20.01.2015
* Hipocondríaca, eu? – Projeto Drama Queen #13 (Por Teca Machado)! ♥
Oi, Gente! 
Queria pedir desculpas mais uma vez pela falta de posts aqui no PJ. Fico bem triste quando isso acontece. Dessa vez, o motivo não é siso (e nem a dor no pescoço). Já estou 100%. Mas agora, estou aproveitando as últimas semanas da viagem. Os posts vão diminuir um pouco, mas vou passar por aqui pelo menos umas duas vezes por semana, ok? E quando eu chegar no meu lar doce lar, o blog volta ao normal, prometo. 
Na quinta, eu não consegui postar o texto que a Teca fez para o Projeto Drama Queen. Mas quem ainda não leu no blog dela, pode conferir hoje. E quem já leu, lê de novo, que está bem divertido! Tema da vez? Drama Queen hipocondríaca! Bom post!  ;-)
***
Eu que já sou um tanto dramática, quando se trata de doença entro no
nível ultra hard. Não sou só drama queen, sou também hipocondríaca. E muito!
Sempre acho que estou com alguma doença mortal, de preferência incurável.
Dei um espirro? H1N1.
Tossi? Tuberculose.
Mancha de sol na pele? Câncer.
Filmes sobre vírus que se espalham pelo mundo me deixam três dias sem
dormir.
É, sou meio louca.
Meus pobres amigos formados em medicina sofrem comigo. Quando faço
algum exame, antes de conseguir retorno no médico, fico impaciente e abro os
envelopes para ver se está tudo bem, porque, né, é só ler que eu descubro (E é
nesse momento que os médicos de plantão me xingam muito). Mas se uma coisinha
parece errada, procuro no Google o que significa, já descubro se tem tratamento
e só depois ligo em pânico para meus amigos dizendo que vi os resultados por
mim mesma e agora acho que estou morrendo. Um deles certa vez até brincou
comigo dizendo que eu realmente estava doente. Ele se arrependeu de ter feito
isso depois que eu comecei a chorar de soluçar.
E o pior de tudo é que eu sofro sozinha. Fico aqui jururu achando que
estou mal e não me abro para ninguém. Pensei que só eu era assim na minha
família, até que descobri que não só a minha irmã, como também a minha mãe são
tão exageradas quanto eu. Ufa, não estou sozinha na minha loucura e drama sem
motivo.
Confesso que além de ter medo de fazer exames e descobrir que tem algo
MUITO errado comigo, tenho horror, pavor e pânico de agulhas. Não por causa de
doença, nesse caso é que pensar em alguém me furando me deixa em crise. Passo
vergonha toda vez que preciso tomar vacina ou tirar sangue. Faço escândalo
mesmo, é mais forte do que eu. Sempre que a enfermeira chega perto, começo a
afastar, a gritar, a pedir para me dar um tempo, travo os músculos do braço e
choro compulsivamente. Eu sei que quando mais nervosa eu ficar, mais a minha
veia vai sumir, só que é involuntário. Geralmente é só lá pela 5ª tentativa que
a enfermeira consegue. Nesse ponto ou ela está rindo horrores de mim ou com
ódio profundo.
Acho que é na hiponcondríacisse (Sim, eu inventei essa palavra) que
tenho os meus momentos mais drama queens e exagerados. Mas é engraçado que
quando estou realmente doente não faço muito escândalo. Não fico “ai, de mim,
socorro” ou tusso só quando alguém passa perto. Até fico contida. O problema é
a ansiedade, a espera, a dúvida de saber se estou morrendo mesmo ou não.
Por incrível que pareça, nesse momento não acho que eu tenha nada
mortal, então estou rindo de tudo o que escrevi.
E você, também tem um lado hipocondríaco beirando a loucura?
Levando os dramas da vida com muito bom humor e bastante exagero, o
Projeto Drama Queen é uma parceria entre o Casos Acasos e Livros e o Pequena
Jornalista.
Teca Machado. 
Autora do romance chick lit I Love New York, Teca Machado é uma devoradora de livros e filmes desde 1988 (Ok, mentira, desde 1994, quando aprendeu a ler). Alguém que compra livros pela capa, chora até com propaganda de margarina, é apaixonada por trailers, tem gostos mais adolescentes do que meninas de 14 anos, sonha com dinossauros e com o Bon Jovi, dá risada de si mesma, canta alto e dança no carro e pretende ser autora de Best Sellers. ;-)  * Dona do Blog Casos Acasos & Livros

31


31 Respostas para "* Hipocondríaca, eu? – Projeto Drama Queen #13 (Por Teca Machado)! ♥"

Amanda L.T. - 20-01-2015 (22:32)

Adorei esse texto! O lance de abrir os exames antes de levar pro médico eu faço, e sempre acho que tem algo errado e meio que sofro por antecipação. É a vida. hahaha
beijos.

http://lugaaraosol.blogspot.com.br/

Responder



Julie Chagas - 21-01-2015 (13:36)

Adoreeeei! Me identifiquei muito haha
Bisous,
Julie | http://www.juliechagas.com/

Responder



.lívia. - 21-01-2015 (14:35)

HAHAHA, quem nunca exagerou um pouquinho né? eu adorei!

http://www.tofucolorido.blogspot.com
http://www.facebook.com/blogtofucolorido

Responder



Inês Gabriela A. - 21-01-2015 (15:19)

Olá,
Eu sou bem dramática, mas não muito para o lado de doença, sou até meio relapsa com isso, ligo pouco, rsrs. Mas quando se tratam de minhas situações pessoais, aí ninguém segura, é drama pra todo lado.
Beijos.
Memórias de Leitura – memorias-de-leitura.blogspot.com

Responder



Lulu on the sky - 21-01-2015 (15:56)

Olá, Carol !
Minha avó que era hipocondríaca. Não gosto de tomar remédio, só tomo qdo realmente preciso.
Big Beijos
Lulu on the Sky

Responder



Para Sempre New York - 21-01-2015 (17:50)

Sou bem dramática, e talvez seja por isso que eu escrevi aquele post e gostaria de agradecer pelo seu comentário que me deixou bem confiante e me fez continuar <3
Beijos e muuuuuiiito obrigada :D

parasemprenewyork.blogspot.com.br

Responder


carol - janeiro 23rd, 2015 em 2:30 am respondeu:

Bate aqui, drama queen o! hahaha
Eba, fico muito feliz!! ♥
Beijocas

Responder



Colecionadora de moda - 21-01-2015 (18:09)

Hahaha você me lembra meu marido!
Ele é desses, jura que uma bolinha na pele é um nodulo maligno.
Que uma tosse é h1n1 hahaha
Kisses

Responder



Camila Faria - 21-01-2015 (18:23)

Eu já fui super hipocondríaca e me auto-medicava direto. Mas, graças aos céus, melhorei muito nesse aspecto. Hahaha!

http://naomemandeflores.com

Responder



Teca Machado - 21-01-2015 (19:55)

Hahahaha.
Que bom que as pessoas se identificam com a minha loucura!
E fica tranquila, Carol, aproveita a sua viagem e esquece da gente um pouquinho.
:)

Beijoooos

http://www.casosacasoselivros.com

Responder


carol - janeiro 23rd, 2015 em 2:46 am respondeu:

Quem nunca, né? hahaha
Pode deixar, friend! ;-)
Beijocas

Responder



Look Day - 21-01-2015 (20:21)

Hahaha achei engraçado, eu tento não tomar muitos remédios, mas sou a louca das vitaminas.

Beijos.

Responder



Augusta Saraiva - 21-01-2015 (23:02)

Nossa, to rindo! Adoro esse tivo de humor cotidiano, belas palavras e deu pra descontrair! Meus parabéns pra autora <3

Beijão, http://www.opinada.com

Responder



Brenda Palma - 22-01-2015 (01:06)

Adorei o texto, perfeito! Odeio remédios só tomo quando realmente não estou mais aguentando, me sinto de ferro que nunca fica doente mas quando tenho uma dor de cabeça terrível já penso que vou morrer, e até sinto falta de ar, acredita? kkkk
Muito bom o texto =D

Beijos
http://www.tudodmenina.com

Responder



Tamy Brum - 22-01-2015 (03:10)

Essa garota tá me espionando? Porque esse texto só pode ser inspirado em mim, hahaha
Super me identifico! #dramaqueenever
Não sou de tomar remédio, mas vivo achando que vou morrer, hsaushaus #deusmelivre
Adorei o post! beijos!

Responder


carol - janeiro 23rd, 2015 em 3:03 am respondeu:

Hahaha ;-)
Que bom que gostou. A gente fica muito feliz! ^^
Beijosss

Responder



Red Vintage - 22-01-2015 (04:18)

Eu sou hipocondríaca (confesso), mas ainda não cheguei nos graus mais avançados que seria a automedicação, mesmo assim uma manchinha na minha pele já penso que é leucemia, essa semana mesmo com a infecção estomacal que eu tive já fui logo pensando que poderia ser hemorragia interna e tantas outras coisas, dor no joelho penso que pode ter deslocado a patela, se meu cabelo cai um pouquinho a mais no banho penso que pode ser câncer…Vou buscar um tratamento :(

Beijão e obrigada pela visitinha no blog.

http://redandvintage.blogspot.com.br

Responder



elly - 22-01-2015 (11:20)

Post engraçado e importantíssimo,
vou passar o link pra minha amiga agora!
adorei!
Vim desejar um ótimo dia
pra vc!!!
Beijão ✿◠‿◠)✿
./___/
(=~_~=)
.*•.¸¸.•*
.¸.•**•.¸.•*¨) ¸.•*¨)
.(")__(") (¸.•* (¸.•*¨*•►
http://www.coisasdeladdy.com

Responder



Juju - 22-01-2015 (12:40)

Oi Carol!!! Trata de aproveitar a viagem… e depois você posta tudo!! Eu simplesmente AMEI esse texto da Teca, eu sou assim, já fui pior, cheguei ao pânico (aí não é tão engraçado) mas voltei para a hipocondria. Me identifiquei, eu me matava antes de ir ao médico, pois abria os exames e colocava tudo no google. Já tentou procurar o que significa uma dor do lado direito da barriga no google? É a morte! Aí você vai no médico e ele diz que está tudo bem!
Acabo me boicotando por causa desse medo e é por isso que eu estou mais de um ano sem ir ao gineco! Parabéns Juliana!!!rsrsrsrs

Relaxa aí Carol, aproveita a viagem!!

Bjos
JuJu
asbesteirasquemecontam.blogspot.com.br

Responder


carol - janeiro 23rd, 2015 em 3:21 am respondeu:

Vou aproveitar, Juju! ^^
Que bom que gostou e se identificou hahaha. Eu também me identifiquei bastante. Mas eu sou aquela medrosa que encara, sabe? Uma dor no pescoço, já vou no médico e ainda ganho uma cara feia, do tipo: sério, que você veio por isso? hahaha ;p E mesmo com esse medo, não deixa de ir não. Claro, que não pode ser exagerado, mas tem que ir sim. ^^
Beijocas,
Carol

Responder



Desbravadores de Livros - 22-01-2015 (12:46)

Quem é que não abre os exames antes de levar ao médico?Hahahaha.
Eu não tenho medo de agulhas, mas o meu padrasto só falta ter um treco ao ver.
Adoro a Teca, ela é um amor de pessoa.
Super curti o texto dela e me identifiquei com muita coisa. Ri alto das ideias dela hahaha.
É preciso ter uns 10 amigos médicos, especialistas em cada área para ela hahahahaha.

M&N | Desbrava(dores) de livros – Participe do nosso top comentarista. São 4 ganhadores e você escolhe o livro que deseja ganhar.

Responder


carol - janeiro 23rd, 2015 em 3:28 am respondeu:

Né? E ainda pesquisa no Google hahaha! A Teca é uma fofa mesmo! ^^
Que bom que gostou. ;-)
Beijocas ^^

Responder



Thayse Stein - 22-01-2015 (14:20)

Meu namorado tem pavor de agulhas, igualzinho, ele quase desmaia quando precisa tirar sangue, hahah e fica sofrendo por antecedência (tipo uns 3 meses antes). Eu não posso zoar muito dele porque tenho cinofobia, então, já viu. Sofro. Me identifiquei com muitaaas coisas desse post, eu tenho umas crises assim de achar que tô morrendo por coisas bobas, kkk. Acho que herdei isso da minha mãe e avó ;)


Beijos
Brilho de Aluguel

Responder


carol - janeiro 23rd, 2015 em 3:37 am respondeu:

Hahaha ;-) Tenho uma amiga que é assim também.
Impossível não se identificar um pouquinho, né?
Beijocas ^^

Responder



Lara Reis - 22-01-2015 (16:41)

Adoreeei o post, hahaha, sou bem assim também, tenho medo de agulhas e sempre que tenho uma coisinha, penso no pior (infelizmente)!
Bisous,
Blog Pequeno Muffin | Lara Reis
http://www.pequenomuffin.com.br

Responder



Gisele Ramon - 22-01-2015 (18:13)

Adorei, como sempre. Tão eu.
Beijos.
http://www.estilogisele.com.br

Responder



Chez B. - 22-01-2015 (18:36)

Nossa, MUITO EU! hahahaha

Carol, aproveita muito o restinho da viagem! :D

Beijinhos

Bruna
http://www.chezb.com.br

Responder


carol - janeiro 23rd, 2015 em 3:51 am respondeu:

Que bom que gosto, Bru. ;-)
Vou aproveitar sim, pode deixar!!
Beijocas ^^

Responder



Flávia - 22-01-2015 (18:43)

Realmente esse projeto é muito legal, foi o segundo post que li a respeito e tenho que dizer que ri e gostei bastante! rs

aguardandoocamaleao.blogspot.com

Responder


carol - janeiro 23rd, 2015 em 3:59 am respondeu:

Eba! Que bom ;-)!!!
Beijosss

Responder



Pequena Jornalista » Blog Archive » * Dois anos #ajeitandoacoroa – Projeto Drama Queen #98! ♥ - 20-10-2016 (23:27)

[…] 5- Hipocondríaca, eu? – PDQ #13 […]




Pequena Jornalista - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2017