28.11.2019
* PJ Entrevista: autor Fábio Abreu! ♥

Ei, Gente! :) Recentemente, fui no evento da Raffa Fustagno (A menina que comprava livros) e nesses encontros sempre rola conversa com autores brasileiros. É bom que a gente fica sabendo um pouco dos bastidores e conhece escritores e leitores incríveis! Dessa vez, quem participou foi o Fábio Abreuautor do livroTeu silêncio, minha resposta“. Foi uma das participações mais legais e divertidas! Daí, decidi entrevistá-lo para o blog e ele aceitou. Yay! Então, vamos lá? Espero que gostem! 

PJ Entrevista - Fabio - 1Crédito da Imagem: Instagram Fábio Abreu
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista 

1. Hora de vender o seu peixe: três motivos pelos quais os leitores tem de ler o seu livro?
R: Teu Silêncio, Minha Resposta é um romance/drama: protagonizado por um homem e não por uma mulher, como é comum para o gênero. Apesar de não dizer isso em nenhuma parte da história ele sofre de depressão num quadro agudo, o tema é bem delicado de lidar e mais ainda de se aprofundar em leitura, então é bom esperar sentimentos fortes, emoções reais e momentos em que vai precisar de uma pausa e tomar uma água antes de continuar. Eu sou um narrador bem visual, então a leitura vai proporcionar um tour por Creta e toda sua beleza natural e histórica.

2. Aliás, me conta uma curiosidade que quase ninguém saiba sobre “Teu silêncio, minha resposta”?
R: Ahn… Apesar de ser um romance/drama possui uma pitada (fundamental) de fantasia e uma lenda que nunca cito porque pode ser spoiler, mas, gira em torno da lua azul.

3. A parte mais doce e amarga de viver da literatura no Brasil?
R:
DOCE: poder ter acesso aos leitores e saber o impacto que a minha obra causou neles. AMARGA: O descaso de editoras com autores, principalmente os iniciantes. Triste demais.

PJ Entrevista - Fabio - 2Crédito da Imagem: Instagram Fábio Abreu 
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

4. Alguma mania peculiar na hora de escrever?
R: Sim, haha. Escolho uma música aleatória (geralmente mais lenta) e coloco no “repeat”, só toca ela o tempo todo. A ideia é apenas me isolar de todo o resto para que eu possa me concentrar na história.

5. Se pudesse salvar três livros de um incêndio na sua biblioteca, quais salvaria?
R: Só 3? Meu pai…. Ahn… O DIÁRIO DE ANNE FRANK, pois o foi o primeiro livro que eu li e será para sempre muito especial. ERAGON, porque foi o livro que me deu o último empurrão para ser escritor e a história do Christopher Paolini é sensacional. Eu não consigo deixar de citar dois livros/sagas aqui, seria impossível: HP e PERCY JACKSON, socorro, o que seria de mim sem eles? hahaha

***

Muito obrigada, Fábio! Você é um amor de escritor. Assim que a listinha de livros diminuir, com certeza vou embarcar nessa história, que a propósito amei o título! Quer ler também? Está disponível na Amazon: só clicar aqui! E quem quiser acompanhá-lo um pouco mais de perto, é só seguir aqui no Insta.  

No mais, podem opinar à vontade! E contem: quem vocês querem ver por aqui no PJ Entrevista?

Beijos, Carol.

Post Antigo: PJ Entrevista – Sheila Mendonça

Fan Page ♥  Instagram 


0

Pequena Jornalista - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2019