16.08.2017
* {Beda 16} – PJ Leu: Minha vida não tão perfeita! ♥

E a dica literária do dia é Minha vida não tão perfeita, da autora queridinha (por mim) Sophie Kinsella. O livro, que foi publicado pela Record, fala sobre um tema bem atual: afinal, será que a vida daquela pessoa é tão maravilhosa quanto imaginamos? Espero que gostem e boa resenha! 

PJ Leu - Minha vida não tão perfeitaLivro: Minha vida não tão perfeita | Editora: Record | Autora: Sophie Kinsella
Crédito da imagem: Pequena Jornalista

Sinopse: Cat Brenner tem uma vida perfeita! Ela mora em um flat em Londres, tem um emprego glamouroso e um perfil mara no Instagram. Mas ela não conta a real que está por trás disso tudo. Por exemplo? Ela até mora em um flat, mas em um quartinho minúsculo com pessoas bem peculiares. Seu trabalho na agência de publicidade é burocrático e nem tão legal. E o dia a dia que ela compartilha em ser perfil, não reflete exatamente a realidade. Ah! Outro detalhe: seu nome verdadeiro é Katie.

Porém, um dia, seus sonhos se tornarão realidade, né? Bom… A vida dela vira de cabeça para baixo, quando a chefe Demeter, bem-sucedida, a demite. Daí, ela resolve dar um tempo na casa da família, em Somerset, sua cidade natal. Enquanto busca um emprego, Cat (ou Katie) decide ajudar o pai e a madrasta no novo negócio deles: transformar uma fazenda em um glamping (camping de luxo).

Só que é justamente nesse local, que a nossa protagonista tem a oportunidade de ficar cara a cara com a sua ex-chefe. Será que ela vai finalmente colocar a megera no seu devido lugar ou mudar de opinião? Afinal, ter uma vida (não tão) perfeita assim é ruim? *mistério* ;-)

Minha opinião:  O que falar desse livro? É aquele tipo de leitura leve, divertida e que carrega muitas verdades atuais. Tipo? A parte que a gente não conta por trás das fotos “perfeitas” e como julgamos as pessoas de forma errada. Às vezes aquela chefe, nem é tudo o que aparenta e pode surpreender se dermos uma chance. Nem toda atitude é por mal. Mas ainda bem que vem a vida e mostra a realidade para a gente.

Gostei muito da forma como a autora contou a história e dos personagens que ela inventou. A Katie é uma comédia e bem gente como a gente! Me lembrou um pouco a Becky Bloom e dá para ver direitinho a evolução dela no decorrer dos capítulos. A Demeter é surpreendente, o pai e a madrasta são as melhores pessoas. O Alex? De arrancar suspiros! As amigas do trabalho? Prefiro não comentar para não dar spoiler.

O final me pegou de surpresa, mas achei bem criativo. Aliás, cada página te prende. Por maior que seja a história, é o tipo de livro que a gente devora em poucos dias e abraça quando chega ao fim.  E como sempre: tirei lições bem valiosas. A proposta do livro, pelo que eu entendi, não é mostrar que você não pode tirar foto de tal coisa e postar, mas acho que é ser um pouco mais verdadeiro. Não viver tanto de aparência! A vida pode ser boa, claro, porém contratempos acontecem com todo mundo e tudo bem.

Enfim, amei. Já li muitos livros da autora, mas esse ganhou um lugarzinho especial no meu topo dos preferidos.  Destaque também para a capa e o título. Eles têm tudo a ver com a trama.

Já leu? Conta o que achou. Ainda não? Recomendo!

Beijos, Carol.

 Para ler: Nossa música 

Fan Page ♥ Instagram 


4
23.04.2017
* {Beda 23} – Dia Mundial do Livro: cinco “chick lit” que indico! ♥

Ei, Gente. Para quem não sabe, hoje é o Dia Mundial do Livro Daí, decidi selecionar cinco livros que li nos últimos dois anos do gênero que mais amo no mundo: chick lit. Espero que gostem e bom dia do livro para vocês! ;-)

Post Chick Lit - Top 5Top 5: Chick Lit! 
Crédito das imagens: Saraiva / Crédito da montagem: Pequena Jornalista 

1. Um presente da Tiffany (Melissa Hill)
Sinopse: É véspera de Natal em Nova York e, na clássica loja Tiffany da Quinta Avenida, dois homens estão em busca de um presente para as mulheres que amam. Gary escolhe uma pulseira de última hora para a namorada, Rachel, como agradecimento por ela ter dado de presente a viagem de seus sonhos (Fim de ano em NY). Já Ethan procura algo especial para Vanessa, a mulher com quem pretende casar e reconstruir a vida. Viúvo e com uma filha de apenas oito anos, ele sabe que encontrará o anel de noivado perfeito na loja ideal. Tudo ok até então. Porém, após um acidente, as sacolas com os dois presentes são trocadas.
Observação da Pequena: O tipo de livro que faz com que a gente queira sentir a magia da famosa caixinha. Quem quiser ler a minha opinião, clique aqui. ;-)

2. Um noite com Audrey Hepburn (Lucy Holliday) 
Sinopse: A história gira em torno da atriz Libby Lomax, uma maníaca por filmes clássicos de Hollywood e que não vê muita graça na sua vida. Sua mãe vive tentando arrumar trabalhos para ela atuar, porém tudo vira de cabeça para baixo quando ela é expulsa do set de filmagens de uma série na frente do elenco todo, incluindo o maravilhoso ator Dillon O’Hara. Para tentar relaxar e esquecer esse dia, ela decide ir para o seu minúsculo apartamento, se jogar no sofá e assistir pela milésima vez o seu filme preferido: Bonequinha de Luxo. O que era para ser uma “sessão” sozinha, ela acaba se surpreendendo com a presença da própria Audrey Hepburn.
Observação da Pequena: Imagina dar de cara com a própria Audrey Hepburn? No seu sofá? Muita emoção, gente! hahaha ;p! Ah! É uma trilogia e, em breve, vou ler os outros dois e conto para vocês. Ah! Quem quiser ler a minha opinião, clique aqui. ;-)

3. Becky Bloom ao resgate (Sophie Kinsella) 
Sinopse: A consumista do mundinho literário está de volta em uma missão de resgate – com muitas encrencas e confusões, claro! Neste livro, Becky, a família e seus melhores amigos estão a caminho de Las Vegas dentro de um trailer. Nossa protagonista fará tudo que estiver ao seu alcance para descobrir o que há por trás do sumiço do seu pai e do marido de Suze. Becky sabe que sua tarefa não é nada fácil, mas está disposta a fazer o que for preciso para desvendar todo esse mistério, inclusive colocar em prática o plano mais audacioso de todos os tempos.
Observação da Pequena: Falar de chick lit e não falar da Sophie Kinsella? Impossível. Quem quiser ler a minha opinião, clique aqui. ;-)

4. O pulo da gata (Fernanda França) 
Sinopse: Maggie May é uma veterinária que carrega um sonho: se casar como manda o figurino! O noivo nem importa tanto, contanto que seja alto e que a faça usar um vestido branco numa linda cerimônia religiosa. Também não pode faltar uma festa inesquecível (com todos os seus amigos e familiares), lua de mel e o tão esperado “felizes para sempre“. Através de um site de encontros, Maggie conhece o misterioso (e põe misterioso nisso) Felipe e, claro, que logo de cara ela tem certeza de que é o príncipe que vai esperá-la no altar. A vontade de alterar o seu estado civil é tão giga, que ela ignora tudo e todos.
Observação da Pequena: Se você procura uma autora brasileira que escreva chick lit, por favor, anote essa dica: Fernanda França! De nada! ;p Quem quiser ler a minha opinião, clique aqui.

5. Quando saturno voltar (Laura Conrado)
Sinopse: Déborah Zolini tem uma vida, aparentemente, estável. Um namorado, sonha com o casório e trabalha como assessora de imprensa de um time de futebol de segunda divisão. Mas durante uma viagem para o Chile, ela conhece a Cigana Saphira, que avisa: o Retorno de Saturno, um fenômeno astrológico que acontece às vésperas do aniversário de trinta anos, está se aproximando. Quando a Déborah volta ao Brasil, começa a perceber sinais de que grandes mudanças estão por vir.
Observação da Pequena: Outra autora brasileira que merece todo nosso amor e gratidão por escrever histórias desse gênero que marcam: Laura Conrado! E quem quiser ler a minha opinião sobre esse livro, clique aqui. ;-)

***

É isso, gente! Claro que a lista vai além, sempre estou lendo esse gênero. Depois faço um segundo post sobre o mesmo tema, ok? E quem tiver sugestão, fique à vontade. 

Beijos, Carol.

Fan Page ♥ Instagram 


14
14.03.2017
* PJ Leu: Je T’aime, Paris + Surpresa! ♥

Ei, Gente! E a dica literária do dia é “Je T’aime, Paris“, da autora brasileira Teca Machado. Ótima pedida para quem ama chic lit, França e Van Gogh. Ah! E no finalzinho do post tem uma mini surpresinha para vocês. Boa leitura! ;-)

PJ Leu - Je Taime Paris

Livro: Je T’aime, Paris | Autora: Teca Machado
Crédito: Pequena Jornalista

Sinopse: Com um pai milionário encrencado com a Justiça e seus bens bloqueados, Ana Helena precisa aprender a viver com poucos recursos e decide se refugiar em Paris. Peraí! Como viver com pouco dinheiro em Paris? Não tem jeito! Arles acaba sendo a alternativa mais modesta. Mas a tranquilidade dessa pacata, porém charmosa, cidade do interior da França logo dá lugar a um turbilhão de acontecimentos envolvendo um novo amor, obras de arte importantes e homens tão ambiciosos que farão de tudo para colocar as mãos no que desejam. A grande aventura, leva a protagonista de volta a Paris, com perseguições pelas ruas da Cidade Luz, romance, ação, dramas e reviravoltas surpreendentes! Afinal, o que você faria para salvar um grande amor e alguns milhões de euros? ;)

Minha opinião: Sou suspeita para falar, pois tudo que envolve Paris me deixa completamente apaixonada. A história flui de um jeito leve, divertido e com várias reviravoltas realmente surpreendentes. Algumas de tirar o fôlego, mas sem spoiler, prometo. ;p Várias partes mexeram comigo, mas quando a Lelê (Ana Helena) conta o motivo da cachorrinha Zoe ter entrado na vida dela, deu um apertinho bom no coração da pequena que vos bloga! A protagonista é bem engraçada e é impossível não se identificar. No decorrer dos capítulos, é nítido o amadurecimento dela. O Olivier é sem palavras!  Aquele típico personagem que a gente shippa, ama e sonha em ter na nossa vida real hahaha. A família dele é uma fofurice! E o irmão mais novo? Mil pontinhos extras para ele. Também adorei a amiga Lara (por mais amigas assim ^^) e rever alguns personagens do primeiro livro da autora (I ♥ NY). Adoro quando os autores fazem isso! Dá uma sensação de “ah, então eles estão assim uhul que bom”. Também tem o lado cult do livro. Para quem ama arte, é uma ótima pedida mesmo. Aliás, queria muito achar uma obra de arte por aí. Deve ser tão legal. Tudo bem que rendeu um monte de confusão esses achados, mas toda confusão tem o seu lado bom. Aliás, o livro mostra isso. Tudo tem um lado bom! E quando parece que o mundo está de cabeça para baixo, tudo pode melhorar. É só deixar o tempo resolver e não ficar jogada na cama. Essas fases rendem ótimos aprendizados e momentos, que talvez nunca tivessem acontecido se tudo tivesse dado certo antes, sabem? Ah! Destaque para a parte do design e da capa do livro. Deixa a história ainda mais apaixonante! Ah! E o que fazer quando a autora deixa uma dedicatória linda e coloca o seu nome nos agradecimentos?? Amei muito, friendoca. Muito obrigada! Enfim, mega recomendo.

***

Agora uma surpresinha, gente! :) Em parceria com a Teca, vamos realizar um sorteio aqui no blog valendo um “Je T’aime, Paris”, um bloco lindo do livro, marcadores de livro e botton. Para participar é só seguir as regrinhas abaixo, cruzar os dedos e dia 28 de março sai o resultado!!

unnamedSorteio: Pequena Jornalista + Teca Machado! 

Regras: 

– Deixar um comentário com seu nome e e-mail nesse post.
– Curtir as páginas da Teca no Facebook (aqui e aqui).
– Curtir o PJ no Facebook (aqui).
– Morar no Brasil.

O sorteio será à moda antiga mesmo. Vou gravar um vídeo sorteando e colocar aqui, ok? Começa hoje, dia 14 de março, e tem até dia 28 de março, às 12h para participar! Dia 28 divulgo o resultado à noite (20h) lá no Insta do blog (@pequenajornalista). A vencedora (ou vencedor) terá 48 horas para responder com os dados para o envio. Se não, a gente faz novamente o sorteio.

É isso, gente! Boa sorte para todo mundo! E obrigada pela parceria, Teca. Parabéns por mais um trabalho lindo! 

Podem opinar à vontade!

Beijocas, Carol.

Fan Page ♥ Instagram


66
28.12.2016
* Retrô literária: leituras de 2016! ♥

Ah! 2016 foi repleto de livros incríveis! Consegui me aventurar mais, mas também não me importei em me jogar naquelas leituras que tinha certeza de que amaria cada página. Foi a 1ª vez que o blog conseguiu parceria com editoras (Arqueiro e Sextante ^^). Oba! \o/ Histórias que renderam suspiros, choros, algumas decepções, risos e, claro, aprendizados. Todos, sem exceção, me marcaram de alguma forma. Ao todo, foram 22 livros. Para variar, terminei o ano com mais livros para ler. Ainda bem! Espero que 2017 seja tão bom quanto. Com vocês, minha listinha de livros

6b09cb722452adcb00abb2b7b1011de9Lista de Livros 2016!
Crédito da Imagem: Pinterest

1. Um milhão de motivos para casar
2. Para todos os garotos que já amei
3. Becky Bloom em Hollywood
4. 11 contos e 1 fábula 
5. A mais pura verdade
6. Uma noite com Audrey Hepburn
7. Bem-Casados
8. Gentil como a gente
9. A história de nós dois
10. Confissões de uma garota excluída, mal-amada e (um pouco) dramática
11. Três coisas sobre você
12. Um presente da Tiffany
13. Essa luz tão brilhante
14. Felizes para sempre 
15. No meio do caminho tinha um amor
16. Eu sou as escolhas que faço 
17. Muito amor por favor
18. A garota italiana
19. Becky Bloom ao resgate
20. As coisas mais legais do mundo
21. Todo mundo tem um anjo da guarda
22. Eu amo comida

Os cinco melhores do ano? Tchan tchan… ;-)

vencedores-lista-de-livros-pjCrédito das Imagens: Arqueiro, Sextante e Saraiva 
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

1. Para todos os garotos que já amei
2. Gentil como a gente
3. Confissões de uma garota excluída, mal-amada e (um pouco) dramática 
4. Um presente da Tiffany
5. Eu sou as escolhas que faço

**

É isso, gente! Obrigada, 2016, por todas as leituras. Ah! Todas as resenhas estão aqui no blog, ok? :) Leu algum da listinha? Me conta o que achou, mas sem spoiler hahaha. E que venha 2017! Se alguém quiser me indicar livros, fique à vontade também. 

Beijos, Carol.

Fan Page ♥  Instagram


6
30.11.2016
* PJ Leu: Becky Bloom ao resgate! ♥

E a dica literária da semana é Becky Bloom ao resgate, da autora Sophie Kinsella. Esse é o oitavo livro, publicado pela Editora Record, da série que fala sobre a nossa consumista número um do mundo dos livros. Ah! Quem ainda não leu o penúltimo livro, pode conter spoiler esse post. Ai volta depois! ;-) Mas quem já leu ou não se importa, vamos lá? ♥ 

pj-leu-becky-bloom-ao-resgateLivro: Becky Bloom ao Resgate | Editora: Record | Autora: Sophie Kinsella | Preço: R$ 31,90 (vi na Saraiva)
Crédito da Imagem: Site Saraiva

Sinopse: No oitavo livro, Becky Bloom está em uma missão de resgate. Hollywood se mostrou cheia de surpresas, encrencas e confusões. Mas agora ela, a família e seus melhores amigos estão a caminho de Las Vegas dentro de um trailer. Nossa protagonista fará tudo que estiver ao seu alcance para descobrir o que há por trás do sumiço do seu pai e do marido de Suze. Afinal, por que ele precisa tanto ajudar o seu velho amigo Brent, que por sinal ninguém sabe por onde anda?

Becky sabe que sua tarefa não é nada fácil, mas está disposta a fazer o que for preciso para desvendar todo esse mistério, inclusive colocar em prática o plano mais audacioso de todos os tempos. Mas será que a estratégia mirabolante irá servir para salvar sua família e seus amigos? As brigas são constantes e os obstáculos são muitos,  mas a gente sabe: ela não desiste tão fácil. ;-)

Minha opinião: Ao longo do tempo, as histórias da Becky acabaram se tornando um pouco previsíveis, mas a diversão é a mesma gente. Me diverti muito com esse livro e adorei como a Sophie o conduziu. Ok! Um pouco exagerado todo o mistério, mas estamos falando da Becky, sua família e amigos, né? Óbvio que tem que ter exagero no meio. E mesmo com todos os clichês, alguns elementos me surpreenderam. Por exemplo? A Becky finalmente evoluiu, porém: a essência dela continua intacta. Sempre amei o Luke, mas em alguns momentos achava ele meio frio, sabem? Nessa aventura, achei ele bem mais companheiro e com os melhores conselhos! A Janice me conquistou totalmente. Que amiga fofa, gente! Ah! E preparem o coração: Derek Smith está de volta em uma versão mais suave (digamos assim hahaha)!

De resto, é o tipo de leitura ideal para distrair, rir e, claro, tirar lições valiosas. Adoro o jeito da Becky de não sossegar enquanto não consegue. De ir atrás, mesmo todo mundo com um pé atrás. Também tive mais uma prova (mesmo que literária) de que a família e os amigos são fundamentais para a nossa vida. Ah! Falando nisso, todos os personagens continuam com o mesmo jeitinho de ser. Malucos, mas sempre dispostos a ajudar (com algumas exceções, tipo a Alicia, vaca pernalta hahaha).

Fiquei bem feliz com o desfecho e, posso estar errada, mas acho que deve ser último da série. Por isso, dei um abraço bem apertado no meu livro, quando terminei a última página. Todas as histórias, uma hora, chegam ao fim. Mas o importante são as lembranças. Obrigada, Sophie, por ter nos presenteado com uma das personagens mais hilárias do mundo literário. ♥ 

4c4fb55226b21c618094c045e5bf6600Crédito da imagem: Pinterest!

Acho que é isso! Já leu? Conta o que achou. Ainda não? Fica a dica!
Para ler as resenhas dos outros livros da série é só clicar aqui, aqui e aqui.

Beijos, Carol.

Fan Page ♥  Instagram


1
12

Pequena Jornalista - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2017