18.09.2016
* PJ Leu: Essa luz tão brilhante! ♥

E a dica literária da semana é Essa luz tão brilhante, da autora Estelle Laure. O livro foi publicado pela editora Arqueiro (parceira do blog) e mostra como tiramos força quando mais precisamos e nem sabíamos que eramos tão forte assim. Para saber mais detalhes (sem spoiler), continue lendo esse post. ;)

pj-leu-essa-luz-tao-brilhante-1

Sinopse: Lucille tem apenas 17 anos e todos os problemas do mudo. O pai dela surtou e está internado. A mãe disse que ia viajar por alguns dias, mas nunca mais voltou. Wren, sua irmãzinha e agora sua “responsabilidade”, não demonstra como tudo isso está afetando a sua vida, mas os problemas na escola dizem tudo. A sorte dela é ter uma amiga tão leal, como Eden, que não a deixa sozinha e que ajuda no que for preciso. Também tem o Digby, o irmão gêmeo da Eden, a sua grande paixão, porém comprometido. E um anjo que ela não faz ideia de quem seja. Uma história que chama atenção por mostrar que a vida não é nada fácil, porém os acontecimentos repentinos, apesar de serem assustadores, podem ser ao mesmo tempo maravilhosos.

Minha opinião: Lucille tem todos os problemas do mundo, mas em compensação uma força incrível. É uma das personagens mais fortes que já conheci. Mesmo abalada, ela foca na solução e tenta não ficar se lamentando o tempo todo. A história é muito boa e prende bastante, principalmente do começo até o meio. No final, confesso que a leitura desandou um pouco. A sensação era de que a autora se perdeu e deixou alguns pontos de interrogação na minha cabeça de leitora. A parte boa que o livro vai ter continuação e acho que muita coisa vem por ai e espero que todas as perguntas sejam respondidas.

Com essa leitura aprendi que nem sempre as coisas são como parecem ser. Aquela personagem que parece um monstrinho e que adora uma fofoca, pode ser uma das melhores pessoas. E aquela que parece ser a melhor pessoa, pode ser o verdadeiro monstro. Ou apenas: todo mundo tem seus momentos bons e ruins. Ah! Tudo muda em questão de tempo! Fora isso, adorei os pensamentos da Eden, o Digby não me conquistou muito e a Wren é uma criança adorável. Apesar da leitura não ter sido flores o tempo todo, achei a escrita da autora bem forte de um jeito muito bom. Dá a sensação de que ela nasceu para fazer isso. Destaque também para a capa. Uma das mais fofas que já vi. Confesso que o título não fez muito sentido durante a leitura, tenho alguns palpites, mas fiquei na dúvida. Mas também não sei se eu que deixei passar alguma coisa. Se alguém souber explicar (sem spoiler), fique à vontade! 

pj-leu-essa-luz-tao-brilhante-2Últimos recebidos da Arqueiro e Sextante! 

É isso, gente. Podem opinar à vontade! Apesar dos pontos negativos, recomendo. Ah! Obrigada pelo livro, Arqueiro!

Para ler a penúltima resenha literária, clique aqui.

Beijos, Carol.

Fan Page ♥ Instagram


0


Pequena Jornalista - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2018