20.04.2021
* Um bom ritmo literário: lenda ou cada um tem o seu? ♥

Ei, Gente! :) Afinal, existe um bom ritmo literário? Bom, ele não é um mito. Mas esse tema é muito relativo. Calma, que eu explico. ♥

Crédito da Imagem: Pequena Jornalista

Quem nunca ficou se perguntando como “fulana de tal consegue ler tantos livros por ano e eu leio uma página e já to de saco cheio“? Porém, saiba que isso acontece com quase todo mundo, ao menos, uma vez na vida. E não é só com leitor novo não. Bookaholics também sofrem! Falo por experiência própria.

Em contrapartida. é importante saber que cada pessoa tem o seu ritmo e vários fatores podem influenciar nessa sensação que acaba desanimando. Mas em primeiro lugar: tente não se comparar, principalmente, se você está criando esse hábito agora. :) Às vezes, tal blogueira consegue concluir cem leituras por ano porque o blog dela vive de resenhas. É o trabalho dela, entende?

Tem muita gente que consegue ler mais de um livro por vez. Então isso acaba ajudando. E eu já falei algumas vezes por aqui isso e volto a repetir: qualidade é melhor que quantidade, viu? Se conseguir unir os dois, melhor ainda. ♥

Crédito da Imagem: Google

A ansiedade também não ajuda. E você sabia que enquanto muitas pessoas voltaram a ler ou conseguiram incluir a leitura na sua rotina, muita gente ficou travada nesse sentido nessa pandemia (que não acaba nunca kkkkring)? Ah! Às vezes, a história escolhida também não ajuda em nada.

Resumindo: acho que a pergunta do título do post tem mais a ver com cada um. E depende muito do momento em que você tá passando. Têm vezes que eu consigo ler muito e outras que não dá nem para concluir uma leitura de um conto. Então, tenta não se cobrar.

Mas sabe uma coisa que tem me ajudado muito a manter um bom ritmo literário? Fazer parte de leituras coletivas. Nem sempre consigo comentar com o pessoal sobre aqueles capítulos do cronograma estipulado. Entretanto, sei que vou ler ao menos algumas páginas. Meio que um comprometimento com o grupo e comigo. :)

Crédito da Imagem: Pinterest

Agora eu quero saber: como anda o seu ritmo literário? No mais, podem opinar à vontade.

Beijos, Carol.

Post Antigo: Leitura Coletiva
Fan Page ♥ Instagram   


2
11.01.2021
* 5 dicas para incentivar futuros leitores! ♥

E a mini férias chegou ao fim! Oi, janeiro. Oi, 2021! Seja leve, por favor. E repleto de livros incríveis e leitores felizes. ♥

Aliás, um dos objetivos do PJ é incentivar cada vez mais a leitura. Eu sei que em 2020 foi um ano que livros fizeram mais parte do dia a dia das pessoas, por conta da pandemia. Espero que o corona vá embora logo, mas esse hábito de ler não!

Então, para começar o ano oficialmente por aqui, separei algumas dicas que podem ajudar a incentivar esse amor literário. Vamos lá? ;-)

Crédito da Imagem: Pequena Jornalista

1. Não comece por um calhamaço logo de cara. Afinal, o número extenso de páginas pode assustar e muito o potencial futuro leitor. Que tal indicar um conto?

2. A pessoa tem de ler o que desperta o interesse dela e não porque é um livro cult ou está em alta. Converse com ela e veja os assuntos que mais chamam a atenção.

3. Tem algum na sua estante que já leu ou não vai ler? Desapegue e doe para quem você deseja dar um empurrãozinho na leitura. Não consegue desapegar? Sem problemas, que tal um presente atrasado de Natal ou adiantado de niver?

4. Falando em aniversário: sempre que possível, dê uma história de presente. Por mais que a pessoa ainda não seja um leitor oficial. Mas se atente às dicas 1 e 2 desse post.

5. Por fim, cada um tem o seu tempo. Não precisa ser uma chata e falar “você precisa ler” todos os dias. Vai aos poucos, sem exageros. Uma conversa ali, um lembrete aqui e por aí vai! ♥

***

É isso, pessoal. Pretendo trazer mais dicas assim durante esse ano! Quem tiver alguma sugestão, só acrescentar na caixinha de comentários. No mais, podem opinar à vontade.

Ah! Em relação ao vencedor da Promoção do Dia do Leitor, até quarta-feira, dia 13, sai o resultado. Aviso vocês por aqui e no Insta do blog. ;-)

Beijos, Carol.

Post Antigo: Quero começar a ler – e agora?
Fan Page ♥  Instagram


9
31.07.2020
* Dicas para o seu fim de semana! ♥

Ei, Gente! :) Depois da pandemia, os fins de semana ganharam um outro sentido, né? Dependendo do seu estilo de vida, pode ser que todos os dias sejam sábado ou domingo. Independente do que essas três palavrinhas significam, trouxe algumas dicas para aproveitá-las ao máximo , de acordo com os meus planos para esse finde. Vamos lá? ♥

Crédito da Imagem: Pinterest

1. Leia um livro
A primeira dica não poderia ser diferente, né? Você pode começar uma história ou finalizar outra. Ou os dois! Fica a seu critério. Sei que a saudade de viajar é grande e acredito piamente que embarcar em uma leitura pode levar a destinos incríveis. Por aqui, espero chegar ao fim de “Amor(es) Verdadeiro(s)”, da Taylor Jenkins Reid.

2. Atualize a sua listinha de séries
Eu sempre fui mais de ler e assistir filmes. Mas nessa quarentena, as séries voltaram com tudo na minha vidinha! É um mundo que agrada a todos e, provavelmente, você vai encontrar uma para chamar de sua e maratonar regado à pipoca e refri (ou algo mais saudável hahaha). Quero terminar de ver “Doces Magnólias”, que a propósito está disponível na Netflix. Perfeita para quem ama uma história levinha e repleta de quotes maravilhosos!

3. Terminar aquele curso online
Para quem não sabe, eu sou redatora freela. E aí que muitas pessoas me indicaram um curso de redator completo na Udemy. Nas duas últimas semanas, não consegui finalizar. E como esse finde está mais tranquilo, decidi que eu não me chamo Carol Daixum, se eu não finalizar essas aulas. Tá sendo bem útil e eu quero dar check logo nessa pendência e colocar o que eu aprendi na prática.

4. Estudar inglês
Eu não sei se eu já cheguei a comentar sobre esse tema aqui no PJ. Quando eu era mais nova, não levava a sério o inglês. Tinha preguiça e dificuldade! Mas ano passado, decidi começar do zero e estou adorando cada livro. Me sinto mais solta e eu realmente estou disposta a aprender, sabem? Porém, não sou uma aluna que estuda um pouquinho todos os dias. A prova está quase chegando e tem muita matéria acumulada. Espero, ao menos, conseguir olhar algumas lições nesse finde.

5. Planejar o Beda (Blog Every Day August)
No próximo dia 19, o Pequena Jornalista completa 11 primaveras. \o/ Para comemorar, decidi fazer posts todos os dias do próximo mês. Vai dar trabalho e tenho um leve medo de não conseguir, mas vou dar o meu máximo. Para sábado e domingo, já tenho uma ideia do que vou postar. Mas nos outros dias, não. Então, o planejamento, vai rolar solto por aqui! A propósito, quem tiver alguma sugestão de tema, só falar nos comentários. ♥

***

Espero que as minhas ideias ajudem de alguma forma no finde vocês! Nem que seja só para sair do tédio ou inspirar de um outro jeito. Mas seja como for, que ele seja bem proveitoso e feliz. No mais, podem opinar à vontade! :)

Beijos, Carol.

Post Antigo: O que fazer na quarentena?
Fan Page ♥ Instagram


7
15.06.2020
* 5 dicas aleatórias para leitores! ♥

Ei, Gente! :) Como leitora assídua, amo receber dicas literárias. Não só de livros, mas aquelas aleatórias que também dão um up nesse hábito tão prazeroso. Vou compartilhar algumas com vocês no post do dia. Então, vamos lá? Boa leitura! ♥

1. Caderno de trechos: Uma forma de ter as partes favoritas dos livros sempre que quiser é anotá-las em uma caderninho. Claro, na hora da leitura nem sempre estamos com ele em mãos, aí a dica é abrir o bloco de notas do celular e escrever a página e o parágrafo. Hoje em dia, para facilitar, tenho tirado uma foto hahaha. Mas atenção! Não demore para passar “a limpo”, se não pode acabar caindo no esquecimento. ;-)

2. Preconceito literário: Outro dia, falei por aqui que tinha uma leve timidez de mostrar que eu estava lendo algum livro teen em alguns lugares públicos hahaha. Mas olha, juro que não tenho preconceito literário! Acho que o importante é ler, independente do gênero. Leia o que gosta, se não esse hobby pode virar uma obrigação chata! E acho que essa dica é valiosa para quem quiser começar a ter esse hábito.

3. Leitura parada: Eu não curto abandonar livros no meio. Mas têm algumas histórias que simplesmente não fluem, né? Então, se esse é o caso e você não desistiu já de cara, tudo bem deixá-lo de lado. Eu acredito que algumas vezes não é a gente que escolhe o livro e, sim, o contrário. Talvez ele seja ideal para um outro momento ou simplesmente não rolou e tá tudo bem.

4. Dê livros de presente: Sempre que eu tenho a oportunidade, eu dou livros de presente. Realmente acho que essa atitude é um elogio e uma ótima forma de incentivar a leitura. Aliás, sempre quando rola um niver de alguma criança, procuro comprar essa 8ª maravilha. Nunca é tarde para começar esse hábito, mas incentivá-lo desde pequeno, é de grande ajuda.

5. Crie o seu ambiente ideal: Qualquer lugar é lugar para ler aquele livro. Seja na sala de espera ou na cafeteria. Mas como o mais indicado, no momento, é ficar em casa (se for possível), veja o cômodo que você mais se sente confortável em ler. Pode ser quarto, varanda, na parte da manhã ou antes de dormir. Ah! Uma xícara de mate sempre me acompanha e “esquecer” um pouco o celular me ajuda a não ter distrações. ;-)

***

É isso, pessoal. Claro, que nem sempre dá para praticar essas sugestões. Mas espero que esse post ajude de alguma forma! E quem tiver outras dicas, só acrescentar nos comentários. No mais, podem opinar à vontade.

Ah! Um recadinho: agora o PJ tem uma Newsletter \o/! Quem quiser recebê-la, pode deixar o e-mail nos comentários ou se achar melhor manda uma mensagem para pequenajornalista@pequenajornalista.com. ♥

Beijos, Carol.

Post Antigo: Quero começar a ler…
Fan Page ♥  Instagram


4
03.06.2020
* PJ Beauté: Nuvem de limpeza e outros produtinhos faciais! ♥

Ei, Gente! :) Hoje a resenha vai ser diferente. Escolhi falar sobre um produto que comprei recentemente e tem me conquistado a cada manhã! Vi a dica no blog Rainhas da Pechincha e, no primeiro momento, só queria levar a faixa de cabelo para me incentivar no quesito skincare. Porém, fiquei curiosa para experimentar a Nuvem de Limpeza, da Botica Beauté!

Crédito da Imagem: Pequena Jornalista

Nuvem de limpeza (amei esse nome!) nada mais é do que um sabonete facial. Tenho usado todos os dias na parte da manhã. Porém, também é indicado o uso antes de dormir.

A princípio, parece só mais um “rosto bonitinho”. Afinal, a identidade visual é linda e chama atenção. Mas o “conteúdo” tem me conquistado e não vivo mais sem ele na minha rotina de skincare, que é bem básica. Outro ponto positivo é o cheirinho suave! Dá uma sensação tão boa! ♥

Ele é indicado para todas as peles e a minha que é sensível recebeu mega bem. Depois de enxaguar, aguardo um pouquinho e uso o hidratante da Nívea. Daí o resultado é uma pele hidratada, limpa e prontinha para receber mais um dia. Ah! Ele é vegano.

Crédito da Imagem: Pequena Jornalista

E como nem tudo são flores, tenho a impressão de que vai acabar rapidinho. E olha que eu nem uso à noite! E no comecinho, eu dava três pumps e como molhava direto, acabava desperdiçando produto. Porém, depois aprendi o macete e só dou uma molhadinha antes de colocar no rosto! ;-)

No mais, achei o preço bem justo e se você compra a faixinha, sai ainda mais em conta. Fora que ajuda uma causa animal, que é bem válida para quem ama bichinhos de estimação. Enfim, mega amei e entrou na minha lista de favoritos, mesmo com os pequenos poréns.

Ah! Para esse post, resolvi falar também sobre dois outros produtos (do mesmo segmento) que usei recentemente. Eles serviram como base para dar o meu veredito sobre a Nuvem de Limpeza. ;-) O primeiro é o da Chata de Galocha e o segundo é o da Avène! Não sei ao certo se são propostas diferentes, mas achei importante citá-los aqui.

Crédito das Imagens: Sephora e Droga Raia
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

O da Lu, do Chata de Galocha, tem uma embalagem linda e funcionou comigo. Minha pele ficava ok, porém, o cheirinho não me agradou. Depois até me acostumei, mas a gente acaba ficando com aquela impressão meio sei lá, né? O preço é bem bom (mais em conta que o da Botica Beauté), em contrapartida, vi que está esgotado no site da Sephora. Não sei se compraria de novo, mas curti enquanto durou, digamos assim. ;-)

E tem o Gel de Limpeza da Avène, que é indicado para peles oleosas e com imperfeições. Eu uso ele há séculos e foi indicação da minha dermato. Então, esse é um que eu não abandono! Gosto bastante dele, mas se eu for comparar com a Nuvem de Limpeza, a sensação depois de enxugar o rosto é melhor com o protagonista do post do dia. O preço é ok e volta e meio vejo uma promoção dele nas farmácias!

É isso, pessoal. ♥ Eu adorei a minha comprinha e acho que compro de novo! Recomendo, mas vale lembrar que é importante tirar a sua própria conclusão. Tudo vai depender do tipo de pele, essas coisas. Acho que é válido experimentar também para ter outras opções. Por exemplo, imagina se eu dependesse do sabonete da Lu? ;-)

Ah! Isso não é um publipost e a minha opinião é de coração, viu? Quem quiser comprar, só correr no site deles, que a propósito é lindo! Comprei o Kit Limpeza, que tinha a faixinha (que já falei um milhão de vezes dela hahaha) e no futuro, quero testar o Sono de Beleza. Por fim, lá nos Stories do blog, muita gente pediu para fazer um resumão das minhas últimas aquisições de beleza. Contudo, como queria falar de outros produtinhos, achei melhor fazer separado.

Agora me conta: já usou esse produto? Qual sabonete facial indica? Podem opinar à vontade!

Beijos, Carol.

Post Antigo: Mini Lista Black Friday
Fan Page ♥ Instagram     


11

Pequena Jornalista - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2021