17.12.2020
* Mais 3 contos de Natal! ♥

Ei, Gente! :) Confesso que esse fim de ano eu tô meio sem ideia e um pouco cansada mentalmente, mas estou tentando preparar posts. Então, desculpem pela falta de post ontem… Aliás, talvez role uma mini férias do blog. Porém, não sei ainda.

Em contrapartida, hoje tem postagem com alguns contos de Natal que eu quero ler muito, além do qual eu postei aqui. Tô finalizando “Como falar romance em francês” e espero que role resenha até amanhã.

Enfim, recadinhos dados. Agora vamos às histórias natalinas? ♥

Crédito da Imagem: Amazon
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

Contrato de Natal, da Rê Lustosa, é a minha próxima leitura. Ansiosa para embarcar nesse chick-lit que conta a história da Emília Fontenele. Tudo o que ela quer é um pedido de desculpas da sua família. Afinal, nada a ver falar que ela deveria desistir de arranjar um namorado.

Ao mesmo tempo em que ela não quer seguir o padrão da sociedade, não deseja o oposto extremo. Então, ela prepara uma lição para os familiares na ceia natalina. Com a ajuda de um amigo do trabalho, ela terá um namorado por um dia… Mas tem muita coisa por trás: descobertas sobre ela e todos!

Crédito da Imagem: Amazon
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

Também quero muito conhecer a escrita da Laura, do blog Estante Bibliográfica, que lançou esse ano seu primeiro conto: A magia do Natal na loja de Brinquedos. Conta sobre a Beatrice, que tem cinco anos que perdeu o pai e herdou a loja de brinquedos “Passaporte para a infância”.

A protagonista acaba perdendo o gosto pela vida e nem chega a comemorar o Natal, que era a sua festividade favorita. Há lendas de que a loja é capaz de realizar sonhos e dentre desânimos, surge um presente especial e um cliente que precisa fazer compras de últimas horas… Tudo com inúmeras surpresas em plena véspera de Natal.

Crédito da Imagem: Amazon
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

E recebi hoje como sugestão de leitura na Amazon, esse conto: Como se fosse um presente de Natal, da Paula Neiva. Achei a capa linda e a história parece ser divertida. Que a propósito fala sobre Luísa, que arrumou um trabalho temporário bem doido: se vestir de Mamãe Noel em um shopping lotado e com uma roupa de látex.

Mas tudo piora, quando descobre que uma das crianças esqueceu seu presente ao lado do trenó. Agora ela parte para a missão de entregá-lo à dona. Então, ela chega à conclusão de que Papai Noel pode até não existir, mas a Mamãe Noel sim.

***

É isso, pessoal. Quem quiser ler esses contos, só clicar aqui, aqui e aqui. ♥ Se eu conseguir ler todos, faço uma maratona de posts semana que vem, ok? E me contem: tem alguma história literária que vocês amam? No mais, podem opinar à vontade! ;-)

Beijos, Carol.

Post Antigo: Top 5 – Cinco histórias natalinas!
Fan Page ♥  Instagram 


5
15.12.2020
* Favoritos literários do 2º semestre! ♥

Ei, Gente! E a segunda temporada de 2020 está chegando ao fim. Sei que ainda temos algumas semanas pela frente e pretendo ler alguns contos e livros. Porém, decidi já escolher 5 histórias literárias favoritas desse semestre. Vamos lá? Boa leitura! ♥

Crédito das Imagens: Amazon
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

Para começar: Minha história, da Michelle Obama. Apesar da leitura ter sido um pouco arrastada no finalzinho, aprendi muito com a eterna primeira dama dos EUA. Aliás, Barack Obama virou um forte candidato de melhor crush literário do ano. Recomendo muito e tem resenha completa aqui.

O segundo dessa temporada não poderia ser diferente: Daqui a cinco anos, da Rebecca Serle. Devorei esse romance e mesmo não rolando identificação com a protagonista, o final surpreendente me ganhou completamente. E faz a gente rever aquela clássica pergunta “como você se vê daqui a cinco anos e tal?”. Indico e tem resenha aqui. ♥

Crédito das Imagens: Amazon
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

O terceiro é um romance estilo Romeo e Julieta, mas com uma temática e um fim mais fofinho: Quase Rivais, da J. Sterling. Esse eu devorei mesmo, mesmo ficando tímida nas partes mais picantes hahaha. Sério: a gente ri, torce, suspira e quero ler mais essa autora. Tem resenha aqui.

E não poderia falta um estilo que me conquistou esse ano: conto. E dessa vez, embarquei em “Cale-se para sempre“, da Rê Lustosa. Como contei na resenha (clica aqui), ler histórias da autora sempre me fazem lembrar o motivo de eu amar chick-lit e como o gênero não tem nada de raso.

Por fim, mas não menos importante tem “A lista que mudou minha vida“, da Olivia Beirne. Capa linda, conteúdo que faz a gente querer sair da zona de conforto, rir e se emocionar! Uma comédia romântica perfeita, sem defeitos. Dei mais detalhes (sem spoiler) aqui. ♥

***

É isso, pessoal. Agora me contem uma leitura dessa temporada que marcou vocês! Ah! E na semana entre o Natal e o Ano Novo, vai ter a clássica retrospectiva literária do PJ, com os cinco melhores livros de 2020. ♥

Beijos, Carol.

Post Antigo: Favoritos Literários do 1º Semestre!
Fan Page ♥  Instagram 


4
14.12.2020
* Para assistir: Tudo bem no Natal que vem! ♥

Ei, Gente! :) No finde, assisti o segundo filme de Natal desse ano: “Tudo bem no Natal que vem“, uma comédia natalina brasileira com o Leandro Hassum. Então pega comidinhas dessa época e tal, que a sessão já vai começar. ♥

Crédito da Imagem: Adoro Cinema

Para começar, o resuminho clássico: Jorge é um homem que não curte muito o Natal. Nasceu nessa data e faz de tudo para não ter comemorações. Porém, no dia 24 de 2011, ele se veste de Papai Noel sem vontade e acaba caindo do telhado, machucando a cabeça. O resultado? Sempre quando acorda, acaba vivendo a mesma data, porém, no ano seguinte e esquece completamente do que aconteceu nos 364 dias anteriores.

Eu já vi filmes com o Leandro Hassum que não curti nada e outros que eu amo! Esse? É um dos melhores, de verdade. A gente pensa que é só mais uma comédia, mas a história vai muito além. Li que é a versão de Click do Brasil e não deixa de ser. ;-)

Crédito da Imagem: Adoro Cinema

A gente ri de chorar e chora de chorar mesmo hahaha. Tem muita sacada boa, piadas bem feitas e no estilo de comédia brasileira que é sempre bem-vinda na minha vidinha. É um filme que fica na nossa cabeça e mesmo que passe 1 milhão de vezes, a gente vai assistir um milhão de vezes!

A premissa parece clichê, mas surpresas acontecem do meio para o final, que emocionam e fazem a gente ver que a vida é um sopro! E que sim, a gente tem que aproveitar cada segundinho, até mesmo, em tempos difíceis, como esse ano! Claro que não é fácil. Mas sabe, não é impossível.

Crédito das Imagens: Adoro Cinema

Amei o verdadeiro Papai Noel e a história do Shrek. A conversa com o filho mais velho é hilária e o trânsito dessa época, meu Deus! Eles retrataram direitinho. Tem começo, meio e fim e um ritmo mega divertido e tocante ao mesmo tempo. Um filme para toda a família! Adorei todos os personagens e a Laura é uma mãe incrível e o doguinho também.

Eu li também que esse é um dos filmes mais vistos no mundo, na Netflix, e juro: merece! Aliás, todo mundo deveria assistir “Tudo bem no Natal que vem“, que a propósito, o nome faz jus à história. Enfim, recomendo e MUITO! Entrou na minha listinha de favoritos desse tema natalino. ♥

Crédito da Imagem: Adoro Cinema

Já viu? Conta o que achou. Ainda não? Fica a dica! ♥

Beijos, Carol.

Post Antigo: Até que a sorte nos separe 3!
Fan Page ♥  Instagram 


7
12.12.2020
* Para assistir: 2ª temporada de Virgin River! ♥

Ei, Gente! :) Finalmente, a Netflix liberou a 2ª temporada de Virgin River e eu terminei de assistir ontem. E, claro, vou contar o que eu achei e tal. Mas já aviso, tento ao máximo não dar spoiler… Porém, se não quer saber nadinha de nada, melhor correr para o 1º post sobre a série, assistir as 2 temporadas (ou a que falta), ai volta aqui e embarca nessa resenha, ok? Então, quem continuar lendo…. Partiu? ♥

Crédito da Imagem: Poltrona Nerd

Bom, a história, vocês já sabem… Mas nesses episódios, a Mel, nossa protagonista, entende a importância de fazer as pazes com quem deixou para trás e, com a pessoa mais importante: ela. :)

De volta a Virgin River, muitas novidades acontecem e temos muitas respostas das perguntas da 1ª temporada. Encontramos uma Mel mais serena, alegre e se esforçando para entender o que não se pode mudar. Temos novos casais, reconciliações e, claro, muita adrenalina.

Aliás, ô temporada que me deixou angustiada, gente! Arrancou muitos suspiros, algumas risadas, mas cada episódio era um medinho de que o pior acontecesse, sabe? Jack continua perfeito, porém, gostei mais do de antes. Apesar de ser totalmente compreensível as revoltas dele.

Tive carinho por personagens que não tinham me conquistado antes e o Doc, queria ele na vida real para me dar bons conselhos. E Hope, apesar dos pesares, também é incrível. A propósito, amei as decisões desses dois.

Crédito da Imagem: Mix de Séries!

Teve um episódio que eu podia jurar que eles iam abordar o coronavírus. Parece que foi meio que uma premonição, sei lá. Porém, não sei se sou eu que to virando neurótica e qualquer coisa associo hahaha. Enfim… Amei a trilha sonora, o cenário continua lindo e a vontade de mudar para um lugarzinho daquele jeito é grande!

Ah! E quase ia esquecendo. A trama não fica apenas nos protagonistas. Todos os personagens têm uma história por trás. Falando nisso, quanto ao final…. Eu tenho os meus palpites, mas li uma matéria que alguém da produção ou algo do tipo, falou que nada é o que parece ser. Suspeita essa declaração.

Quero muito uma terceira temporada, porque preciso de mais respostas. E logo hahaha. Mas dizem que tem um vídeo por aí do casal principal, que tudo indica que eles estão gravando novos episódios. Será? Espero que sim! ♥

É isso, gente! Confesso que gostei mais da primeira temporada, mas essa mexeu comigo e, como falei, os fãs da série (eu me incluo) precisam de mais e mais. Então, Netflix, faz o favor hahaha. ;-)

Já assistiu? Conta o que achou. Ainda não? Recomendo!

Beijos, Carol.

Post Antigo: Por que eu amo Gilmore Girls?
Fan Page ♥ Instagram  


13
10.12.2020
* Marcadores de lojas! ♥

Ei, Gente! :) Eu amo receber mimos e quando eu compro algo e vem um, fico tão feliz. E quando é marcador de livro, melhor ainda. Muitas lojinhas online que eu comprei, enviaram junto esse item indispensável para qualquer leitor. Então, decidi mostrar quatro que eu morro de peninha de usar e se eu uso é com todo o cuidado do mundo. Vamos lá? ♥

Crédito das Imagens e Montagem: Pequena Jornalista

Para começar, tem esse da Meg & Meg, com uma estampa meio animal print e um fundo rosinha. Já usei algumas vezes e morro de medo de amassar hahaha! Mas valeu bem a pena e, atualmente, ele está decorando a minha estante de livros.

O segundo é o da Banca do Bem, que veio com o planner “Desenhe seu amanhã”, que recebi deles ano passado. Tem um ar bem artesanal e confesso que não tive coragem de usar. É um dos meus favoritos! ♥

Crédito das Imagens e Montagem: Pequena Jornalista

Marcador com frases e ilustrações lindas também são bem-vindas nessa mini coleção. Eu achei lindo esse da loja Adoro ETC e a versão é meio mini, se compararmos com os outros. E a frase que aparece é “O melhor está por vir“. E com uma oncinha estampada!

Por fim, mas não menos importante: a Bee Mine sempre envia cada um mais lindo do que o outro e tá mudando constantemente. Esse do doguinho é a coisa mais fofa. E a frase bem motivacional: Your direction is more important than your speed (Sua direção é mais importante do que a sua velocidade, algo assim a tradução).

Esses dois últimos, ainda não usei. Mas vou usar em breve e com um cuidado daqueles! Sei lá, deixa a leitura melhor, né? ♥

***

É isso, pessoal. E vocês? Gostam desse tipo de mimo? Me contem sobre um marcador que amam. :) No mais, podem opinar à vontade.

Beijos, Carol.

Post Antigo: Marcadores da Bienal do Livro
Fan Page ♥ Instagram 


7

Pequena Jornalista - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2021