08.12.2017
* Wishlist Literária: Natalina! ♥

Ei, Gente! :) Só para avisar que já estou aceitando livros de Natal, amigo secreto e por aí vai. Eu sei que não cabe mais livros na minha pilha de próximas histórias, mas que culpa eu tenho? É um vício e me julguem hahaha. Brincadeirinha, mas a quem interessar possa (leia-se mãe e irmã): segue a minha wishlist literária natalina. Vamos lá? Bom post! 

Wishlist Literária - NatalCrédito das imagens: Saraiva 
Crédito da montagem: Pequena Jornalista

1. O Clube de Escrita de Jane Austen (Rebecca Smith – Editora Bertrand Brasil) 
Sinopse: Um guia charmoso e informativo sobre como escrever como Jane Austen, escrito pela sobrinha-neta de quinto grau da famosa escritora. Rebecca Smith analisa vários aspectos da escrita de ficção como enredo, caracterização de personagens, diálogos, cenários e técnicas de escrita, dividindo também com os leitores os conselhos que Jane Austen escreveu em cartas a seu sobrinho e sobrinhas aspirantes a romancistas. Repleto de exercícios úteis e citações esclarecedoras, este livro ensinará métodos, dicas e truques, usando como exemplos a obra de Austen.
Observação da Pequena: Vai ser muito útil na minha vidinha!

2. Caligrafia para relaxar (Amy Latta – Editora Sextante) 
Sinopse: Uma introdução simples e divertida à arte da caligrafia.Unindo técnicas de escrita à mão com textos inspiradores sobre a necessidade de desacelerar e de aceitar a vida como ela é, este livro é uma ótima maneira de cultivar a calma, promover a alegria e celebrar a beleza. À primeira vista, dominar a arte da caligrafia pode parecer difícil, mas você vai se surpreender ao ver como é simples criar lindos projetos.
Observação da Pequena: Só a capa já me conquistou e acho que vai me ajudar a riscar uma meta especial para o próximo ano!

3. 30 Jours à Paris (Carol Pio Pedro – Editora Letramento) 
Sinopse: O que incluir em um roteiro de viagem a Paris além dos pontos turísticos mais famosos e visitados? Nesse livro, a autora apresenta diversas opções de lugares que vão das esquinas retratadas nos cinemas à esquinas e recônditos da Cidade Luz. O livro se constitui em um compilado de informações na mesma vertente de seu blog intitulado 30 Jours à Paris, onde a autora vem compartilhando suas descobertas e interesses sobre a capital francesa desde 2015, em suas duas visitas anuais que visam explorar todos os cantos da cidade e enxergar a beleza nas diferentes formas que ela se apresenta, indo muito além dos cartões postais, circuitos turísticos, museus, pontes e igrejas.
Observação da Pequena: Preciso desse livro por motivos de Paris. Óbvio!

4. Turma da Mônica Jovem – Uma viagem inesperada (Várias autoras brasileiras – Editora Nemo) 
Sinopse: As personagens da Turma da Mônica Jovem estão reunidas, pela primeira vez, em um livro de contos. Mônica, Magali, Denise e Marina embarcam em aventuras inéditas, cada uma com um destino especial. Mônica parte rumo à Coreia do Sul, em um tour inesquecível, repleta de k-pop, cores e aventuras. Magali tem seus planos virados de cabeça para baixo e acaba em Paraty, onde gastronomia e novas amizades se misturam. Marina desenvolve um novo lado artístico em Londres – com direito a chá, saudades, encontros e desencontros. E Denise, por ter se metido numa encrenca, é mandada de castigo para um acampamento na Serra Catarinense. Prepare as suas malas e acompanhe as garotas em viagens pelo Brasil e pelo mundo, com romances, confusões e aventuras!
Observação da Pequena: Já falei mil vezes que estou louca para ler esse livro e lembrar da minha infância, né? Então, fica a dica, mãe e irmã!

5. Uma história entre nós (Isa G. – Editora Benvir) 
Sinopse: Duas pessoas se encontram por acaso. Ela, intensa, sentimental, profunda. Ele, racional, calado, temeroso. E então tem início uma história. Mas o passado muitas vezes assombra o presente, e nem sempre as coisas acontecem como queremos… Em “Uma história entre nós”, a autora constrói uma delicada e autêntica narrativa, usando o mesmo estilo de frases que a consagrou nas redes sociais.
Observação da Pequena: Do Instagram (@amargoemeio) direto para o mundo literário. Adoro o trabalho da Isa, mas não encontro de forma alguma esse livro. Se alguém souber, me avisa!

6. Lady Whistledown Contra-Ataca (Julia Quinn e outras autoras – Editora Arqueiro) 
Sinopse: Com a participação especial da famosa cronista da sociedade criada por Julia Quinn, “Lady Whistledown contra-ataca” contém quatro curtas histórias sobre um roubo de uma pulseira milionária. Os contos são como pérolas que se unem e formam uma peça de valor inestimável. Então: quem roubou o bracelete de lady Neeley? O caça-dotes, o apostador, a criada ou o libertino? Londres está fervendo com as especulações, mas, se ainda restam muitas dúvidas, pelo menos uma coisa é certa: um desses quatro está envolvido no crime.
Observação da Pequena: Só de ter a Julia Quinn, já vale. :)

***

Prontinho, gente. Quem já leu algum desses, me conta o que achou, se devo substituir por outro e tal. E também conta quem está na sua whislist literária natalina!

Beijos, Carol.

PJ Todos os Dias – Entrevista Daiana Garbin

Fan Page ♥ Instagram  


0
02.12.2017
* Top 5: Babi Dewet! ♥

Ei, Gente! Semana passada, eu participei de um workshop de escrita, organizado pela Agência 7, aqui no Rio de Janeiro. Uma das palestras foi dada pela autora nacional Babi Dewet, que já conhecia por alto, mas tive mais contato dessa vez. E sério: que pessoa querida e fala mega bem! Foi uma das melhores participações e as coisas que ela disse, vou levar para a vida. Então, resolvi fazer um Top 5 com livros dela. Vamos lá? Bom post! 

Top 5 - Babi Dewet - PJTop 5: Babi Dewet 
Crédito das imagens: Saraiva 
Crédito da montagem: Pequena Jornalista 

1. Turma da Mônica Jovem – Uma viagem inesperada (Editora Nemo)
Sinopse: As personagens da Turma da Mônica Jovem estão reunidas, pela primeira vez, em um livro de contos. Mônica, Magali, Denise e Marina embarcam em aventuras inéditas, cada uma com um destino especial. Mônica parte rumo à Coreia do Sul, em um tour inesquecível, repleta de k-pop, cores e aventuras. Magali tem seus planos virados de cabeça para baixo e acaba em Paraty, onde gastronomia e novas amizades se misturam. Marina desenvolve um novo lado artístico em Londres – com direito a chá, saudades, encontros e desencontros. E Denise, por ter se metido numa encrenca, é mandada de castigo para um acampamento na Serra Catarinense. Prepare as suas malas e acompanhe as garotas em viagens pelo Brasil e pelo mundo, com romances, confusões e aventuras!
Observação da Pequena: Fica a dica: está na minha wishlist de amigo oculto! ;-) Turma da Mônica fez parte da minha infância e eu estou louca para embarcar e viver momentos de nostalgia. A Babi nesse livro escreve com autoras brasileiras incríveis, como a Pam Gonçalves.

2. Sonata em Punk Rock (Editora Gutenberg)
Sinopse: Por que alguém escolheria uma orquestra se pode ter uma banda de rock? Essa sempre foi a dúvida de Valentina Gontcharov. Entre o trabalho como gerente do mercado do bairro e as tarefas de casa, o sonho de viver de música estava, aos poucos, ficando em segundo plano. Até que, ao descobrir que tem ouvido absoluto e ser aceita na Academia Margareth Vilela, o conservatório de música mais famoso do país, a garota tem a chance de seguir uma nova vida na conhecida Cidade da Música, o lugar capaz de realizar todos os seus sonhos. No conservatório, Tim, como prefere ser chamada, terá que superar seus medos e inseguranças e provar a si mesma do que é capaz, mesmo que isso signifique dominar o tão assustador piano e abraçar de vez o seu lado de musicista clássica. Só que, para dificultar ainda mais as coisas, o arrogante e talentoso Kim cruza seu caminho de uma forma que é impossível ignorar. Em um universo completamente diferente do que estava acostumada, repleto de notas, arpejos, partituras, instrumentos e disciplina, Valentina irá mostrar ao certinho Kim que não é só ele que está precisando de um pouco de rock’n’roll, mas sim toda a Cidade da Música.
Observação da Pequena: Primeiro que a capa é mara, segundo que a história deve ser aquela que você devora em questão de um fim de semana. Entrou para a minha listinha de próximas leituras de 2018!

3. Um ano inesquecível (Editora Gutenberg) 
Sinopse: Um livro que fala sobre doces e sensíveis momentos que passamos na adolescência e que não se apagam da memória tão facilmente. Quatro contos, em quatro estações do ano, sobre jovens que passam por vivências e sentimentos intensos. Paula Pimenta nos leva em uma viagem de inverno. Babi Dewet conta como um outono pode mudar tudo. Bruna Vieira mostra a paixão brotando com a primavera. E Thalita Rebouças narra um intenso amor de verão. Histórias de um ano inesquecível que vão ficar para sempre!
Observação da Pequena: Tenho ele aqui em casa, mas ainda não consegui embarcar. Acho que vai ser tipo um momento nostalgia! E a Babi escrever sobre a minha estação preferida do ano (depois do inverno).

4. K-Pop – Manual de sobrevivência (Editora Gutenberg) 
Sinopse: Um manual que leva o leitor para passear pela história da Coreia do Sul e por sua cultura, indústria de entretenimento, música e paixão. E a intenção da Babi (e outras autoras que participaram também da escrita) é que a gente preste atenção nos detalhes. O K-Pop é feito deles. Cada cor, cada conceito, cada ritmo e expressão significa um mundo de possibilidades. De acordo com elas, o K-Pop mudou a vida delas para melhor. Quem sabe não é exatamente disso que a gente precisa?
Observação da Pequena: Gente, eu escuto muito falar sobre o K-Pop, mas nunca dei muita atenção, questão de gosto mesmo. Mas quem gosto, acho que deve ser uma leitura bem agradável.

5. Sábado à noite (Editora Generale)
Sinopse: Uma história complicada, que fala sobre amor e amizade. Uma história sobre jovens descobrindo qual é o papel deles no mundo. Por exemplo, a Amanda é uma adolescente como tantas outras, e ela não tem culpa de ser popular e a menina mais bonita do colégio. Isso simplesmente aconteceu quando ela cresceu! Já o seu melhor amigo de infância vive se metendo em encrencas com seu grupo bagunceiro e, apesar de serem como irmãos, eles não se falam em público.
Observação da Pequena: Ele é o primeiro de uma trilogia (se eu não me engano). Acho que é o típico livro que eu gosto. Meio teen, mas posso ser a pessoa mais velha do mundo, que ainda vou amar esse gênero. Se alguém souber onde acho no RJ, me avisa? 

***

Prontinho, pessoal. E vocês? Já conheciam a Babi? Já deu para perceber que as histórias dela sempre tem muita música, né? Acho que vou amar embarcar nesses livros!
No mais, podem opinar à vontade. 

Beijos, Carol.

Para ler: Top 5 – Livros de Terror

Fan Page ♥ Instagram 


0
29.11.2017
* Para assistir: Depois daquela montanha! ♥

Ei, Gente! :) Um dos filmes mais esperados por mim nesse mês era Depois Daquela Montanha, inspirado em um livro que leva o mesmo nome, do autor Charles Martin (publicado pela Arqueiro, parceira do PJ). Depois de algum tempo enrolando para assistir, por conta da rotina corrida, consegui finalmente assistir.  Então, hoje a dica é cinematográfica. Vamos lá?

Para assistir - Depois daquela montanha - PJ - 1

Para começar, segue um pouco da sinopse. Alex é uma jornalista, que está querendo voltar para casa com o seguinte objetivo: comparecer ao seu casamento. Já Ben, um doutor, está voltando de uma conferência médica e tem uma cirurgia marcada. Porém, ambos tem o mesmo voo cancelado. Mas como são compromissos inadiáveis, decidem fretar um jatinho. Entretanto, os planos não dão certo e no meio do voo, o piloto sofre um ataque cardíaco e o avião cai em uma região montanhosa coberta por neve. E com um detalhe: como o voo foi de última hora, ninguém sabe que os dois fretaram esse jatinho, então, a chance de ter um socorro é quase nula. Daí, os dois, até então desconhecidos, tentam sobreviver, independente dos ferimentos e do fato de que estão perdidos.

Para assistir - Depois daquela montanha - PJ - 2

O que eu achei? Bom, o livro me surpreendeu muito mais. Mas o filme não deixa a desejar não, gente!  A história na telona me trouxe sensações e reações parecida: fiquei angustiada na maioria das cenas, me apaixonei perdidamente pelo cãozinho (que a propósito era do piloto) e aprendi mais uma vez que as situações podem ser devastadoras, mas se você lida de uma forma leve, na medida do possível, elas deixam de ser tão pesadas. E esse humor de ambos foi bem retratado no filme! Pontinho extra, claro.

Mas como nem tudo são flores, senti falta de alguns pontos importantes também. Alguns detalhes, que eu considero importante, eles não deram a mínima no filme. Por exemplo, a vida do piloto. No livro foi retratado e no filme nada aconteceu.  Aliás, o final do cachorrinho também foi diferente, mas até que me surpreendeu de forma positiva. Outros fatos também não foram nada semelhantes… Em contrapartida, como é adaptação, quase nunca é igual a história literária mesmo e tudo bem.

Para assistir - Depois daquela montanha - PJ - 3Crédito das imagens: Adoro Cinema 

Quanto à escolha dos atores: amei. Os dois, Kate Winslet e Idris Elba, arrasaram muito. No começo, achei que o decorrer da história poderia ser meio parada ao extremo, principalmente, para quem não leu o livro. Mas só foi no comecinho, que deu essa impressão. Depois fluiu bem, pelo menos na minha opinião. Porém, se você é do tipo que gosta de um filme mais movimentado e tal, esse talvez não seja para você, já que em algumas partes o ritmo é meio paradinho.

Enfim, independente dos pontos negativos, acho que vale assistir. É uma história que traz várias lições nas entrelinhas. E como um bom filme (na minha humilde opinião), tem romance, mesmo na tragédia. Mas não é de uma forma apelativa. E se quiser conhecer além, leia o livro. Tem resenha literária aqui

No mais, podem opinar à vontade!

Beijos, Carol.

Para assistir: Homem-aranha, de volta ao lar

Fan Page ♥ Instagram


0
27.11.2017
* PJ Leu: Uma história de verão! ♥

Ei, Gente! :) Para começar bem a semana, separei uma dica literária: Uma história de verão, da autora (brasileira) Pam Gonçalves. O livro, publicado pela Galera Record, é um romance teen cheio de lições valiosas e ideal para quem quer ler algo leve e que flui. Vamos lá? Boa resenha! 

PJ Leu - Uma história de verãoLivro: Uma história de verão | Editora: Galera Record | Autora: Pam Gonçalves
Crédito da Imagem: Pequena Jornalista

Sinopse: O último verão antes da faculdade não será fácil para Analu. É um momento crítico para ela e para qualquer pessoa: o vestibular. Na verdade, o resultado não é o maior problema, mas a escolha que ela fizera. Ela finalmente havia ultrapassado todos os limites! Os pais até poderiam lidar com suas roupas estranhas, o corte de cabelo diferente ou as atitudes rebeldes. Mas nada poderia ser pior que acabar com a carreira que já estava nos planos da família, e trocar o curso de Direito para Cinema.

As persistentes comparações da menina com seu irmão gêmeo, André Luis, também não deixam nada mais fácil. O grande exemplo de filho faz tudo para agradar e, assim como o pai, corre atrás de seus objetivos mesmo que para isso tenha que ser egoísta e ganancioso. Analu está cansada de tanta hipocrisia e da cobrança de todos. Afinal, a família pode até parecer perfeita, mas, na verdade, tem o pior dos relacionamentos. Sua mãe fecha os olhos para as traições do marido, seu irmã não se importa com ninguém desde que ganhe a parte dele, e seu pai… ela não gosta nem de pensar no quanto ele é desprezível.

Tudo que Analu quer agora é paz, aproveitando as férias na praia com seus melhores amigos, antes de enfrentar o furacão que já chegou em sua vida. Só que, para coroar esse verão da discórdia, alguém em quem ela definitivamente não pensava e nem queria mais ver na vida… Está de volta! Depois de dois anos. Analu jamais conseguiu esquecer Murilo, sua primeira grande decepção amorosa. Pelo menos, depois de destruir seu coração, ele tinha sumido, se mudara para outra cidade. Mas agora ali estava ele, com aquele sorriso cafajeste que sempre veio com um alerta de perigo, mas que ela nunca foi bem-sucedida em respeitar.

Com tantos exemplos de relacionamentos mal-sucedidos, a garota aprendeu que o amor romântico não existe, É como uma bomba prestes a explodir, e azar de quem estiver comprometido demais para não conseguir fugir antes da catástrofe. Nada de envolvimento, nada de se apaixonar, nada de apego. Era assim que ela havia sobrevivido até hoje. Seria uma pena se a volta do Murilo não a fizesse duvidar de tudo isto, não é mesmo?

Minha opinião: Esbarrei nesse livro na Bienal e sério, foi amor à primeira vista.  Além de a capa ser mega fofa, a história é bem o meu tipo preferido. Cheio de clichês, mas com elementos surpresas que fazem toda a diferença. A escrita da Pam é leve e flui de um jeito divertido e que faz a gente refletir sobre as escolhas da protagonista e de outros personagens tão importantes quanto. Adorei como ela construiu cada capítulo! A gente lê e nem percebe que já está chegando ao fim. É o tipo de leitura que vale a pena passar o tempo em um fim de semana. E, de quebra, tirar lições valiosas. No meu caso, lembrei de algumas decepções amorosas, mas agora com uma percepção diferente, através dos “olhos” da Analu.

É um livro que fala sobre família, amizade e amor. E mais do que tudo: escolhas! Aliás, cada um segue um caminho. Talvez não bata com os nossos valores, princípios e percepções. Mas quem é a gente para julgar. O negócio é seguir em frente, fazer a nossa parte e torcer para que as coisas se encaixem. Nem que seja aos poucos. Alguns erros não são nada justificáveis, outros nem sempre acontecem por mal. Os personagens dessa história me mostraram mais do que nunca isso. E falando neles, é quase impossível não se identificar, pelo menos com algum. Enfim, a gente torce, discorda, concorda, torce de novo, não acredita que tal coisa aconteceu, fala que já viu aquele “filme” antes e por aí vai. Interage e sente meio que na pele cada momentinho que a Analu vive. E também imagina o que os outros personagens passam também, com raríssimas exceções.

Enfim, MEGA RECOMENDO esse livro. Tem uma linguagem mais teen e vivências dessa idade? Sim. Mas acho que vale incluir essa experiência literária na sua listinha de próximos livros. O final é inspirador e, até, imagino que possa ter uma segunda parte. Mas caso não tenha, gostei de como terminou. Talvez no meu mundo ideal tivesse outro fim, mas combinou muito com o mundo real.  ;-)

É isso. Podem opinar à vontade!

Beijos, Carol.  

Para ler: Fazendo as pazes com o corpo 

Fan Page ♥ Instagram 


1
08.11.2017
* Quatro histórias literárias que você precisa embarcar! ♥

Ei, Gente! Há um tempinho, fiz um post sobre livros com lições valiosas. Daí, resolvi repetir mais ou menos a dose e falar sobre histórias que acredito que todo mundo tem que embarcar. Tipo aquelas obras que são um tapa na cara da gente, sabe? E faz com que a reflexão apareça automaticamente. Enfim, chega de conversa e vamos ao que interessa. Bom post! ;-)

Post - Livros que todo mundo precisa ler - PJCrédito das Imagens: Saraiva
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

1. Escolha sua vida (Paula Abreu – Editora Sextante) 
Sinopse: Muita gente poderia dizer que uma advogada bem-sucedida, com muito dinheiro no banco, carro do ano e um apartamento com vista deslumbrante deveria estar satisfeita com a vida, né? Paula Abreu tinha tudo isso, mas um dia constatou que não estava feliz. Daí, resolveu se reinventar: largou a carreira, terminou um relacionamento, mudou seus hábitos e começou a buscar a vida que sempre quis.
Observação da Pequena: Sério, pessoal. Se hoje sou mais feliz profissionalmente, devo muito a esse livro. Me fez expandir horizontes e acreditar mais no meu sonho! E toda escolha  significa renúncias, mas valeu a pena cada coisa que deixei para lá. Para ler mais sobre ele, só clicar aqui.

2. Extraordinário (R. J. Palacio – Editora Intrínseca)
Sinopse: August Pullman, mas conhecido como Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso, ele nunca frequentou uma escola de verdade. Até que um dia, passou a frequentar. Com medo, mas foi. Ser um aluno novo, já é bastante difícil… Mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano, o nosso protagonista tem uma missão difícil, mas não impossível: convencer os seus amigos de classe de que, apesar da aparência diferente, ele é um menino igual a todos os outros. Mas segundo seus pais: ele é extraordinário!
Observação da Pequena: Não tem como não aprender com esse livro e se encantar pelo Auggie. Louca para assistir essa história no cinema, que a propósito estreia em dezembro! \o/ Para ler mais sobre ele, só clicar aqui.

3. O ódio que você semeia (Angie Thomas – Galera Record)
Sinopse: Starr vive entre dois mundos: o bairro pobre onde mora e o colégio particular em que estuda. Ainda assim, ela é como tantas outras meninas de 16 anos. Tem amigos, problemas com os irmãos, vai a festas e também ajuda o pai no trabalho. Até que esse equilíbrio é quebrado: Starr presencia a morte de seu melhor amigo de infância, Khalil, por um policial. Khalil estava desarmado. Starr é a única testemunha. Não demora e a morte do amigo é manchete em todos os jornais. Alguns o chamam de bandido, outros de traficante, e que fazia parte de uma gangue. O julgamento ainda não ocorreu, mas não há quem não julgue. Seja no bairro, na escola, na TV. Até que protestos começam a tomar as ruas! Traficante? Negro. Bandido? Desarmado. Dizem que a justiça é cega, e é isso que Starr está prestes a descobrir!
Observação da Pequena: De todos que selecionei hoje, esse é um dos livros que mais recomendo. Para todo mundo, sem exceção! Uma história que prende a cada capítulo e faz a gente enxergar a nossa sociedade de uma outra forma. Louca também para assistir, nem que seja o trailer. Para quem não sabe, já estão gravando o filme inspirado nesse livro! Para ler mais sobre ele, clique aqui.

4. Minha vida não tão perfeita (Sophie Kinsella – Record)
Sinopse: Cat Brenner tem uma vida perfeita! Ela mora em um flat em Londres, tem um emprego glamouroso e um perfil mara no Instagram. Mas ela não conta a real que está por trás disso tudo. Por exemplo? Ela até mora em um flat, mas em um quartinho minúsculo com pessoas bem peculiares. Seu trabalho na agência de publicidade é burocrático e nem tão legal. E o dia a dia que ela compartilha em ser perfil, não reflete exatamente a realidade. Ah! Outro detalhe: seu nome verdadeiro é Katie. Porém, um dia, seus sonhos se tornarão realidade, né? Bom… A vida dela vira de cabeça para baixo, quando a chefe Demeter, bem-sucedida, a demite. Daí, ela resolve dar um tempo na casa da família, em Somerset, sua cidade natal.  Só que é justamente nesse local, que a nossa protagonista tem a oportunidade de ficar cara a cara com a sua ex-chefe. Será que ela vai finalmente colocar a megera no seu devido lugar ou mudar de opinião? Afinal, ter uma vida (não tão) perfeita assim é tão ruim?
Observação da Pequena: Em tempo de likes, essa é uma ótima leitura, que ensina um outro lado também. Um dos livros mais incríveis da Sophie e que cabe direitinho nessa “realidade” online. Para ler mais sobre ele, clique aqui.

***

É isso, gente. Podem opinar à vontade e indicar livros nos comentários. Não necessariamente, esses livros estão na minha listinha de preferidos, mas me ensinaram tanto a levar a vida de um jeito melhor, que eu indico para todo mundo. E como eu disse: sem exceção!

Beijos, Carol.

Para ler: Três livros com lições valiosas!

Fan Page ♥ Instagram


2

Pequena Jornalista - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2017