas de Galocha” buscam pequenos prazeres em todas as áreas da vida: receitas deliciosas, viagens divertidas, momentos incríveis mesmo nas horas mais simples. Um bom Chato de Galocha faz questão de aproveitar todos os momentos que são proporcionados. Este livro é um guia de referência para quem gosta de desfrutar o melhor a cada segundo. Entre muitas outras coisas, aqui você encontra: sugestões para um guarda-roupa eficiente e inteligente. Dicas de cuidados que vão fazer você se sentir bem. Receitas infalíveis para receber bem quem você ama. Dicas de lugares bacanas nas principais cidades do mundo, aprovadas pela Chata de Galocha.
Observação da Pequena: Livro impecável, como tudo que a Lu faz, gente! Tem resenha aqui

**

Agora me contem: qual é o top 5 de vocês de livros com capas dessa cor? E já embarcaram em alguma história que citei no post? Podem opinar à vontade! ;-)

Beijos, Carol.

Para ler: Outubro Rosa – Histórias Reais

Fan Page ♥ Instagram 


2
02.10.2018
* Boutique Judith e as camisetas mais incríveis que você vai encontrar hoje! ♥

Ei, Gente! :) Quem me conhece um pouquinho sabe que sou apaixonada por camisetas divertidas, fofinhas e afins. Daí, a loja Boutique Judith entrou em contato comigo para fazer uma parceria superbacana e é óbvio que eu topei, né? 

Mas antes de mostrar as minhas cinco favoritas da marca, vamos conhecer um pouco mais sobre ela? É uma loja que possui um mix de estilos, que faz questão de unir conforto e autenticidade nas suas peças (sem falar que o preço é bem acessível, pelo que pesquisei). E a gama de opções é giga, além de t-shirts lindas, a Boutique Judith também têm opções de regatas, vestidos, biquínis, bodys, entre outras. Tudo com estampa atual e que com certeza vai dar um toque a mais no look de cada dia.

Recebi a minha tem duas semanas e, por mais que seja um post de parceria, acreditem: não quero mais tirar do corpo. Coube direitinho e já imagino a minha camiseta com várias outras peças do meu guarda-roupa, como macaquinho, saia e tal. Ah! E já lavei e não desgastou. Tudo indica que a qualidade do material é boa. ;-) E posso confessar? Não foi uma tarefa fácil escolher uma peça só. Meu cel está cheio de print do site. Então, selecionei cinco favoritas, que em breve estarão no meu armário. Fica a dica, namorado, mãe, irmã e amigos hahaha.

Top 5 - PJ - Boutique JudithFavoritas! 
Crédito das Imagens: Boutique Judith 
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

Como não amar cada uma? Não sei se concordo muito com essa do signo (cof cof #sougeminiana) e essa dos cachorrinhos: MEU DEUS! E, gente, uma informação importante: cada opção, você pode escolher entre as cores: rosa, cinza, branca ou preta. É só olhar a disponibilidade do site, ok? E para as baixinhas de plantão, o tamanho P ficou bom em mim! Um pouco larguinho, mas deixou a roupa mais confortável e isso eu não abro mão. E agora vamos a minha escolhida? Como estou numa vibe rosa, principalmente, por conta do Outubro Rosa, essa foi a minha escolha: Girl Boss (até porque sou fã do livro e da série)!

T-shirt - Boutique Judith - PJAtual uniforme hahaha!
Crédito da Imagem: Pequena Jornalista

Muito amor, né? E adorei a combinação rosa com vermelho Como contei, já usei e pelo que me conheço, ela meio que vai virar uniforme, sabem? Ah! Gostaram e já querem guardar espaço no armário também? Tem mimo para vocês: o pessoal da Boutique Judith (amei esse nome, gente) separou um cupom de desconto de 10% (sem prazo de validade) para as leitoras do PJ: #pequenajornalista10%. Me contem depois o que levaram ou o que entrou na listinha de desejos! ;-)

É isso. Podem opinar à vontade. Para conferir o site, clique aqui. Para seguir no Insta (que é bem fofo), clique aqui. E pessoal da marca: obrigada pela parceria! 

Beijos, Carol.

Para ler: PJ Leu – Girlboss

Fan Page ♥ Instagram 


0

Pequena Jornalista - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2018