14.01.2019
* PJ News de Janeiro – Pins, Verão e Brechó! ♥

Ei, Gente! :) Demorou, mas chegou: o primeiro PJ News do ano E o esquema continua o mesmo, tem de tudo um pouco, que a gente ama. Inclusive, um projeto novo meu e da minha amiga Taty: Um Mundo de Brechó. Enfim, vamos lá? Bom post. ;-)

PJ News - Janeiro 2019 - 1Crédito das Imagens: Adoro Cinema, Divulgação e Insta Arqueiro e Starbucks
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista 

Para começar, vamos de filme? Uma Nova Chance, com a Jennifer Lopez. Maya é uma caixa de supermercado que anda insatisfeita com a sua vida profissional. Mas tudo muda após uma pequena alteração em seu currículo e suas redes sociais. Com habilidades, experiência e a ajudinha extra de amigos, ela se reinventa e consegue se transformar em uma executiva de sucesso. Tem cara de ser bem bom e tudo o que eu preciso assistir no comecinho do ano! E vocês? Não tem livros dessa vez, mas tem uma coleção incrível para os leitores de plantão. A cada mês, a Arqueiro (parceira do blog), vai lançar um pin de um livro na pré-venda dele. O de fevereiro já está disponível: A Caça, de M. A. Bennett. Para comprar é só correr clicar aqui. E para os fãs de Harry Potter, o Shopping Fashion Mall (Rio de Janeiro) continua com as aulas de magia e bruxaria, de 3ª feira (15.01) até domingo (20.01). Tem de fazer a inscrição no app do Shopping, ok?  Ideal para as crianças a partir dos 4 anos! Corre porque está sujeito a lotação. ;-)

E já que não teve jeito e o verão chegou com tudo, amei a novidade do Starbucks: frappuccino de açaí. Tudo a ver com o nosso clima, né? Não sou devoradora de açaí, mas fiquei bem curiosa para experimentar essa bebida! E falando em temperatura mais alta, a Shock, lançou um Blonde Splash, que é um spray clareador natural de cabelo. Pelo que eu entendi, é um produto vegano e livre de parabenos. Além de clarear (de acordo com cada tonalidade), hidrata e possui ação antifrizz. É só correr no site da marca, viu? Se eu comprar, conto para vocês o que achei!

E por fim, mas não menos importante: Um mundo de Brechó, ideal para quem ama garimpar de tudo um pouco (looks, livros, decor e etc). Aproveita, entra lá no Insta, que já colocamos algumas peças e livros para vender! E podem sugerir, opinar e tal. Enviamos para todo Brasil, ok? E compartilhem com os amigos que amam comprar de forma consciente e por menos!

PJ News - Janeiro 2019 - 2É isso, gente! Agora me contem: qual é a novidade que mais chamou a atenção de vocês? E se alguém tiver algum news bacana, fique à vontade para compartilhar nos comentários! :)

Beijos, Carol.

Post Antigo: O futuro da moda – Sustentabilidade

Fan Page ♥  Instagram


0
10.01.2019
* Top 5: aniversariantes do mês! ♥

Ei, Gente! :) Vocês têm o costume de anotar o aniversário dos escritores? Eu não, mas a Arqueiro/Sextante (editoras parceiras do blog) me deu uma brilhante ideia por conta do calendário lindo deles: passar a anotar, ao menos dos preferidos. Tipo, agora eu sei que o da Sophie Kinsella é no dia 12 de dezembro. Da Fê França, no dia 2 setembro! E pensando nisso, resolvi preparar um top 5 com livros dos aniversariantes de janeiro. A maioria já li, mas outros estão na minha listinha de próximos. Enfim, vamos lá? Bom post!

PJ - Top 5 - Aniversariantes de janeiroCrédito das Imagens: Arqueiro e Sextante
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista 

1. Aniversariante: Harlan Coben (04.01 – Editora Arqueiro) 
Livro: Seis anos depois
Sinopse: Library Journal Jake Fisher e Natalie Avery se conheceram no verão. Eles estavam em retiros diferentes, porém próximos um do outro. O dele era para escritores; o dela, para artistas. Eles se apaixonaram e, juntos, viveram os melhores meses de suas vidas. E foi por isso que Jake não entendeu quando Natalie decidiu romper com ele e se casar com Todd, um ex-namorado. No dia do casamento, ela pediu a Jake que os deixasse em paz e nunca mais voltasse a procurá-la. Jake tentou esconder seu coração partido dedicando-se integralmente à carreira de professor universitário e assim manteve sua promessa… durante seis anos. Ao ver o obituário de Todd, Jake não resiste e resolve se reaproximar de Natalie. No enterro, em vez de sua amada, encontra uma viúva diferente e logo descobre que o casamento de Natalie e Todd não passou de uma farsa. Agora ele está decidido a ir atrás dela, esteja onde estiver, mas não imagina os perigos que envolvem procurar uma pessoa que não quer ser encontrada.
Observação da Pequena: Já escutei falar que o Harlan é o típico autor mega fofo. Sempre vejo as pessoas falando dos livros dele e esse foi o que mais me chamou a atenção e entrou para minha lista. E parabéns atrasado, Harlan (a íntima hahaha).

2. Aniversariante: Julia Quinn (12.01 – Editora Arqueiro) 
Livro: Uma dama fora dos padrões
Sinopse: Uma história que fala sobre encontrar o amor nos lugares mais inesperados… Ou não! Por exemplo, todos esperam que Billie Bridgerton se case com um dos irmãos Rokesbys. As duas famílias são vizinhas há séculos e, quando criança, a levada Billie adorava brincar com Edward e Andrew. Qualquer um deles seria um marido perfeito… algum dia. Porém, há apenas um irmão Rokesby, que Billie simplesmente não suporta: George. Ele até pode ser o mais velho e herdeiro do condado, mas é arrogante e irritante. Billie tem certeza de que ele também não gosta nem um pouco dela, o que é perfeitamente conveniente. Mas às vezes o destino tem um senso de humor perverso… ;-)
Observação da Pequena: Ganhei no encontro da Arqueiro, mas já saiu o segundo da série e ainda não consegui ler, acreditam? Porém, esse status de leitura vai mudar daqui a pouco. E parabéns adiantado, diva dos romances de época!

3. Aniversariante: Daiana Garbin (25.01 – Editora Sextante) 
Livro: Fazendo as pazes com o corpo
Sinopse: Daiana Garbin passou 22 anos odiando o próprio corpo. Sentia-se eternamente inadequada, deseja ser reta, seca. Só pele e osso. Tinha vergonha de si mesma e de seu descontrole diante da comida. Encarou dietas hiper-restritivas, passou por três cirurgias plásticas, fez procedimentos estéticos agressivos e ficou viciada em remédios para emagrecer. Sempre acreditando que um corpo magro lhe traria paz e felicidade. Foi só depois de muito sofrimento que ela descobriu que a insatisfação profunda que sentia em relação ao corpo não era vaidade nem frescura: era doença. Diagnosticada com transtorno alimentar, a autora decidiu compartilhar sua história para ajudar as pessoas que sofrem em silêncio por querer se enquadrar em padrões inatingíveis e acabam deixando de aproveitar a própria vida. Ela revela o longo caminho que percorreu para aprender a ficar em paz com o corpo e com a comida. Os altos e baixos, o que deu certo, o que deu errado. As vezes que quis jogar tudo para o alto e o momento em que percebeu que existia uma saída. Um livro que traz entrevistas com especialistas na área, desde nutricionistas até psiquiatras. Faz com que o leitor pense sobre os perigos alimentares, o lado nocivo das redes sociais e o padrão de beleza irreal que a mídia impõe. Além disso, mostra como a autocompaixão pode ajudar no processo da cura. Que aliás, é um exercício diário!
Observação da Pequena: Como eu amo e recomendo essa leitura, gente! Parabéns mega adiantado, Daiana! Você merece o melhor! E tem resenha sobre esse livro aqui.

4. Aniversariante: Oprah Winfrey (29.01 – Editora Sextante) 
Livro: O que eu sei de verdade
Sinopse: Desde que Oprah Winfrey foi questionada sobre as coisas que tinha certeza na vida, ela passou a registrar suas reflexões todos os meses na revista O. The Oprah Magazine. E esse livro é um apanhado desses textos, que na verdade são conselhos preciosos, pensamentos e revelações. Dividido por assuntos como alegria, perseverança, gratidão, lucidez e poder, O que eu sei de verdade traz mensagens francas e comoventes. Um presente para quem embarcar nessa leitura
Observação da Pequena: Por favor, leiam esse livro. É vida, mesmo! E parabéns, querida Oprah (mega íntima outra vez hahaha). Tem resenha desse livro aqui.

5. Aniversariante: Felippe Barbosa (30.01 – Editora Arqueiro) 
Livro: Os quase completos
Sinopse: O Quase Doutor é um renomado cardiologista que passa os dias em um hospital, mas no fundo é um artista frustrado. A Quase Viúva é uma professora que está de licença do trabalho para ficar com o noivo, em coma após um grave acidente. O Quase Repórter é um jornalista decepcionado com a profissão que sofre há mais de um ano pelo suicídio da esposa. A princípio, a única coisa que essas pessoas têm em comum é a sensação de incompletude e de desilusão com a vida. Mas não…. Por quê? Um dia… O Quase Doutor é persuadido por um velho desconhecido a embarcar com ele em um ônibus rumo a jornada para se reconciliar com o seu passado. Logo, a viagem se transforma em uma aventura cheias de surpresas e com um porém: ele precisa fazer escolhas que mudarão para sempre o seu destino e a forma de ver a sua vida! Sobre a Quase Viúva, ela suspeita que alguém está querendo matar o seu noivo dentro do hospital. Já o Quase Repórter, através de uma pesquisa minuciosa, acredita que podem ter matado a sua esposa. O que esses personagens têm em comum então? A resposta para os mistérios que envolvem os seus amores e a vida deles, pode estar dentro do ônibus, que o Quase Doutor embarcou.
Observação da Pequena: Recomendo a leitura, que é cheia de mensagens intensas e que nos ensinam bastante. Fora que o Felippe é mega fofa e acessível. Ele é autor brasileiro, então, vamos apoiar nossos escritores nacionais também. Tem resenha do livro aqui. E parabéns, Felippe!

***

É isso, gente! :) Gostaram desse esquema de aniversariantes do mês? E me contem: sabem que dia é o niver do seu escritor preferido? 

Beijos, Carol.

Post Antigo: Top 5 – Julia Quinn

Fan Page ♥ Instagram 


0
02.01.2019
* Metas Literárias: Janeiro 2019! ♥

E no primeiro dia útil do ano, claro que teria post por aqui, né? :) E o tema não poderia ser diferente: metas literárias do mês! Ano passado, essa coluna ficou meio esquecidinha, mas pretendo voltar com tudo, porque ajuda muito a ter uma ideia do que vou ler e pode colaborar com a listinha de vocês também. Claro, que no meio do caminho as coisas podem mudar, mas aviso lá no Insta (@pequenajornalista), combinado? Então, vamos lá. Boa leitura para vocês! 

Metas Literárias - PJ - Janeiro 2019Crédito da imagem: Pequena Jornalista

Para começar, tem um livro que veio lá de 2018: 9 Minutos com Blanda, da escritora nacional Fernanda França. Ainda não consegui terminar, mas estou quase lá e essa semana vai rolar resenha por aqui. Já adianto que estou curtindo bastante!  Depois dessa leitura, vou para uma que tem cara de ser bem leve e divertida também: Adulta sim, madura nem sempre, da Camila Fremder.  Só pelo título já dá para ter uma ideia do que me aguarda. Também vai rolar resenha por aqui. E, por fim, um livro que está na minha listinha há séculos: Tipos incomuns, do Tom Hanks, que recebi da Arqueiro e esqueci completamente dele. Falando nisso, durante 2019 espero muito resgatar mais livros que eu esqueci que tenho que ler. ;-) E agora: as sinopses para vocês!

1. 9 minutos com Blanda (Fernanda França – Editora Rai) 
Sinopse: Todos os dias, depois de brigar com o despertador que dá apenas nove minutinhos a mais de sono, Blanda se depara com a seguinte situação: ela está quase sem dinheiro, desempregada e sua única companhia é o gato Freddy Krueger. Bom, não exatamente, já que ela namora um cara chamado Max, que nunca realmente assumiu o relacionamento. Max é folgado, não trabalha e também não faz muita questão de conseguir um emprego, mas é justamente com ele que Blanda se vê prestes a dizer “aceito”. Em uma confusão envolvendo muito estresse, a porta giratória de um banco e uma calcinha pink, Blanda conhece alguém que pode mudar sua vida. Mas será que a realidade pode virar um conto de fadas?

2. Adulta sim, madura nem sempre (Camila Fremder – Editora Paralela) 
Sinopse: A vida adulta chega de uma hora para outra e nem sempre estamos preparados para ela. E tudo bem. Um dia você é a jovem moderna que ouve música alta e incomoda a vizinha. Num piscar de olhos é você quem está interfonando para o porteiro e reclamando, aos berros, do som da garota que mora no andar de cima. O que aconteceu? Simples: a vida adulta chegou. Quer dizer, não tem nada de simples. A vida adulta costuma chegar de uma hora para outra, sem avisar, sem um curso preparatório, sem nada. Ou pelo menos é assim que a gente se sente. E a consequência disso é muito estranhamento, reflexões e boas risadas. Saem de cena as noites agitadas e os dias sem grandes preocupações, sendo substituídos por fraldas (no caso de quem tem filho), boletos e muita paranoia com a aparência. Com observações perspicazes e bom humor, Camila nos ajuda a entender e aceitar melhor essa transição.

3. Tipos Incomuns (Tom Hanks – Editora Arqueiro) 
Sinopse: Um affaire agitado e divertido entre dois grandes amigos. Um ator medíocre que se torna uma estrela e se vê em meio à frenética viagem de divulgação de um filme. O colunista de uma cidadezinha com um ponto de vista antiquado sobre o mundo. Uma mulher se adaptando à vida na nova vizinhança após o divórcio. Quatro amigos e sua viagem de ida e volta à Lua num foguete construído num fundo de quintal. Essas são apenas algumas das pessoas e situações que Tom Hanks explora em sua primeira obra de ficção!

**

É isso, pessoal. Agora me conta: quais são as suas metas literárias desse mês? 

Beijos e bom ano,
Carol.

Post Antigo: PJ Leu – Enfim, 30!

Fan Page ♥  Instagram 


1
28.12.2018
* PJ Leu: Vox! ♥

Ei, Gente! Vamos para a última resenha do ano? :) Com vocês: Vox, da autora Christina Dalcher. O livro, publicado pela Editora Arqueiro (parceira do blog), é uma história onde as mulheres só têm direito a 100 palavras por dia. Sem muito spoiler, segue o que eu achei dessa leitura tensa, mas bem necessária. 

PJ Leu - VoxLivro: Vox| Editora: Arqueiro | Autora: Christina Dalcher 
Crédito da Imagem: Pequena Jornalista
Nota de 1 a 5: três livros!

Sinopse: O governo americano decreta que as mulheres só podem falar 100 palavras por dia. A Dra. Jean McClellan está em negação. Ela não acredita que isso esteja acontecendo! Mas esse é apenas o começo… Em pouco tempo, as mulheres também são impedidas de trabalhar e os professores não ensinam mais as meninas a ler e escrever. Antes, cada pessoa falava, em média, 16 mil palavras por dia, mas agora tudo mudou e em poucas palavras o público feminino pode se expressar. Mas não é o fim! Lutando por si mesma, sua filha e todas as outras mulheres que foram silenciadas, Jean vai reivindicar sua voz!

Minha opinião: Assim que contaram no encontro dos blogueiros lá na Bienal desse ano sobre essa história, fiquei mega curiosa para embarcar. Afinal, imagina isso? 100 palavras por dia! Não poder trabalhar, estudar, escrever, expressar o que você deseja. Porque não é apenas a nossa voz que é calada, é tudo, sabem? Foi uma leitura bem tensa e intensa. Bateu um medo! Não sei se chega a acontecer igualzinho, mas mesmo assim bate um alerta bem grande, ainda mais como anda a nossa política. Mas espero do fundo do coração, que nem de longe isso aconteça. Nem nada parecido!

No mais, confesso que o começo me prendeu mais. Como o decorrer da leitura foi para um lado mais ficção científica (pelo menos entendi assim hehehe), fiquei meio perdida em várias partes. Gostei de diversas atitudes da Jean e como ela não se exime de culpa, sabem? Aliás, me identifiquei em alguns momentos. Mas acho que tudo é o amadurecimento, vivenciar tal coisa. Aliás, nessa história ninguém sai ganhando. Todo mundo perde. Inclusive os homens e fiquei feliz que muitos personagens masculinos lutaram pela voz das mulheres! Palma para eles. Tirando a Jean, sua filha, eles foram os meus preferidos. E não odiei o Patrick, nem Steven.

Essa história desperta um pouco de raiva e faz com que a gente não queira se calar. Mas nada de disseminar o ódio por aí! Lutar pelo nosso, mas sem desrespeitar ninguém. Enfim, não foi o meu livro favorito do ano, até porque amo um romance (que aliás têm, na medida certa), chick-lit e afins, mas sem dúvida é um livro mega necessário. Ainda mais com as últimas notícias e tal. É uma leitura bem oportuna. Por isso, indico! ;-)

Quem já leu, conta o que achou. Mas sem spoiler, ok?

Beijos, Carol.

Para ler: PJ Leu – Coragem!

Fan Page ♥ Instagram  


0
05.12.2018
* #NatalComArqueiro: 5 livros para presentear na noite feliz! ♥

Ei, Gente! :) Para entrar no clima natalino, a Arqueiro (parceiro do blog) convidou os bloggers parceiros para prepararem uma listinha de sugestões de livros de presente para esse Natal. Separei quatro histórias que embarquei durante 2018, que eu acho que vale a pena presentear alguém especial na noite feliz. E, como não sou boba, nem nada, tem um livro que é super bem-vindo na minha estante de próximas leituras hahaha. Vamos lá? Bom post! 

Natal com Arqueiro - PJCrédito das Imagens: Arqueiro 
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

1. Mais lindo que a lua (Julia Quinn) 
Sinopse: Foi amor à primeira vista. Mas Victoria Lyndon era a filha do vigário, e Robert Kemble, o elegante conde de Macclesfield. Foi o que bastou para os pais dos dois serem contra a união. Assim, quando o plano de fuga dos jovens deu errado, todos acreditaram que foi melhor assim. Sete anos depois, quando Robert encontra Victoria por acaso, não consegue acreditar no que acontece: a garota que um dia destruiu seus sonhos ainda o deixava sem fôlego. E ela também logo vê que continua impossível resistir aos encantos dele. Mas não pensa em dar uma segunda chance ao homem que lhe prometeu a lua e depois despedaçou suas esperanças! Então, Robert lhe oferece um emprego a filha do vigário: ser sua amante, mas claro que ela não aceita. Porém, ele promete que Victoria será dele, não importa o que tenha que fazer! A pergunta que fica no ar: será que depois de tantas mágoas, os dois corações maltratados algum dia serão capazes de perdoar e permitir que o amor cure suas feridas? Tchan Tchan…
Observação da Pequena: É da diva, né? E sério, depois dessa história, nunca mais olhei a lua do mesmo jeito. Quem quiser ler a resenha, é só clicar aqui. Para comprar o livro, clique aqui.

2. Sonhos em flor (Estelle Laure) 
Sinopse: Eden Jones tem 17 anos e o futuro todo planejado. Com o apoio dos pais amorosos, do irmão gêmeo e da melhor amiga Lucille, sonha em estudar em Nova York e se tornar uma grande bailarina. Mas  o destino tem outros planos e seu mundinho “perfeito” começa a desmoronar. Primeiro, o teste que fez para um balé importante não é nada daquilo que imaginou. Pelo contrário! Depois, perde o seu chão, quando descobre que Lucille e seu irmão estão namorando e ninguém conta para ela. Por fim, sofre um acidente, que a deixa em coma. Depois dessa experiência de quase morte, nossa protagonista, volta ao “normal” e depois de um tempinho recebe alta. Porém, voltar à rotina não é tão fácil quanto parece. Além de ter algumas restrições físicas e alimentares, Eden tem alucinações com flores negras e uma garota em coma na mesma ala do hospital, onde esteve internada. E como se não fosse o bastante, se apaixona por Joe, que tem uma ligação com a personagem que ela anda tendo “visões”. Então, inúmeras dúvidas surgem e nessa árdua caminhada, ela começa a entender que não ter o controle das coisas pode ser libertador. ;-)
Observação da Pequena: Um dos livros que mais curti esse ano. Pé no chão, mas sem dar aquela floreada necessária! Quem quiser ler a resenha, é só clicar aqui. Para comprar o livro, clique aqui.

3. A luz que perdermos (Jill Santopolo) 
Sinopse:  Na manhã do dia 11 de setembro de 2001, Lucy e Gabe se conhecem na faculdade. Isso! No mesmo instante, que dois aviões colidem com as Torres Gêmeas. Quando notam que Nova York inteira arde em chamas, eles decidem que querem fazer algo importante com suas vidas, algo que promova uma diferença no mundo. Principalmente, Gabe. Quando se veem de novo, um ano depois, parece um encontro predestinado. Só que Gabe é enviado ao Oriente Médio como fotojornalista e Lucy decide investir em sua carreira em Nova York. Treze anos se passaram e muita coisa mudou, inclusive, ambos conheceram novas pessoas, como ela que conheceu Darren. Mas o caminho dos dois se cruza e se afasta muitas vezes, numa odisseia de sonhos, desejos, ciúmes, traições e, claro: amor. Mesmo separados pela distância, eles jamais deixam o coração um do outro. Ao longo dessa jornada emocional, Lucy começa a se fazer perguntas fundamentais sobre destino e livre-arbítrio: será que foi o destino que os uniu? E, agora, é por escolha própria que eles estão separados?
Observação da Pequena: Aquele livro que deixa no coração apertadinho, mas repleto de lições valiosas! Quem quiser ler a resenha, é só clicar aqui. Para comprar o livro, clique aqui.

4. Um beijo à meia-noite (Eloisa James) 
Sinopse: Kate Daltry é uma jovem de 23 anos que não costuma frequentar os salões da alta sociedade. Desde a morte do pai, sete anos antes, ela se vê praticamente presa à propriedade da família, atendendo aos caprichos da madrasta, Mariana. Por isso, quando a detestável mulher a obriga a comparecer a um baile, Kate fica revoltada, mas acaba obedecendo. Lá, conhece o sedutor Gabriel, um príncipe irresistível e irritante. A atração entre eles é imediata, mas ambos sabem que um relacionamento é impossível. Afinal, Gabriel já está prometido a outra mulher – uma princesa! – e precisa com urgência do dote milionário para sustentar o castelo. Ele deveria se empenhar em cortejar sua futura esposa, não Kate, a inteligente e intempestiva mocinha que se recusa a bajulá-lo o tempo todo. No entanto, Gabriel não consegue disfarçar o enorme desejo que sente por ela. Determinado a tê-la para si, o príncipe precisará decidir, de uma vez por todas, quem reinará em seu castelo.
Observação da Pequena: Aquele conto de fadas com uma pegada mais adulta, mas sem perder a magia da história original. Quem quiser ler a resenha, é só clicar aqui. Para comprar o livro, clique aqui.

5. Almas Gêmeas (Nicholas Sparks) 
Sinopse: Hope Anderson namora o mesmo homem há seis anos, sem perspectiva de casamento. Quando seu pai é diagnosticado com ELA, Hope resolve passar uma semana na casa de praia da família, na Carolina do Norte, para pensar nas difíceis decisões que precisa tomar em relação ao próprio futuro. Tru Walls, nunca esteve nos Estados Unidos, até receber uma carta de um homem que diz ser seu pai biológico, convidando-o a encontrá-lo numa casa de praia na Carolina do Norte. Intrigado ele aceita e faz a viagem. Quando os dois estranhos se cruzam na praia, nasce entre eles uma ligação imediata.
Observação da Pequena: Só falo uma coisa: cruzando os dedos para ganhar esse livro, leu namorado? ;-) Para comprar o livro, clique aqui.

***

É isso, pessoal. :) Aproveitando o gancho, que tal participar do #DesafioDasLivrarias promovido pela editora Arqueiro também? Funciona assim: vá a uma livraria, compre um livro, poste nas redes sociais e desafie, ao menos, três amigos para terem a mesma atitude. É uma forma de incentivar a leitura e mudar o cenário das nossas livrarias! Em breve, vou desafiar algumas pessoas lá no meu insta. E vocês? ;-)

E quem já leu algum livro da listinha que citei no post de hoje, me conta o que achou. Nem sempre a leitura vai ter o mesmo significado, mas que vai ensinar algo, isso eu tenho certeza. Todos os livros fazem isso!   

Beijos, Carol.

Para ler: Encontro Livreiros

Fan Page ♥ Instagram  


4

Pequena Jornalista - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2019