21.01.2019
* Diário de Viagem: Very Merry Christmas Party! ♥

Ei, Gente! O ano mudou, mas ainda pode rolar posts sobre a minha viagem para Orlando de 2018 e natalinos, né? ;-) Ano passado, um dos itens do nosso roteiro mega apertado era, finalmente, conhecer o Very Merry Christmas Party. Sim, a festa de Natal do Magic Kingdom! Então, segue um resuminho sobre as minhas impressões, doces lembranças e o que eu faria de diferente.

Mickeys-Very-Merry-Christmas-Party-10Crédito da imagem: Site Passaporte Orlando

Para começar, a minha dica é tirar esse dia da festa, que a propósito custou R$ 450,00, para descansar. Afinal, tudo rola das 16h até 00h. Então, por mais lindo que seja, é meio cansativo. Eu e meu namorado, fizemos um esquema bem doido. A gente foi de manhã para o Animal Kingdom, depois Outlet, hotel e chegamos umas 19h e pouca no Parque. Aliás, ele fecha mais cedo para o público que não vai participar da festa e, se eu não me engano, quem comprou, pode entrar a partir das 16h (mas confirmem sempre essa informação, porque tudo pode mudar).

A gente recebe uma pulseirinha mega fofa (mostro depois no Stories), porém, não tem aquela entrada triunfante de cara para o Castelo, pois tem de entrar por trás. Ai confesso, que rolou uma mini frustração. Mas tudo melhora quando a gente dá de cara com as luzes incríveis do lar doce lar da Cinderela. Os shows são ainda mais maravilhosos do que o de costume. A parada então, nem se fala! Teve até o Detona Ralph, a Vanellope e, claro, a minha”ídola”: Alice (no País das Maravilhas). Quem deseja aproveitar os brinquedos, a minha sugestão é pegar os horários das atrações (shows e tal), para não pegar fila neles. Mas, atenção! Alguns podem dar medo, como o da Casa Mal Assombrada (Haunted Mansion). Só tinha a gente no brinquedo e, por mais bobo que seja, olhar para o carrinho do lado e não ver ninguém, deu um leve medinho hahaha.

Tirar fotos com os personagens é uma boa também. Mas fica de olho nos horários, porque corre o risco de você chegar uns segundinhos depois da hora que algum membro da Disney falou e ser vetado na hora de entrar na fila para ter aquele registro com a Mary Poppins, por exemplo. Porém, é mais um motivo para voltar para esse lugar mágico. ;-) Ah! Também recomendo o Memory Maker, já que as fotos do celular (dependendo do modelo) não ficam boas por conta da escuridão. Por isso, nem postei as do meu aqui. Essa única do (final do) post é uma que eles tiraram por conta desse serviço. É a minha favorita e resume bem esse dia! Mesmo com o moço lá atrás atrapalhando hahaha!

E quanto aos fogos… Não tenho palavras, gente! A Disney sabe conquistar o público nos mínimos detalhes. Estava meio estressada, mas ter a oportunidade de assistir aquilo ao lado dele, foi indescritível. Mais uma vez: valeu muito a pena! Destaque também para os mimos que eles dão durante a festa, como chá, chocolate e etc. Porém, já aviso: dá peninha de comer. Pelo menos, eu tive hahaha! E para deixar tudo mais mágico ainda, sugiro que você vá vestido como manda o figurino. Ou seja, entrar no clima natalino mesmo. Pode apostar, deixa tudo mais divertido. E, assim, os acessórios, camisas e tal da Disney são bem carinhos, então, tente se programar antes para ir com um look bem legal, de outra loja, sem problemas. Como falei, amei ter essa oportunidade, mas isso com certeza eu faria diferente. Outro motivo para a gente voltar, viu, namorado? ;-)

De resto, é cheio, mas não chega a ser insuportável (fui numa segunda, dia 12 de novembro). Em dezembro acho que deve ter mais gente! Por fim, a minha última sugestão é: se programe direitinho! Claro, que nem sempre as coisas saem do jeitinho que imaginamos, mas tudo bem. O importante é tentar e aproveitar mesmo com os contratempos! Então, deem uma olhadinha no site da Disney e vão encaixando as coisas e tal.

MK_CSTLHUB3_20181113_414413978768Eu e o Namô mais natalino! 

É isso, gente! Podem opinar à vontade! :) E qualquer dúvida, podem perguntar.

Beijos, Carol.

Post Antigo: 4 brinquedos que mais amei!

Fan Page ♥ Instagram  


0
09.01.2019
* Para assistir: Wifi Ralph! ♥

Ei, Gente! :) E a primeira sessão pipoca do ano começou com o pé direito. Assisti Wifi Ralph – Quebrando a internet, a continuação do Detona Ralph, da Disney. Se eu amei? Muito mais do que o primeiro!  Então, vamos lá saber a minha opinião sobre esse filme, sem spoiler? ;-)

4244487.jpg-r_1920_1080-f_jpg-q_x-xxyxx

Para começar, o resuminho da história: Ralph, o clássico vilão dos videogames, e Vanellope, sua melhor amiga destemida, iniciam mais uma aventura. Após a vitória no Fliperama, que rolou no 1º filme (Detona Ralph), essa dupla viaja para a world wide be, que nada mais é do que universo expansivo e desconhecido da internet. A missão? Achar uma peça reserva para salvar o videogame Corrida Doce, que a Vanellope faz parte. Porém, não vai ser tão fácil assim. Mas por lá aprendem lições valiosas sobre a própria internet e, claro, a verdadeira amizade! ;-)

2874171.jpg-r_1920_1080-f_jpg-q_x-xxyxx

Acreditam que eu ainda não tinha visto o primeiro filme? Daí, como o meu namorado queria assistir de qualquer jeito o segundo, colocou para mim. Isso ajudou eu não ficar boiando no cine! Gostei da primeira história, mas essa de agora é MIL VEZES MELHOR. Acho que por falar de assuntos mais atuais, a gente acaba se envolvendo mais. Bom, pelo menos foi o que aconteceu comigo. :)

Amei como a história foi conduzida e achei uma crítica bem sutil e leve de como usamos a internet. Infelizmente, nem tudo são flores, como comentários maldosos, que não tem necessidade. Mas também mostra o lado positivo. Por exemplo? Com a ajuda Buzzztube, uma rede que dita tendências, é possível o Ralph salvar o futuro da sua melhor amiga, a Vanellope. Aliás, obrigada Disney por aumentar a minha listinha de princesas favoritas. Sim, Vanellope é uma verdadeira princesa. Bom, de acordo com as próprias, então, quem sou eu para discordar! ;-) Aliás, a cena do encontro de todas é a melhor de todo o filme! A gente acaba vendo um lado mais “vida real” delas, sabe? Mas com um toque Disney, claro. Só senti falta da Alice, mas tudo bem hahaha.

Ralph Breaks the Internet: Wreck It Ralph 2

No mais, a gente se identifica bastante com alguns cenários, bem conhecidos por aqui. Nem que sejam apenas com aqueles testes que a internet oferece! A gente sabe que é tudo bobeira, mas quem liga, né? E posso destacar outros personagens fofos? Primeiro, a Yess! Maravilhosa e bem diva! No comecinho antipática, mas depois fica tudo bem. ;-) Também adorei o sabe tudo (acho que é esse o nome) e prometo que eu sempre vou pedir “por favor” e agradecer depois de terminar uma pesquisa. E o Ralph também não deixa a desejar. Ele é o vilão mais miolo mole do mundo e fofo!

Ah! Outra coisa bem importante do filme: a amizade dos dois! Mostra que erros acontecem, mas reconhecê-los e fazer o que é certo para ambos, é a melhor forma de ficar tudo bem. As coisas mudam, mas quando a amizade é real, pode acreditar, ela prevalece! Enfim, Disney, arrasou muito nessa história! Muito bem produzida, pertinente, divertida e que faz a gente sair do cine leve e bem feliz! Aliás, falando nisso, não saiam da sala antes de terminar os créditos. Vale muito a pena, ok? Sem contar que a música final é bem fofinha. Anotem o nome: Zero, do Imagine Dragons. 

Ralph Breaks the Internet: Wreck It Ralph 2

Ralph Breaks the Internet: Wreck It Ralph 2Crédito das imagens: Adoro Cinema 

É isso, pessoal. E namorado, te dedico! Obrigada pela companhia e por ter insistido para eu assistir esse filme maravilhoso! 

Já assistiu? Conta o que achou. Ainda não? Mega recomendo!

Beijos, Carol.

Post Antigo: Moana – Um mar de aventuras!

Fan Page ♥  Instagram


2
10.12.2018
* Diário de viagem (Orlando): 4 brinquedos que mais amei dessa vez! ♥

Ei, Gente! :) Uma das partes mais legais de viajar para Orlando é curtir muito cada brinquedo dos parques. Todo ano, sempre tem uma atração que é novidade, aquela que você não teve muita coragem ou a fila estava humanamente impossível. Então, é legal que sempre tem algo de novo. A viagem nunca cai na mesmice! Para o post de hoje, fiz uma listinha com quatro brinquedos que eu ainda não conhecia, mas amei cada segundinho ou looping hahaha. Tem tanto dos parques da Disney quanto os da Universal, ok? Bom post, que a propósito contém fotos da pequena medrosa, porém corajosa, que vos bloga.

1. Flight of Passage (Animal Kingdom): Nunca vi Avatar na minha vida, mas a Disney é tão incrível que isso se torna um mero detalhe. Foi um dos simuladores mais maravilhosos que eu já fui e que valeu as 100 mil horas que ficamos na fila. Sério, gente! Sabe aquela vontade de voar? Posso dizer que quase matei esse desejo com essa atração. Quando a gente acha que a Disney não pode surpreender mais, ela vem com esse simulador 3D e supera todas as nossas expectativas.

2. Slinky Dog Dash (Toy Story Land – Hollywood Studios): A nova parte do Toy Story já é incrível, mas essa montanha russa é um dos brinquedos mais legais do novo local. Ok, há quem diga que é de criança, mas os crescidinhos, tipo eu, também aproveitam essa aventura em cima do cachorrinho de mola. Eu amei e foi a minha segunda atração favorita, mesmo com a fila gigantesca! E amei mais ainda que tem foto surpresa, que a gente vê depois no app da Disney hahaha (acho que só para quem contrata o Memory Maker, mas não tenho certeza).

Diário de Viagem - PJ - Toy Story LandVocês também não levantam a mão? hahaha ;-) 
Crédito da Imagem: Pequena Jornalista

3. Race Through New York Starring Jimmy Fallon (Universal Studios): Eu não assisto fielmente o Jimmy Fallon, mas sei quem é e tal o apresentador e comediante. E aí que tinha o brinquedo dele lá, sem fila alguma e a gente acabou indo, mas sem expectativa alguma. Sério, foi um dos simuladores mais legais e, de quebra, demos uma voltinha por New York em uma aventura bem radical, mas sem dar medo hahaha.

4. Rock’n Roller Coaster (Hollywood Studios): Montanha russa com looping eu não vou nem que me paguem… Ops! Dessa vez, eu acabei indo, porque prometi ao meu boy que iria tentar superar o medo. Sério, fiquei o tempo todo pensando na fila “o que eu estou fazendo aqui?”. Confesso que tenho de ir de novo para aproveitar melhor, mas me senti tão corajosa indo. E eu amei o ventinho e quase não senti o looping, só sei que dá porque me falaram. Também fiquei com as músicas na cabeça e essa atração clássica se tornou nova para mim e uma das mais marcantes dessa viagem e da vida! 

46502060_10156893059129826_7488732323362373632_oClaramente plena na foto…. hahaha! ;-) 
Crédito da imagem: Pequena Jornalista

***

É isso, pessoal. :) Que já foi, me conta: tem algum brinquedo que amou, mesmo morrendo de medo na fila e tal?

Beijos, Carol. 

Para ler: Favoritos da Disney e Universal

Fan Page ♥ Instagram  


2
27.11.2018
* Diário de Viagem: fofurices que comprei! ♥

Ei, Gente! :) Minha listinha de compras para essa viagem estava repleta de roupas e afins. Mas com a correria, acabei me jogando (de forma moderada cof cof hahaha) nas fofurices de papelaria e naquelas que a gente encontra pelos parques e tal. Enfim, gasto dinheiro com essas coisinhas e fico bem orgulhosa por investir nesse vício, não importa a minha idade hahaha. Preparadas para morrer de amores? Bom post, que a propósito está com algumas dicas de lugares para quem ama esse tipo de comprinha também!

Fofurices da Viagem - PJ - 2

Crédito da imagem: Pequena Jornalista

Esse caderno em formato de Fita VHS é a coisa mais linda que você vai ver hoje do filme “A Bela e a Fera“. Esse eu comprei no hotel, o All Star Movies (depois falo mais sobre ele), e estou morrendo de peninha de usar. Foi uns 15 dólares mais a taxa, porém, gostei que é bem diferente e remete a minha infância. Se eu não me engano, não vi nas lojas dos parques, mas encontrei na maior, a da Disney Springs. Então, nessa parte, a minha dica é ficar de olho nessas lojinhas do hotel. E, dessa vez, não achei as coisas mais caras por lá não. Mas sempre vale confirmar. E se você está sem tempo, não deixe sempre para depois, porque a gente acaba deixando para lá e esquece mesmo e só lembra no aeroporto. ;-)

Fofurices da Viagem - PJ - 4Como não morrer de amores? 

Lembram que eu fiz um post sobre fofurices que eu queria e inclui um pratinho para decorar e colocar brincos, anéis e tal? Achei um em formato de coração bem fofinho, da loja Papyrus. Fico louca nesse lugar, gente! Tem cada coisa mais linda que a outra. Inclusive, no caminho entre pagar o pratinho, encontrei esse achadinho: a caneta Kate Spade. Confesso que ela não é a melhor para escrever, mas é tão linda, que não resisti e levei. E com o apoio do boy. Então, se ele falou, quem sou eu para discordar, né? hahaha ;-) E ainda nessa leva de canetas, achei essa com um pingente do Dumbledore, do Harry Potter, na Universal Studios. Achei tão fofa, em conta (uns 6 dólares) e estou usando bastante. Uma das melhores comprinhas e que remete a minha adolescência. Por fim, mas não menos importante, na loja da parte do Japão, do parque Epcot, você encontra um milhão de coisas fofas e enlouquece de verdade. Não há maturidade que resista hahaha! Mas me controlei e comprei esse mini calendário de coelho (quando eu abrir, mostro lá no Insta para vocês), pois dentre os bichinhos era o que mais parecia a minha cachorrinha Jeanninha hahaha.

 Fofurices da Viagem - PJ - 1Como eu vivi sem essas coisinhas? 

Para terminar, nunca dei muita bola para as lojinhas da Epcot, mas assim como eu enlouqueci na da parte do Japão, a China também me deixou doidinha de amores pelos itens. Acabei levando esse post-it desse ursinho, que segundo o meu namorado (que é chinês) é bem famoso por lá. Inclusive, estou com peninha de usar esse item também. E agora vamos para uma das partes que eu mais amo de ir para os EUA: Urban Outfitters. A parte de roupa eu acho bem carinha, mas quando entra essa parte fofa, blocos, porta retrato, decor e etc, meu DEUS! Segurem o meu cartão. Trouxe para casa esse bloco de notas bem adulto hahaha e uma futilidade, segundo a minha irmã: balões de confetes. Pensei na festinha do blog de 10 anos, então, tive que comprar. Não teve jeito. ;-)

Fofurices da Viagem - PJ - 3Me achando com essas fofurices! 

É isso, pessoal. Segue um resuminho de lojas que eu mega indico:

– Epcot (loja do Japão e da Disney);
– Loja da Disney (Disney Springs); 
– Loja da Disney (Hotel All Star Movies);
– Loja Principal da Universal Studios; 
– Urban Outfitters (a que eu conheço fica no The Mall at Millenia);
– Papyrus (a que eu conheço fica no The Mall at Millenia). 

E agora podem opinar à vontade. Contem o que acharam, compartilhem outras lojinhas que morrem de amores em Orlando e por aí vai. ;-)

Beijos, Carol.

Para ler: 5 coisas que aprendi dessa vez

Fan Page ♥ Instagram 


1
26.11.2018
* Diário de Viagem: 5 coisas que eu aprendi dessa vez. ♥

Ei, Gente! Olha quem voltou de viagem.  Para quem não sabe, passei alguns dias em Orlando e em Punta Cana. Fui comemorar com o Mickey e casar uma amiga. E nada melhor do que relembrar essa aventura com posts especiais, né? O primeiro: cinco coisas que eu aprendi dessa vez. Sim, viagens também são ótimas oportunidades para a gente aprender e MUITO. Vamos lá? ;-)

Diário de viagem - PJ - 1º PostCrédito da Imagem: Pequena Jornalista

1. A gente passa meses e, até mesmo, anos planejando uma viagem. Mas não adianta: contratempos sempre vão existir e fogem mesmo do nosso controle. Mas a forma como a gente lida é que faz a diferença. Alguns imprevistos, como acordar atrasada, quase perder conexão, febre fora de hora, confundir os nomes de alguns lugares e tal, me deixaram meio p da vida e ainda mais ansiosa. E a TPM não ajudou em nada, mas depois eu vi que passam e dão lugar a ótimas histórias. Então, se joga, mas sabendo que pequenos “como isso foi acontecer?” podem surgir e tudo bem.

2. Comprovei mais uma vez na prática que coragem realmente não tem nada a ver com a ausência de medo. Sou bem medrosa em relação a brinquedos, principalmente, montanha russa com looping, mas prometi ao meu namorado que ia tentar ao menos uma. Quando entrei na do Aerosmith (Hollywood Studios), por exemplo, só falei que estava morrendo de medo, ele me deu a mão e começou. Não sei ainda explicar a sensação direito, mas vi naquele momento que eu sou mais corajosa do que imagino e isso valeu a atração toda.

3. Às vezes a gente quer fazer um milhão de coisas no mesmo dia, mas acaba não aproveitando nem 50% de cada. Então, na próxima viagem, vou tentar abdicar de algumas coisas e combinar com o meu boy de parar de querer abraçar o mundo com as pernas. Por exemplo, não acho que dê muito certo essa história de visitar 2 parques no mesmo dia e um outlet no meio. A não ser que você pratique a praticidade e não fique mil horas em uma loja apenas e saiba selecionar os brinquedos que realmente quer ir. Mas vale ver o seu limite, se organizar melhor e pensar nas suas companhias também.

4. Cada viagem tem um propósito. Nenhuma é igual a outra! Tudo vai depender da ou das companhias, da época em que você está viajando e por aí vai. Ano passado, fui com a minha prima e dois amigos dela e foi totalmente diferente dessa vez. Tiveram coisas que não consegui repetir, outras que finalmente risquei da minha listinha e algumas que vão rolar na próxima. Mas foi tão especial quanto, sabem? A propósito: obrigada, namorado!

5. Todo lugar que você conhecer, vai ter um gostinho especial e de quero mais. Aquela sensação de queria ter aproveitado mais, sempre vai existir. Faz parte da depressão pós-viagem hahaha. Mas todos os momentos, até os imprevistos, vão fazer parte de uma caixa de lembranças incrível e que dá saudade.  E é isso que importa. 

***

É isso, gente.  Podem opinar à vontade e me contem: o que vocês aprenderam na última viagem? :)

Beijos, Carol.

Para ler: Favoritos da Disney e Universal

Fan Page ♥ Instagram 


1

Pequena Jornalista - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2019