03.04.2019
* PJ Leu: Ho’oponopono para todos os dias! ♥

Ei, Gente! :) E a dica literária da semana é Ho’oponopono para todos os dias, da Maria-Elisa Hurtado-Graciet. Publicado pela editora Sextante, o livro é uma pequena introdução de um método baseado no amor, na gratidão e no perdão! Vamos lá? Boa resenha.

PJ Leu - HooponoponoLivro: Ho’oponopono para todos os dias| Editora: Sextante | Autora: Maria-Elisa Hurtado-Graciet 
Crédito da Imagem: Pequena Jornalista
Nota de 1 a 5: 3 livros!

Sinopse: Você sabia que “Ho’oponopono” é uma antiga palavra havaiana que leva como significado também “colocar as coisas em ordem” ou “restabelecer o equilíbrio”? Sendo assim, a autora apresenta nessas páginas os fundamentos essenciais desse método e mostra uma nova maneira de viver, sempre levando em conta três fatores: perdão, amor e gratidão. Então, se você deseja uma cura interior ou saber mais sobre, vale a pena embarcar na sabedoria do Ho’oponopono, que pode ser útil em todos os momentos de sua vida!

Minha opinião: Se eu pudesse resumir esse livro em apenas uma palavra, usaria “libertador”. Ho’oponopono é um método que tem tudo para ser bem útil no nosso dia a dia. Para começar, destaque para a frase “Quando vestimos a pele de cordeiro, o lobo aparece”. No Clube do Livro da Saraiva, a Frini comentou sobre e fez ainda mais sentido quando eu li. Tipo, não adianta a gente ficar toda hora sendo a vítima. Por mais que sejamos, ficar remoendo as coisas que estão fora do nosso controle, só faz com que a vida não ande e que os lobos insistam em aparecer! De todos os dizeres que encontrei, esse foi o que mais marcou.

Quanto às frases que a autora usa, todas (“sinto muito”, “me perdoe”, “eu te amo” e “sou grato”) são fundamentais. Mas essa última – sou grato – é a que deu um clique diferente, sabem? Gratidão é uma palavra forte e que muda o rumo da nossa vida! Ser grato faz bem e traz recompensas inacreditáveis! ;-) Também gostei do livro porque ele traz a responsabilidade dos nossos pensamentos para a gente e por mais que soe como um trabalho a mais, ser responsável também por essa parte da vida, dá uma sensação boa, de liberdade! Claro que na prática, a teoria é bem mais complicadinha. Não é como um passe de mágica que tudo vai mudar, mas acredito que aos poucos praticar os dizeres que encontramos em cada capítulo, não é impossível.

No mais, o projeto gráfico é lindo e dá mais leveza ao ler. É bem curtinho, a gente devora em poucos dias e no final, traz uma sensação bem boa! Se você deseja saber mais, vale buscar outros livros, esse acredito que é só para a gente ter um gostinho do que significa “Ho’oponopono”, que a propósito ô palavra difícil de falar, né? hahaha  ;-) Por fim, não é o meu gênero literário preferido, mas deu para matar um pouco a curiosidade desse termo que está em alta, porém, não sabia muito sobre. Ah! Era para eu ter lido o e-book, mas não consegui ler no IPad (e ainda não tenho Kindle), então comprei a edição física mesmo.

Já leu? Conta o que achou. Ainda não? Fica a dica! ♥ 

Beijos, Carol.

Post Antigo: PJ Leu – Escolha sua vida

Fan Page ♥ Instagram 


0

Pequena Jornalista - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2019