15.08.2020
* Beda 15 – Lista Secreta de Papelaria (Parte 1)! ♥

Ei, Gente! :) Um dia desses, compartilhei nos stories uma folha de um bloco de notas com uma lista meio bagunçada com nomes de papelaria (brasileiras) para me guiar nesses posts sobre esse tema. ♥

Daí, a Dani (do Dani que Disse) pediu para eu mostrar mais detalhadamente e surgiu a ideia de fazer um post com a minha listinha *secreta* (hahaha) dessa lojas que eu tanto amo. Vamos lá?

Para começar, decidi separar essa postagem em duas partes: as que eu já comprei e as que eu ainda não experimentei o serviço. Claro que vou esquecer de alguma, porque eu amo esse lugar e lojas online que vendem itens desse nicho. Mas se eu lembrar de mais alguma que ficou faltando, atualizo vocês, ok? ;-)

Crédito da Imagem: Pequena Jornalista

1. Bee Mine: é aquela lojinha online do coração, que já apareceu um milhão de vezes aqui. A Jess além de vender produtos incríveis, proporciona uma experiência de carinho com a clientela que não tem tamanho. Para conhecer, só clicar aqui.

2. Meg & Meg: é tanta fofurice essa loja online, que nem sei. Quero comprar tudo! Meu planner atual é de lá e estou gostando muito da experiência! Para conhecer é só clicar aqui.

3. Donna Dolce: acho que foi uma das primeiras papelarias online que conheci. A primeira vez, confesso que não curti muito a qualidade da cartela de adesivos. Mas na segunda, não tive o que falar. Para conhecer, é só clicar aqui.

4. A. Craft: nunca vi uma papelaria entregar tão rápido. Pedi o meu diário de leitura (bullet journal) no dia 4 de agosto e dia 8 do mesmo mês chegou. E olhem que eu pedi o frete mais em conta! Só senti falta de um bilhetinho e tal, mas de resto amei. Para saber mais, clique aqui.

5. HD Yellow: conheci por acaso no Insta e a Paula é muito fofa. Fiz um pedido de uma bolsa por lá e ela mandou alguns mimos, que me acompanham até hoje. Para saber mais, clique aqui.

6. Ilustralle: meu planner do ano passado foi de lá e confesso que sinto saudade. Amo o da Meg & Meg, mas o dessa loja tinha mais liberdade para criar. Hoje em dia não acompanho muito o trabalho deles, mas a experiência que tive foi bem válida. Para conhecer, clique aqui.

7. Books deCor: amo o nome dessa loja online e foi o lugar que eu comprei a minha primeira washi tape, que me acompanha até hoje. Volta e meio, dou uma olhadinha no site. Para conhecer, clique aqui.

8. Papel Craft: é uma papelaria física, mas que vende online também. O preço não é tão em conta, mas é impossível não se apaixonar pelos itens! No meu niver, ganhei da minha avó e tia um item da coleção com a Mari Vida Ilustrada. Tenho até peninha de usar hahaha. Quem quiser conhecer, só clicar aqui.

9. Haikai: é uma papelaria (física) de São Paulo que traduz bem a palavra “perdição”. Fico com vontade de levar tudo e mais um pouco! Pensando bem, é até melhor eu morar no Rio. Meu cartão de crédito agradece hahaha! Para conhecer, clique aqui.

10. Boutique do Papel: é uma das minhas papelarias físicas favoritas do Rio. Esse mundo em São Paulo é bem vasto, mas aqui na cidade dos cariocas, acho que não tem tanta novidade. E essa loja faz a diferença! Fica longe da minha casa, mas sempre quando posso, eu corro lá e fico horas. Para saber mais, clica aqui.

Crédito da Imagem: Pequena Jornalista

11. Mirtillo Presentes: uma das papelarias que conheci nessas feiras de artesanato e tal. O trabalho é bem fofo! Com a pandemia, as feiras deram um stop, mas sei que a marca tem página no Facebook. Para saber mais, corre aqui.

12. Fancy Goods: outra loja física de SP que é a própria perdição das #loucasdapapelaria. Tenho vontade de sair cheia de adesivos e itens que a gente não dá nada por eles, mas quando conhece não imagina mais a vida sem hahaha. Para conhecer, só clicar aqui.

13. Las Niñas: conheci as meninas em um evento da Editora Arqueiro e andando em um feira no Rio de Janeiro vi o stand da papelaria delas. Cada produto mais lindo do que o outro e com um preço mega justo e um trabalho impecável. Acho que com a pandemia, elas deram uma pausa, mas vale acompanhar aqui.

14. Magnólia Papelaria: eu fiquei tão triste quando eles fecharam o quiosque deles aqui no Rio e torço para que eles voltem. Adoro os produtos deles e sou louca para ter algum item da coleção “Meninas Malvadas”, mas por enquanto o frete não está colaborando hahaha. Para saber mais, clica aqui.

15. Lubi: também é uma marca que volta e meia vejo nas feiras daqui do Rio. Tenho um planner semanal lindo e sou louca pelos chaveiros deles e pela identidade visual. Para conhecer, é só clicar aqui. ♥

***

Ufa! O post ficou bem grande, mas espero que ajude a todos que amam papelarias. ♥ Falando nisso, o que eu levo muito em consideração é a qualidade dos produtos, o frete (ainda mais em tempo de pandemia), mas o tratamento faz a diferença. Uma loja que manda um bilhetinho, mesmo que padronizado, me conquista de cara. Claro que a correria, às vezes, não permite. Mas sou meio exigente com isso hahaha.

Em breve, vou trazer a parte de papelarias que já escutei falar, mas ainda não comprei. E quem tiver indicações, fique à vontade para acrescentar nos comentários.

Beijos, Carol.

Post Antigo: Um amor em forma de adesivos!
Fan Page ♥ Instagram 


4
02.08.2020
* Beda 2 – 3 livros que eu não escuto quase ninguém falar (mas que eu amo)! ♥

Ei, Gente! :) Têm aqueles livros que viram trend e outros que parecem que só ganham destaque na nossa estante. Quando o segundo tipo cruza o meu caminho em alguma livraria e eu me apaixono desde a primeira página, quero espalhar ao sete ventos o quanto essa história merece atenção. Pensando nisso, selecionei três leituras que eu amo e que quase não escuto falar. Vamos lá? ♥

1. O melhor lugar do mundo é aqui
Sinopse:
Em uma tarde fria e cinzenta, Iris perambula sem rumo pelas ruas da cidade. Arrasada pela morte repentina dos pais, ela não consegue suportar a solidão da própria casa. Numa ponte sobre a linha do trem, ela pensa em pôr fim à própria vida, mas a travessura de um menino a conduz a um lugar inusitado. Iris nunca havia notado aquele café. Seu nome, “O melhor lugar do mundo é aqui”, soa tão intrigante que ela decide entrar, só por curiosidade. Ali conhece Luca, que parece saber mais sobre a vida do que sua modesta experiência poderia lhe permitir. Segundo ele, cada mesa do lugar tem uma propriedade mágica.
Observação da Pequena: Minha mãe não é uma bookaholic, mas ela leu esse livro em um dia! Minha prima pegou emprestado e quando terminou teve de emprestar para uma outra amiga. Falei tanto dessa história para uma amiga da minha irmã, que ela leu e quando devolveu deixou uma cartinha emocionante com ele! Tem uma pegada mais de espiritismo, mas independente da sua religião, ele vai inovar a sua esperança e o amor pela vida! Todo mundo deveria ler e aprender com o melhor lugar do mundo. Juro, juradinho, que vale cada letra! Ah! Ele não tá mais comigo, porém, tenho certeza de que está em boas mãos e ensinando vários leitores. É um livro que eu tenho apego, mas acredito que não é justo ficar “preso” dentro de uma estante. Para ler a resenha, é só clicar aqui.

Crédito da Imagem: Amazon

2. Coisas pra fazer antes dos 30
Sinopse:
A última coisa que Lisa Lynch esperava escrever em sua “lista de coisas pra fazer antes dos 30” era vencer um câncer de mama, mas foi exatamente o que aconteceu. Assim, com a vida paralisada, e a mente prestes a explodir com medos, dúvidas e emoções não expressados, pegou o computador e começou a escrever um blog sobre o inconveniente frustrante e doloroso de ter câncer de mama aos 28 anos. Um relato totalmente honesto e engraçado da batalha de Lisa contra a Porcaria, como ela passou a chamar a doença.
Observação da Pequena: Comprei em uma edição da Bienal do Rio e, a princípio, parecia ser só um chick-lit divertido. Mas ele vai além! Fiquei triste quando soube que a Lisa foi para um lugar melhor, porém, sou muito grata por todas as lições que ela me ensinou nessa história. Minha psicóloga passou a indicar esse livro para pacientes que enfrentam câncer ou que essa Porcaria faça parte do dia a dia de alguma forma. Apesar de ter páginas comoventes, a gente consegue sorrir ao final de cada capítulo. Recomendo a todos!! A propósito, é um dos livros da minha estante que mais têm post-it e já conquistou muitas amigas leitoras. Eu li há séculos, por isso, não tem resenha aqui no blog. Mas me avisem se quiserem um “PJ Leu” no estilo TBT Literário hahaha. :)

Crédito da Imagem: Amazon

3. O manual prático de bons modos em livraria
Sinopse:
O blog [manual prático de bons modos em livrarias] virou um livro, que reúne os melhores “causos” dos atendimentos em livrarias, entre histórias inéditas, curiosidades e tal. Uma ótima oportunidade para aprender a etiqueta desse tipo de lugar. v
Observação da Pequena: Sempre imaginei que o paraíso fosse uma livraria, mas nunca imaginei que esse lugar fosse repleto de pérolas que fazem o leitor chorar de tanto rir. A Hillé, uma autora nacional, teve uma sacada incrível e conta como ter bons modos nesse ambiente literário com muito humor e uma escrita que faz a gente devorar em poucas horas o livro! Fora que a capa é linda e deixa a nossa estante ainda mais fofa. Acredito que todo leitor que se preze deve ler! Para quem quiser ler a resenha, corre nesse post. Se eu não me engano, ela comentou uma vez que teria um outro livro, mas não sei se foi só um desejo meu hahaha.

Crédito da Imagem: Amazon

***

É isso, pessoal! Uma lista curtinha, mas com histórias que me marcaram bastante e que realmente merecem destaque, na minha humilde opinião. Volta e meia, eu cito eles em alguma TAG literária e tal, mas sempre que possível fala novamente hahaha.

Ah! Me contem se já leram algum e deixem o nome de um livro que tem um espaço cativo na estante de vocês, mas que não é muito conhecido. No mais, podem opinar à vontade! :)

Beijos, Carol.

Post Antigo: Três livros com lições valiosas!
Fan Page ♥ Instagram 


9
26.06.2019
Top 5: livros que falam de livros! ♥

Ei, Gente! Livros que falam sobre livros merecem todo o nosso amor, né? E merecem também um top 5 especial. ♥ Então, segue uma seleção com algumas histórias que se encaixam nesse “gênero”, que eu adoro e não vivo sem! Vamos lá? Boa leitura! ;-)

Livros que falam de livros - PJ 1Crédito das Imagens e da Montagem: Pequena Jornalista

1. A pequena livraria dos sonhos 
Autora: Jenny Colgan (Editora Arqueiro)
Sinopse: Nina Redmond é uma bibliotecária que passa os dias unindo alegremente livros e pessoas, afinal, ela sempre sabe as histórias ideais para cada leitor. Porém, quando a biblioteca pública em que trabalha fecha as portas, nossa protagonista não tem ideia do que fazer. Então, se depara com um anúncio de classificados de uma van, que te chama atenção e tem um clique: por que não transformá-la em uma livraria volante e transformar vidas em cada lugar por onde passar. Seu primeiro destino: um vilarejo em Terras Altas, na Escócia. Por lá, descobre um mundo de aventuras, romances e talvez, o seu verdadeiro lar doce lar.
Observação da Pequena: O livro que me fez amar ainda mais esse “gênero”. A leitura é bem amorzinho e aquece o nosso coração! Tem resenha aqui.

2. Manual prático de bons modos em livrarias 
Autora: Lilian Dorea  (Editora Seoman)
Sinopse: O livro é uma coleção de pérolas hilárias de fregueses sem noção. Sendo assim, a autora teve uma sacada brilhante e criou um manual de como se comportar dentro deste lugar sagrado. Ah! Livreiros também não escapam. A autora conta e comenta pérolas desses profissionais que, a propósito, merecem todo o nosso amor.
Observação da Pequena: TODO MUNDO que ama livraria tem que ler esse livro, ok? Mas primeiro pode ler a resenha aqui.

3. A menina que roubava livros 
Autor: Markus Zusac (Editora Intrínseca)
Sinopse: Horas depois de ver seu irmão morrer nos braços de sua mãe, que era comunista, Liesel Meminger é adotada por Hans e Rosa Hubermann. Ao entrar na nova casa, trazia escondido na mala “O Manual do Coveiro”, livro que o rapaz que enterrou o seu irmão deixou cair na neve. Foi o primeiro dos vários livros que Liesel roubaria. O começo de uma carreira brilhante! Através dos livros, Liesel descobre um mundo diferente do cenário triste de uma guerra, que transformava a Alemanha diariamente. Ela descobre o real significado do amor, da amizade e da lealdade. E as palavras que Liesel encontrou nessas páginas seriam mais tarde aplicadas ao contexto da sua própria vida, sempre com a assistência de Hans, pai adotivo mais amável do mundo, e Max Vandenburg (o judeu do porão), Rudy Steiner e a Morte, que a propósito é a narradora do livro, que testemunhou a dor e a poesia da época em que Liesel teve sua vida salva diariamente pelas palavras.
Observação da Pequena: Como eu amo esse livro, gente. Foge do estilo que estou acostumada e gosto, mas ele me marcou tanto. Indico a todos, inclusive, o filme. Quem quiser saber mais, é só clicar aqui.

Livros que falam de livros - PJ 2Crédito das Imagens: Saraiva 
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

4. A pequena livraria dos corações solitários
Autora: Annie Darling (Editora Verus)
Sinopse: Era uma vez uma pequena livraria em Londres, onde Posy Morland passou a vida perdida entre as páginas de seus romances favoritos. Assim, quando Lavinia, a excêntrica dona da Bookends, morre e deixa a loja para Posy, ela se vê obrigada a colocar os livros de lado e encarar o mundo real. E não bastava ter herdado um negócio falido, a nossa protagonista ainda tem de lidar com a atenção indesejada do neto de sua eterna chefe: Sebastian, conhecido como o homem mais grosseiro. Posy tem um plano astucioso e seis meses para transformar a Bookends na livraria de seus sonhos. Porém, Sebastian não a deixa trabalhar em paz. Enquanto (quase) todos lutam para salvar a amada livraria, ela se envolve em uma batalha com Sebastian. Aliás, Posy começou a ter fantasias um tanto ardentes com ele… Resta saber se, como as heroínas de seus romances favoritos, a protagonista vai conseguir finalmente o seu “felizes para sempre”.
Observação da Pequena: Não é o meu livro favorito da vida, mas vale ler tirar a sua própria conclusão, viu? Tem resenha aqui.

5. Ler, amar e viver 
Autoras: Jennifer Kaufman e Karen Mack (Editora Casa da Palavra)
Sinopse: Divorciada pela segunda vez, a vida de Dora se resume a ficar na banheira acompanhada de uma garrafa de vinho e muitos livros – de Tolstoi a Mark Twain, de Flaubert a Jane Austen. Numa das idas à livraria para se reabastecer para o próximo “porre literário” ela conhece Fred, seu príncipe encantado: formado em Literatura, oferece a ela idéias inteligentes, romantismo e uma válvula de escape. Mas a convivência com a família do namorado traz à tona sentimentos novos e a desperta para importantes decisões. Dividida entre Fred e o arrependido ex-marido, bem como entre o ócio e a retomada da vida profissional, a personagem nos proporciona uma história divertida, sexy e inteligente. A heroína imperfeita Dora reflete a angústia da busca por realização e felicidade com que toda mulher irá se identificar.
Observação da Pequena: Li tem muito tempo, gente. Lembro que amei o título e a capa, mas a história não me surpreendeu tanto! Pelo menos não na época… Quem sabe hoje em dia, né?

****

É isso, pessoal. :) Recomendo todos, até mesmo, os que eu não curti tanto. Acho que cada um pode ter uma percepção diferente e tem muito disso de talvez eu ter embarcado no momento não tão certo. Enfim… Ah! E se alguém tiver outros livros do tema para me indicar, fique à vontade! E eu sei que tem muitos!

Beijos, Carol.  

Post Antigo: Livros que adoçam a vida

Fan Page ♥ Instagram  


1
02.04.2019
* Metas Literárias: Abril 2019! ♥

Ei, Gente! :) Ultimamente, eu não tenho conseguido cumprir à risca as minhas metas literárias. Sabem como é, aparece um livro ali, outro aqui, aí eu não resisto e acabo burlando os meus planos hahaha. Mas tudo bem. Pelo menos essa lista me ajuda a ter noção de qual caminho literário quero seguir. Fora que vocês conhecem novos livros, podem opinar nas histórias que já embarcaram e por aí vai. Ou seja, por mais que eu não siga fielmente, sempre tem um lado bom esse tipo de post. Mas enfim, chega de conversa e vamos ver o que desejo ler no mês de abril. Boa leitura! ;-)

Metas Literárias - Abril 2019Crédito da Imagem: Pequena Jornalista

1. Corra, Abby, Corra (Jane Costello – Grupo Editorial Record)
Sinopse: Abby nunca foi de se preocupar com hábitos saudáveis. Aos 28 anos, ela acaba de fundar a própria empresa de web design, e sua rotina parece consumir todo o seu tempo. Ela não tem a menor ideia de quando foi a última vez que deu um beijo apaixonado. E o pior: mal tem tempo para comer, malhar então… nem pensar. Mas quando sua melhor amiga a convida para participar de um clube de corrida, a jovem empresária encontra uma motivação: Oliver, charmoso e bem-sucedido médico que parece estar interessado em suas investidas. Seu primeiro dia de corrida, entretanto, não acaba como imaginou e ela jura que nunca mais vai correr. Até o dia em que sua assistente Heidi revela ser portadora de esclerose múltipla. A partir daí, Abby vê nas corridas uma forma de arrecadar fundos para a pesquisa da cura para a esclerose. Só que ela precisa de muito fôlego para gerenciar a empresa, lidar com sua operadora de seguro para arcar com o prejuízo de um motoqueiro que ela atropelou por acidente, e ainda conquistar o Dr. Sexy. Mas o que Abby não imagina é que pode estar correndo atrás do homem errado…
Observação da Pequena: Sabe aquele chick lit de primeira? É esse! Já estou lendo e amando cada página. Queria só ler esse livro e não fazer mais nada na vida. Assim que eu acabar, conto para vocês, óbvio.

 2. Sou fã! E agora? (Frini Georgakopoulos – Editora Seguinte) 
Sinopse: Com uma linguagem rápida e divertida, este livro é uma mistura de artigos breves e atividades interativas que te convidam a refletir e discutir o que todos nós, fãs, mais amamos: as histórias. Escrito por uma fã de carteirinha, “Sou fã! E agora?” faz um verdadeiro raio X da literatura jovem adulta, analisa os principais elementos das narrativas e a relação intensa que se desenvolve entre os fãs e as histórias. A autora ainda dá algumas dicas valiosas para você conseguir extravasar todo o seu amor, como criar seu próprio cosplay, escrever uma fanfic, organizar um evento, começar um blog ou canal e muito mais!
Observação da Pequena: A Frini me ajudou no TCC  da pós e, desde então, virei fã dela. Esse livro está na minha listinha há séculos, mas só comprei no último clube do livro, que ela faz na Saraiva todo mês. Fica a dica para quem for do Rio. ;-)

3. Dez argumentos para você deletar agora suas redes sociais (Jaron Lanier – Editora Intrínseca) 
Sinopse: Hoje as redes sociais são praticamente um segundo documento de identidade e não participar de determinada plataforma muitas vezes é sinônimo de total isolamento. Mas você já pensou como seria se deletasse os seus perfis na rede e levasse uma vida diferente? Jaron Lanier não tem conta em nenhuma rede social e deixa bem claro por quê, diz que evita as redes sociais pela mesma razão que fica longe das drogas. Então, através de dez argumentos poderosos e convincentes, fala o motivo de largar Instagram, Facebook e por aí vai. Segundo o autor, é uma forma de ter redes sociais dignas e aproveitar de verdade o potencial da internet.
Observação da Pequena: Mamy me deu de Natal esse livro e não sei se vou apagar as redes sociais depois da leitura, mas vou tentar entender os argumentos do autor!

***

É isso, pessoal. Se tiver mudanças, aviso lá no Insta do blog, ok? E se alguém tiver algum comentário sobre os livros e tal, fique à vontade. Também pode sugerir, qual resenha gostaria de ler e por ai vai!

Beijos, Carol. 

Post Antigo: 5 Perfis que me inspiram

Fan Page ♥ Instagram 


1
08.02.2019
* PJ News de Fevereiro – Oscar, Carnaval e Beleza! ♥

Ei, Gente! :) Não, eu não esqueci do PJ News desse mês. Aliás, fevereiro promete muita coisa, inclusive a noite do Oscar! Quero fazer maratonas de alguns dos filmes que estão concorrendo e vocês? Também tem novidade já para o Carnaval, edições especiais de livros e muita coisa do mundinho de beleza! Vamos lá? Bom post! 

PJ News - Fevereiro 2019Crédito das Imagens: Pequena Jornalista (1), Instagram Intrínseca (2), Divulgação (3, 6, 7 e 8), Instagram Risqué (4), Instagram Garotas Estúpidas (5)
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

Para começar: no dia 24 de fevereiro, vamos saber os grandes ganhadores do Oscar. Alguns filmes estão na minha listinha, principalmente, Green Book. Vice, Pantera Negra, Bohemian Rhapsody e Nasce uma estrela já assisti.  E quem ama a Jenny Han, autora do livro “Para todos os garotos que já amei”? Eu! E tem edição nova da trilogia “Verão”, lançada pela editora Intrínseca, que conta a história de uma garota, sua primeira paixão, nessa estação calorosa! Mas se o seu pensamento está voltado apenas para o Carnaval, aqui vai uma outra dica: Camarote Allegria, que acontece na Sapucaí (Rio de Janeiro). Esse ano, eles prepararam sete dias de folia e tem programação para todos os gostos. Para saber mais, é só clicar aqui. ;-)

E quem ama esmalte? \o/ A Risqué, lançou recentemente a coleção Coloridos, com tonalidades bem a cara do verão. Ainda nesse nicho “beleza”, você sabia que a Julia Petit, do Petisco, anunciou o lançamento de uma marca de cosméticos? O nome é Sallve, que tem por objetivo formular produtos com a ajuda dos seguidores e com precinho bem em conta. Achei bem bacana essa novidade e vocês? E para terminar o tema beleza nesse post, até o dia 4 de março, a Sephora apresenta a “Mini Mania“, uma ativação exclusiva que destaca versões mini de produtos que amamos ou que sempre sonhamos em ter para diversas ocasiões. Uma que fiquei desejando é a espuma de limpeza da Caudalie, que purifica e acalma a nossa pele. Além dessa versão ser uma fofura, é bem útil para levar na bolsa, nécessaire de viagem e tal.

Por fim, tem duas novidades para colaborar com os nossos looks do dia a dia. A primeira é a coleção Bohemian, da Damyller. Amei muito essa blusa! Mas toda a linha tá bem fofa, mas essa peça foi a minha preferida. Gostei que dá para usar em qualquer estação, sabem? E a Melissa, lançou modelos de sandálias para a gente curtir o Carnaval e outras ocasiões com muito conforto: é a Melissa Disco, que tem a versão flat também. Já quero: sim ou com certeza?

Prontinho, gente! Qual foi a novidade que fez seu coração acelerar? ;-)

Beijos, Carol.

Post Antigo: Para todos os Garotos que já amei

Fan Page ♥  Instagram 


10

Pequena Jornalista - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2020