23.05.2017
* Radar PJ: Mais livros para a nossa listinha! ♥

Ei, Gente! Coração de leitor é que nem coração de mãe, né? Sempre cabe mais um livro! Pensando nisso, separei três histórias para a gente acrescentar na pilha “não lidos”. A maioria é chick-lit, mas também tem um romance! Aliás, um deles já lançou tem um tempinho, mas tem capa nova (versão filme). Enfim, peguem caneta, papel e bom post. ;-)

Radar PJCrédito das Imagens: Saraiva e Arqueiro 
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

1. Na minha onda (Laura Conrado – Editora Globo Alt)
Sinopse: Vitória é uma cantora talentosa que esteve no topo do sucesso há cinco anos. Mas agora ela está arrasada: ficou desempregada, voltou a morar com os pais e ainda tem que aceitar o triunfo de Carol Laine, sua amiga de infância e antiga companheira musical, que seguiu em carreira solo e está se tornando uma das mais comentadas artistas da Bahia. Porém, mesmo Vitória tentando se esconder a todo custo, Carol Laine a procura com um convite: ela quer que as duas voltem a trabalhar juntas e que ela participe de um reality show sobre sua vida. Isso significa, também, estar mais próxima de Lucas, o primo e assessor de Carol, por quem Vitória mantém uma paixão secreta há anos. Mesmo parecendo uma proposta irrecusável, é difícil engolir a mágoa, ficar à sombra de Carol Laine e ainda encarar os reveses da fama. Em meio a tantos sentimentos conflitantes, Vitória terá que pensar se vale a pena voltar a esse mundo, onde o ego das pessoas parece controlar tudo.
Observação da Pequena: Amei essa capa e estou ansiosa para ler mais uma história da Laura. Ah! A gente encontra nas livrarias no início de junho, mas já está na pré-venda. ;-)

2. Minha vida não tão perfeita (Sophie Kinsella – Grupo Editorial Record) 
Sinopse: Cat Brenner tem uma vida perfeita: mora num flat em Londres, tem um emprego glamoroso e um perfil supercool no Instagram. Ah, ok… Não é bem assim… Seu flat tem um quarto minúsculo, seu trabalho numa agência de publicidade é burocrático e chato, e a vida que compartilha no Instagram não reflete exatamente a realidade. E seu nome verdadeiro nem é Cat, é Katie. Mas um dia seus sonhos se tornarão realidade. Bom, é nisso que ela acredita até que, de repente, sua vida (não tão) perfeita desmorona. Demeter, sua chefe bem-sucedida, a demite. Tudo o que Katie sempre sonhou vai por água abaixo, e ela resolve dar um tempo na casa da família, em Somerset. Em sua cidadezinha natal, ela decide ajudar o pai e a madrasta com a nova empreitada do casal: os dois planejam transformar a fazenda da família em um glamping, uma espécie de camping de luxo e estão muito empolgados com o novo negócio, mas não sabem muito bem por onde começar. E não é justamente lá que o destino coloca Katie e sua ex-chefe cara a cara de novo? Demeter e a família vão passar as férias no glamping, e Katie tem a chance de, enfim, colocar aquela megera no seu devido lugar. Mas será que ela deve mesmo se vingar da mulher que arruinou sua vida? Ou apenas tentar recuperar seu emprego? Demeter – a executiva que tem tudo a seus pés – possui mesmo uma vida perfeita ou, quem sabe, as duas têm mais em comum do que imaginam? Porque, pensando bem, o que há de errado em ter uma vida (não tão) perfeita?
Observação da Pequena: É da Sophie Kinsella (a minha autora gringa preferida)? Eu já estou lendo! Amo todas as suas histórias e nem acreditei quando vi que finalmente a editora Record ia lançar esse livro!!  Se eu não me engano, a gente encontra nas livrarias a partir do dia 31 de maio. ;-)

3. Tudo e todas as coisas (Nicola Yoon – Editora Arqueiro) 
Sinopse: “A doença que eu tenho é rara e famosa. Basicamente, sou alérgica ao mundo. Não saio de casa. Não saí uma vez sequer em 17 anos. As únicas pessoas que eu vejo são minha mãe e minha enfermeira, Carla. Então, um dia, um caminhão de mudança para na frente da casa ao lado. Eu olho pela janela e o vejo. Ele é alto, magro e está todo de preto! Ele percebe que eu estou olhando e me encara. Seu nome é Olly. Talvez não seja possível prever tudo, mas algumas coisas, sim. Por exemplo, vou me apaixonar por Olly. Isso é certo. E é quase certo que isso vai provocar uma catástrofe.”
Observação da Pequena: A história já é conhecida, mas a Arqueiro lançou a capa “versão filme” e com fotos da produção cinematográfica. A propósito, podemos assistir nas telonas a partir de junho).  ;-)

***

É isso, gente! Podem opinar à vontade. 

Beijos, Carol

Fan Page ♥  Instagram


4

Pequena Jornalista - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2017