09.05.2019
* Top 5: Livros de mãe! ♥

Ei, Gente! :) Que tal um top 5 com livros para mães, principalmente, aquelas de primeira viagem? Assim, ainda não sou mãe, mas quando eu for, acho que esses da seleção vão me ajudar muito. E, é claro, se alguém souber de outras histórias literárias que ajudaram e tal, só acrescentar nos comentários. Boa leitura! 

Top 5 - Livro de Mãe - PJ - 1Crédito das Imagens: Saraiva 
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista

1. Mãe, me conta a sua história? (Elma Van Vliet – Sextante) 
Sinopse: Normalmente não devolvemos os presentes que ganhamos, mas este livro é uma exceção à regra. A intenção é que sua mãe o preencha e depois o devolva a você. Quando sua mãe ficou doente, a autora se deu conta de que havia muitas coisas que não sabia sobre ela, então, criou um caderno de perguntas para que a mãe pudesse registrar suas memórias e contar as histórias divertidas, comoventes e inspiradoras que viveu. Um livro que tem espaço para escrever, colar fotografias e incluir o que mais desejar. Um verdadeiro tesouro de família!
Observação da Pequena: Na verdade, essa é mais dica de presente, né? É que eu realmente acho que a minha mamy não vai ter muita paciência para preencher (hahaha), mas quando eu for mãe, vou gostar de montar esse livro! E vocês?

2. Mãe, recém-nascida (Thaís Vilarinho – Buzz) 
Sinopse: Livros de bebê são clichês, mas e aquela mãe que acabou de nascer? Um livro meio diário, meio conversa entre amigas e aquele conforto para a leitora se conectar com seu instinto e se reconectar com sua identidade. Um choque de realidade misturado com cafuné.
Observação da Pequena: De todos, achei esse mega interessante! Acho que foge bem do clichê livro de mãe. Com certeza, esse vai entrar na minha listinha de “livros que preciso ler” quando eu tiver um serzinho dentro de mim!

Top 5 - Livro de Mãe - PJ - 2Crédito das Imagens: Saraiva 
Crédito da Montagem: Pequena Jornalista 

3. Agora que sou mãe (Flavia Calina – Academia) 
Sinopse: A descoberta da infertilidade, a luta para engravidar e os desafios e aprendizados da gravidez são abordados neste livro inspirador que é, antes de tudo, um relato real, sincero e emocionante sobre a maternidade. Também tem a recuperação pós-parto, cuidados com o neném, primeiro banho, rotina familiar, o papel da mãe e do pai, valores, filhos de pais separados, última amamentação e por aí vai!
Observação da Pequena: Eu adoro a Flavia Calina. Mesmo não sendo mãe, acompanha o canal dela (hoje com menos frequência, mas volta e meia estou lá assistindo) e é impossível não ficar calma nos vídeos dela! Eu ainda não li, mas imagino que seja bem inspirador para quem deseja ser mãe ou para aquelas que já carregam esse lindo título!

4. Adulta sim, madura nem sempre (Camila Fremder – Paralela) 
Sinopse: Um livro que reflete sobre a chegada da fase adulta e que fala muito sobre a maternidade. De um jeito bem-humorado, a autora conta passo a passo de histórias como entregar um freela para ontem, pagar a conta de gás atrasada e colocar o bebê para dormir. Tudo junto e misturado! E, de forma alguma, ela finge que está tudo sob controle e tudo bem!
Observação da Pequena: Esse, por enquanto, foi o único que eu li. As partes sobre maternidade fiquei boiando um pouco, mas me ajudou, por exemplo, a entender melhor algumas amigas que já são mães! Ah! E não tem mãe no título, mas a imagem da capa já diz tudo, né?

5. Meu jeito de ser mãe (Fernanda Rodrigues – Fontanar) 
Sinopse: Ela é mais conhecida como atriz (e apresentadora), mas cumpre um outro papel tão importante quanto: o de mãe. No seu primeiro livro, ela narra a sua experiência como mãe. Tudo de maneira sensível, bem-humorada e informativa. Mais do que dizer o que é certo ou errado, ela divide suas vivências, com ajuda de profissionais, como obstetra-ginecologista, pediatra e e etc.
Observação da Pequena: Acho que deve ter a mesma vibe do livro da Flavia Calina, mas de repente um complementa o outro, sabem? Também entrou para a minha futura lista! 

***

É isso, pessoal. Quem já leu algum desses, conta nos comentários! No mais, podem opinar à vontade. ^^

Beijos, Carol.

Post Antigo: Adulta sim, madura nem sempre!

Fan Page ♥ Instagram  


0


Pequena Jornalista - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2019