25.06.2018
* PJ Leu: Estúpida, eu? ♥

Ei, Gente! :) E a primeira dica literária da semana é: “Estúpida, eu?”, escrito pela blogger Camila Coutinho (do Garotas Estúpidas). O livro, publicado pela editora Intrínseca, é um dos meus favoritos desse ano. Ela, que é uma das pioneiras no mundo dos blogs de moda, mostrou que de estúpida não tem nada e que tem muito a ensinar. Enfim, vamos lá? Boa resenha para vocês! 

PJ Leu - Estúpida euLivro: Estúpida, Eu? | Editora: Intrínseca | Autora: Camila Coutinho
Crédito da Imagem: Pequena Jornalista
Nota de 1 a 5: cinco livros!

Sinopse: Há alguns bons anos, a designer de moda por formação, Camila Coutinho, resolveu criar um blog em um momento de insônia: Garotas Estúpidas. No começo, era apenas um cantinho para trocar informações com as amigas sobre as celebridades do momento, numa época em que o conteúdo na internet ainda estava engatinhando. Resultado? Com uma atitude pioneira e sem a menor frescura, chegou longe e mostra, que ainda tem muito a alcançar com a sua marca.  Nesse livro, a atual empreendedora, revelou histórias sobre o começo de tudo e mostrou, que por trás do glamour, tem toda uma ralação real.  Além de compartilhar, dicas de como transformar um simples hobby em um grande negócio, levando em conta tudo ao seu redor. ;-)

Minha opinião: Sabe aquele livro que te inspira a sair da sua zona de conforto? Então: “Estúpida, Eu?” é assim! Acompanho o GE há séculos, principalmente, no Instagram, e adoro a originalidade da Camila. Que a propósito está estampada nessa primeira dica de leitura da semana. Dá para ver, que ela escreveu cada capítulo, com todo carinho e dedicação! Isso faz a diferença. A escrita é leve, divertida e direta! Ela ajuda a gente com um milhão de dicas nas entrelinhas de cada parágrafo.

O que eu anotei e espero levar para a vida? Primeiro, que a gente tem que ser cara de pau, mas sem esquecer de um ingrediente fundamental: bom senso! Que a gente nunca pode achar que chegou lá, é preciso inovar sempre, independente do seu “status”. Aliás, humildade, paixão e ralação são palavras essenciais. E por mais clichê que pareça, vai ter um monte de gente, que vai querer te passar para trás, mas serve de aprendizado. Falando nisso, fiquei bem decepcionada com a história que ela contou sobre uma pessoa que eu admirava nesse mundo. Ela não deu nomes, mas quem acompanha o blog, tem uma ideia de quem seja. Mas acontece!

Fora isso, gostei de saber um pouco mais da equipe GE, do painho e de outros nomes importantes da vida dela e do blog. Amei que nos agradecimentos ela colocou o Diego, que por anos fez parte do seu dia a dia. Isso mostra que a consideração, gratidão e respeito são palavras que ela preza. Isso faz a gente admirar mais ainda a pessoa, né? Enfim, amei esse livro e aprendi na mesma intensidade. E já estou praticando, viu Cams? ;p Parabéns e espero que venham outros livros tão bons quanto. E obrigada por compartilhar tanto aprendizado.

Enfim, é uma leitura rápida e não é só mais um livro de blog (nada contra), pelo contrário. Quando eu esbarro no “Estúpida, Eu?” nas livrarias, sempre vejo na área de business. Ou seja? Mais do que um leitura para apaixonados por moda ou internet, é um livro que ajuda REAL quem sonha em transformar um hobby em um profissão, ou simplesmente empreender.  Ah! Destaque também para o projeto gráfico. Um dos meus preferidos! 

PJ Leu - Estupida eu - 2Tietando a Camila no lançamento do livro, aqui no RJ.

É isso. Já leu? Conta o que achou! Ainda não? Recomendo e MUITO!

Beijos, Carol. :)

Para ler: Os quase incompletos

Fan Page ♥ Instagram  


1
08.02.2018
* PJ + Blog da Natz: 5 lugares que você precisa conhecer em SP! ♥

Ei, Gente! :) A blogosfera me presenteou com algumas amigas e a Nat, do blog da Natz, é uma delas. Converso com ela há séculos, mas só ano passado a conheci pessoalmente. E sério: parecia que a gente tinha se visto dias antes. Foi um dia tão divertido, que vocês não tem noção. Daí, recentemente, essa friend querida me convidou para escrever um post lá para o cantinho dela sobre um assunto que eu amo: livros! Óbvio que aceitei e também convidei para fazer um top 5 de lugares que a gente precisa conhecer em SP. Sim, ela é paulista. Um dos assuntos que mais amo no blog dela e que eu mega indico para quem vai visitar a terra da garoa! Daí, ela topou e hoje é dia de participação aqui no PJ. Então, vamos lá? Indica aí, friendoca. ;-)

PJ e Blog da NatzParticipação especial: Blog da Natz.

Olá, pessoal. Tudo bem? Eu sou a Natz, do Blog da Natz, e fui convidada pela Carol para fazer esse post aqui no Pequena Jornalista. Como vocês notaram, eu moro em SP, sou a friend paulista dessa carioquinha linda haha. Foi difícil escolher apenas 5 lugares porque eu simplesmente amo minha cidade e há 27 anos moro aqui! Com certeza, faltaram alguns lugares, mas se quiserem conferir outras dicas de lugar sobre SP, podem visitar meu blog também! ;) Para esse post, eu pensei em lugares mais diferentes e menos turísticos, mas que com certeza vocês iriam amar. Então, já sabem o que fazer em uma próxima viagem a Sampa, hein? Espero que gostem! Beijokas <3!

1. LUDUS LUDERIA

ludus-luderia

Sabe aquele lugar para você passar o dia inteiro e quando você menos perceber vai sair de madrugada? É a Ludus Luderia! Uma casa de jogos de tabuleiro e petiscos. É uma delícia ir para lá com a galera, você paga uma taxa pra entrar e pode jogar o quanto quiser, a noite inteeeirinha! É uma programação nostálgica e super divertida. E além dos jogos, a casa serve fritas, hambúrgueres, shakes e outros petiscos. Tudo para você não passar fome, enquanto se diverte! Vale muito a pena, eu adoro.

2. TEX REDNECK BAR

TEX

Um lugar com: pista de dança, sala de karaokê, pista de boliche, mesas de snooker e bar/restaurante, com culinária especializada em menu Tex-Mex. Tudo isso em apenas um lugar! Com ambientes diferentes um do outro. E o mais bacana de tudo, o som de um ambiente, não atrapalha o outro. São bem feitos e planejados, você pode mudar de um local para o outro com total liberdade! Começando a noite na pista de dança, finalizando no karaokê e passando por todas as outras etapas. Enfim, do jeitinho que você preferir! A Tex te oferece diversão garantida.

3. BLITZ HAUS

BLITZ

Vocês vão perceber por essa indicação, que eu amo um lugar versátil! Quanto mais opções de diversão, melhor né? Isso se for bem estruturado e bem planejado. Como a Tex e a Blitz, que é uma casa noturna com três andares, o primeiro é um andar de jogos (você vai encontrar dos games eletrônicos até as mesas de snooker, passando por mesas de baralhos e outros jogos). O segundo andar é um restaurante, com muitas opções de hambúrgueres, entre outras delicinhas! E o terceiro andar é a pista de dança (a da imagem), ela feeeerve, principalmente com músicas pops e house.

4. GLOW IN THE DARK

GLOW

A Glow In The Dark é uma balada com apenas uma opção de diversão, mas eu indico, porque é uma diversão bem diferente! Logo que você chega, ganha algumas pulseirinhas neon na entrada e algumas tintas para se pintar (obs: vá de branco). Lá tem maquiador (especializado em makes neon) e outras atividades voltadas para o propósito da balada. Mas é interessante, olhar a programação antes, pois algumas atraem um público teen demaaais, outras nem tanto. Vale a pena conferir com a galera. É divertido demais! Daí, se pinte, pinte o outro e se acabe na pista! E brilhe literalmente!

5. BAR E RESTAURANTE ALTO DA HARMONIA

alto-da-harmonia

O melhor lugar para você comer uns petiscos bem acompanhada em um fim de tarde. Aliás, o pôr do sol é incrível! As bebidas e aperitivos são de primeira e há muitas opções. Às vezes, tem música ao vivo também e o ambiente é super gostoso. É um casarão com vários andares, mas o que vale a pena mesmo é o último. Onde você vai ver um dos fins de tarde mais incríveis de SP. E na parte da noite, o lugar costuma esquentar e vira quaaaase uma baladinha. Esse ênfase no “quase” é porque a proposta do local é realmente ser bar.

Espero que tenham gostado das dicas. Obrigada pelo convite Carol! Amei fazer esse post para o Pequena Jornalista.  Quem quiser mais informações, é só clicar no nome de cada lugar.

Beijos, Natz.

***

Muito obrigada, frind. Amei muito e exijo que você me leve em todos esses lugares. ;-) E, gente, não deixe de conferir o post que eu fiz lá para o blog dela. Só clicar aqui. E, claro, de bisbilhotar cada post que tem lá.

Beijos, Carol.

Para ler: PJ News de Fevereiro

Fan Page ♥  Instagram


1

Pequena Jornalista - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2018